TCHAU, ENXERIDA

Éramos Seis: Emília sela pacto para se livrar de Candoca; saiba com quem

REPRODUÇÃO/TV GLOBO

A atriz Susana Vieira, em close, com uma expressão de surpresa caracterizada como a Emília no remake de Éramos Seis

Susana Vieira interpreta a vilã Emília no remake de Angela Chaves: tática para se livrar de inimigos

DANIEL FARAD - Publicado em 27/01/2020, às 18h00

Emília (Susana Vieira) não medirá esforços para manter Candoca (Camila Amado) bem longe de Justina (Julia Stockler) em Éramos Seis. Em troca de devolver seu antigo emprego, a madame exigirá que Zeca (Eduardo Sterblitch) desapareça com a parente enxerida de sua mansão. Na pior, o caipira aceitará a chantagem para sair da pindaíba.

A anciã se enfiou na mansão da megera para proteger a menina, que sofre com um distúrbio mental não diagnosticado pela medicina da época, das maldades de sua mãe. Com tanta perturbação, a milionária acabará dando com a língua nos dentes e entregando que a irmã de Adelaide (Joana de Verona) começou a ter surtos depois da morte do pai.

O remake de Angela Chaves vai avançar seis meses no tempo para mostrar a idosa muito próxima de desvendar um segredo da vilã de Susana Vieira. A ricaça entrará em desespero ao perceber que a intrometida está ensinando a sua filha mais velha a ler e escrever, depois de todo o seu esforço para mantê-la calada à base de fortes calmantes.

Com os nervos à flor da pele, a senhora ainda será pega de surpresa por uma visita de Olga (Maria Eduarda de Carvalho). Cansada de fugir de cobradores que batem todos os dias à sua porta, a irmã de Clotilde (Simone Spoladore) suplicará para que a endinheirada dê uma segunda chance ao seu marido.

Troca de favores

A tia de Lola (Gloria Pires) não esconderá o seu prazer em ver Zeca se humilhando atrás de uma nova oportunidade. O matuto estará se virando como balconista em uma farmácia para conseguir sustentar os herdeiros. "Estou ganhando uma miséria, num emprego desgramado, sem poder dar à minha família o conforto e a tranquilidade que tínhamos sendo o seu funcionário", suplicará ele.

Cheio de dívidas, o caipira afirmará que seria capaz de qualquer coisa para ser readmitido na antiga função. "Não é necessário. Já entendi seu ponto. Apesar de um ingrato, sempre foi muito eficiente. Meus negócios padeceram da sua ausência, admito. Por mim, está recontratado. Pode voltar imediatamente", disparará a víbora, cheia de segundas intenções.

Emília, entretanto, vai impor uma única condição antes de fechar acordo com o genro de Maria (Denise Weinberg). "Leve Candoca. Não aguento mais ela aqui fazendo borrões com minha filha Justina, dizendo que são desenhos. Já me basta Adelaide, estou exausta das duas juntas", exigirá.

"Claro, ora! É claro que levo. Já que é para ser transparente dá cá um abraço que estou explodindo de alegria", devolverá Zeca em cena que será exibida em 29 de janeiro na novela das seis da Globo.


Inscreva-se no canal do Notícias da TV no YouTube e assista a vídeos com revelações exclusivas de Éramos Seis e de outras novelas!

Últimas de Éramos Seis

Resumos semanais

Resumo da novela Éramos Seis: Capítulos de 24 a 27 de março

Terça, 24/3 (Capítulo 151)
Isabel comemora a presença de Lola. Inês teme a proximidade de Lola e Leon. Olga e Zeca se preparam para sua viagem de navio. Lola se sente desconfortável na casa de Isabel e Felício, e ... Continue lendo

Outras novelas

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Na casa de que famoso você passaria a quarentena?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook