Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

Novela das nove

Em O Outro Lado do Paraíso, Suzy vai parar no hospital: 'Não quero perder o bebê'

Fotos: Reprodução/TV Globo

Suzy (Ellen Rocche) vai sentir dores na barriga e se desesperará na novela das nove da Globo - Fotos: Reprodução/TV Globo

Suzy (Ellen Rocche) vai sentir dores na barriga e se desesperará na novela das nove da Globo

REDAÇÃO

Publicado em 7/3/2018 - 16h42

Suzy (Ellen Rocche) vai sentir dores na barriga durante uma discussão em casa. A família da enfermeira com gravidez de risco vai se apavorar em O Outro Lado do Paraíso. Ela será levada às pressas para o hospital. "Tá doendo muito. O meu bebê, não quero perder meu bebê. Chama o Samuel [Eriberto Leão], pede uma ambulância", dirá a loira.

As cenas vão ao ar a partir do capítulo desta quarta-feira (7). A gestante estará exigindo comida japonesa quando começar a passar mal. Adnéia (Ana Lucia Torre) e Cido (Rafael Zulu) pararão de reclamar de fazer tudo para ela e chamarão o pai da criança imediatamente.

O psiquiatra irá com a ambulância do hospital buscar sua ex-mulher. Transtornado, ele vai gritar sem parar: "Não posso perder a minha filha". Assim que se deparar com Helder (Carlos Bonow), ele perguntará se o médico consegue salvar a vida do bebê. 

"Eu vou avaliar o quadro mais detalhadamente, fazer exame clínico. Mas uma gravidez de risco é sempre uma gravidez de risco", avisará o obstetra. "A culpa é toda do Cido", comentará Adnéia. A dona de casa falará isso porque ele terá comprado comida chinesa, em vez de japonesa. 

"Se minha neta nascer com cara de peixe cru a culpa é tua", reclamará a senhora. Eles transformarão o corredor do hospital em um circo, com troca de farpas o tempo todo.

Família de Samuel (Eriberto Leão) vai fazer do corredor do hospital um circo nesta quarta (7)

"Fique calma, Suzy. Cê é enfermeira da obstetrícia. Sabe que, numa gravidez como a tua, essas coisas podem acontecer de uma hora pra outra. E não tá sendo bem tratada?", indagará o médico.

"O que o senhor acha? Aquela família tá sempre em pé de guerra. E eu, tão frágil, fico lá, prostrada, participando de tudo", vai se queixar a grávida. "Eu vou conversar seriamente com eles", responderá Elder. 

Suzy terá contrações intrauterinas. Ficará tudo bem, mas ela precisará passar a noite no hospital. O médico exigirá descanso absoluto, e a enfermeira vai se aproveitar da situação.

Ela exigirá atenção total de Samuel. "Suzy, quase me matou do coração", falará Adnéia. "Dona Adnéia, se a senhora não morreu depois que soube que o teu filho tinha um caso com esse aí, não é agora que ia morrer", responderá a loira. "Já se recuperou. Tá começando com as ferroadas", dirá a mãe do psiquiatra. 

"É que, como sabem, numa gravidez de risco todo o cuidado é pouco. Às vezes a família pensa que tá fazendo o possível pra apoiar, mas nem sempre se dãoconta que não tão fazendo tudo que podem", soltará Elder.

"Ele quer dizer que o tratamento que eu recebo ainda não condiz com o estado pelo qual eu tou passando", insistirá a enfermeira. Na trama, Suzy mora com a ex-sogra desde que descobriu a gravidez de risco.

"De agora em diante, Cido, eu quero que conte uma história enquanto eu descanso. Quero que leia pra mim e pro meu bebê. Dizem que acalma", pedirá Suzy. "Era só o que faltava", reclamará Cido, que acabará fazendo o que a loira quer em O Outro Lado do Paraíso.


Confira cinco reportagens especiais sobre O Outro Lado do Paraíso:

De mimada a 'bicha pão com ovo': os sete mais odiados de O Outro Lado
Clara rejeitada e prisão de pedófilo levaram fãs da novela à loucura
De mocinha sem sexo a pacto com a morte: o fantástico mundo de Walcyr Carrasco
'A primeira tesourada é inesquecível', diz atriz que interpretou vilã da trama
Chega de achincalhar: cinco vezes em que O Outro Lado arrasou

Últimas de O Outro Lado do Paraíso


Outras Novelas

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você achou do Disney+?