Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
X
Instagram
Youtube
TikTok

FORÇA FEMININA

Aurora tira Renascer do passado, rouba protagonismo e dá basta em enrolação

ANGÉLICA GOUDINHO/TV GLOBO

A atriz Malu Mader está caracterizada como Aurora na novela Renascer, da Globo

Aurora (Malu Mader) vai se envolver com o coronel José Inocêncio (Marcos Palmeira) em Renascer

MÁRCIA PEREIRA, colunista

marcia@noticiadastv.com

Publicado em 9/7/2024 - 13h00

O remake de Renascer vai ganhar muito com a entrada de Aurora (Malu Mader). Diretora de uma empresa gigante, preocupada com extremos climáticos e também em lucrar com a alta do cacau, ela será a primeira personagem feminina com viés atual, diferentemente das donas de casa e das mães que orbitam o universo masculino que protagoniza a saga rural.

Solteira, a executiva ainda convidará José Inocêncio (Marcos Palmeira) para uma noite de sexo sem compromisso, formando com ele um casal maduro. O tom desse romance será bem diferente do último do coronel, em que ele era chamado de "painho". Até os diálogos de Aurora são diretos, sem enrolação e, principalmente, sem ela ser enrolada pelos outros.

A personagem existiu na versão original, mas não recebeu tantos holofotes como deve acontecer agora. O autor Bruno Luperi tornou o perfil de Aurora bem mais potente no remake da história e esticou a participação especial de Malu Mader. Ponto para o neto do criador de Renascer.

Importante lembrar que Benedito Ruy Barbosa criou o enredo em cima de experiências pessoais que teve em viagens ao Sul da Bahia nos anos 1970, mas o mundo mudou muito de lá para cá. Muitas das personagens femininas são inspiradas em mulheres daqueles tempos, não de hoje em dia.

Aurora tem tudo para desbancar todas as personagens femininas, mesmo a engraçada e complicada Iolanda (Camila Morgado), que costuma dar o que falar. Até agora, somente Lu (Eli Ferreira) tem uma trajetória fora da sombra de um homem no folhetim. A professora é corretíssima, tem um quê de mocinha, mas não é trouxa. Só que ela é mantida no posto de coadjuvante.

Sandra (Giullia Buscacio) teve seus dias de afrontosa, mas a história dela se perdeu com o romance e a gravidez não planejada. A garota viverá um dramalhão com a morte da filha no parto. Depois do luto, ela tem tudo para voltar a imprimir mais força feminina à novela.

Já Eliana (Sophie Charlotte) representa uma mulher cheia de interesses próprios, ousa bastante, mas flerta com a vilania e também perdeu muito tempo histérica após ter sido trocada por outra no começo do trama.

Até a vingança da carioca tem passado por uma transformação, mas é complicado ela representar a mulher dos dias de hoje justamente por ser antagonista. Eliana praticamente se vende para alcançar seu objetivo de virar "coronel".

E Mariana (Theresa Fonseca), ex-mulher do protagonista José Inocêncio, é a que tem menos força entre as personagens femininas. No fundo, ela não passa de uma perdida que não sabe o que quer, apesar de enxergar o que se passa ao seu redor, diferentemente de seu ex-marido.

Mariana foi rejeitada no passado com Adriana Esteves e, em 2024, por mais esforço que a intérprete ponha na personagem, ela continua sem sentido e escanteada pela audiência.

Leia também -> Resumo dos próximos capítulos da novela Renascer.

A primeira versão de Renascer foi ao ar na Globo em 1993. Bruno Luperi é responsável pela adaptação da saga rural que ficará no ar até 7 de setembro. Mania de Você , de autoria de João Emanuel Carneiro, entrará no lugar do remake.


Inscreva-se no canal do Notícias da TV no YouTube e assista a vídeos com revelações do que vai acontecer em Renascer e outras novelas:


Resumos Semanais

Resumo de Renascer: Capítulos da semana da novela da Globo - 15 a 27/7

Segunda, 15/7 (Capítulo 151)
Egídio conta a Mariana o que aconteceu entre ele e João Pedro sentindo-se vitorioso. João Pedro chega ao hospital. A médica diz que batimentos estão fracos e que será preciso fazer uma cesariana de emergência. Sandra ... Continue lendo

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.