Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

TALITA YOUNAN

Ex-Malhação redobra cuidados com gravidez na pandemia; saiba quais os riscos

Reprodução/Instagram

Talita Younan posou em meio à natureza, com barriguinha de grávida

Talita Younan está grávida de cinco meses de seu primeiro filho; atriz está no ar na reprise de Malhação

MARÍLIA BARBOSA

marilia@noticiasdatv.com

Publicado em 23/8/2020 - 6h45

Grávida pela primeira vez, a atriz Talita Younan teve de redobrar seus cuidados com a higiene em meio à pandemia do novo coronavírus (Covid-19). A intérprete da K1 na reprise de Malhação - Viva a Diferença, completou cinco meses de gestação na última quinta-feira (20) --coincidentemente, dia do seu aniversário de 28 anos--, e está aprendendo muito ao lado do namorado João Gomes, filho de Regina Duarte.

"Estou passando a quarentena com o João e os dois filhos dele [frutos do relacionamento do rapaz com a atriz Regiane Alves]. A gente ficou quatro meses se cuidando, fazendo tudo de casa, trancados. Tudo o que chega de fora a gente higieniza, se chega da rua coloca a roupa para lavar. A gente está agradecendo todos os dias que a nossa família está sendo cuidada", conta ela ao Notícias da TV.

A atriz está seguindo à risca as orientações de sua médica obstetra sobre os cuidados que precisa ter para não ser infectada. Ela, inclusive, diz que optou por fazer o enxoval online para não precisar sair de casa.

"Hoje a gente já leva [a gravidez] como o novo normal. Estou tentando não ficar muito preocupada com tudo o que está acontecendo para conseguir curtir esse momento. Tento sair de casa o mínimo possível, não tenho contato com muitas pessoas, lavo as mãos todas as vezes que eu lembro, e uso máscara. Quando vou ao médico, tento não tocar em nada. Agora, estou mais cautelosa", completa.

Talita Younan no quinto mês de gravidez (Reprodução/Instagram)

Os cuidados que Talita adotou na gravidez não são muito diferentes dos que a população já vem tomando desde que a epidemia se instalou no Brasil. O ginecologista e obstetra Kleber Cassius Rodrigues informa que é importante a grávida estar com os níveis altos de vitaminas no organismo para evitar a contaminação pelo vírus.

"Muito ainda há a de se descobrir sobre os aspectos dessa pandemia da Covid-19, mas alguns trabalhos recentes sugerem que a deficiência de vitamina D estaria relacionada ao maior risco na infecção. Assim, deve-se dosar, lá no início do pré-natal, e quando necessário, suplementar sua deficiência", explica Rodrigues.

Já a nutricionista Jamile Tahim não incentiva o uso de suplementos como fonte de segurança para a Covid-19. "Não existe nenhum alimento, suplemento ou medicamento milagroso. É preciso desmistificar isso. Os estudos ressaltam a importância dos hábitos alimentares saudáveis no contexto da pandemia, e não há comprovação científica de que apenas um nutriente específico melhore a resistência à contaminação", ensina.

"Portanto, uma alimentação à base de fibras, frutas, legumes, cereais, grãos e sementes, proteínas vegetais e leguminosas fornecem diversos micronutrientes fundamentais para saúde da mãe e do bebê", continua a nutricionista.

E o que uma mãe deve fazer caso seja infectada pelo coronavírus? O médico obstetra pondera: "A literatura ainda é pobre quanto ao risco de transmissão vertical [da grávida para o feto] da Covid-19. Em termos gerais, acredita-se que não ocorra. Embora já existam relatos de poucos casos, que ainda requerem investigação". 

Alimentação

Talita Younan admite que, antes de engravidar, tinha um paladar infantil. Porém, após passar a quarentena com Gomes e, poucas semanas depois, descobrir que estava à espera do bebê, percebeu que precisava mudar seus hábitos alimentares.

"Minha médica disse que não é bom comer comida meio crua, ovo cru --que eu adoro com a gema mole--, queijo fresco, comida japonesa... E o que mudou durante a quarentena foi o meu paladar. Como o João sempre comeu [de maneira] mais saudável, eu fui aprendendo. Aprendi a comer batata doce, como salada e legumes todos os dias. Sem contar que agora eu tenho que pensar muito no bebê", relata.

Além da nova rotina da atriz, a nutricionista pontua demais alimentos que devem ser evitados na gestação, independentemente de estar em um momento de pandemia.

Talita Younan quis pizza no aniversário (Reprodução/Instagram)

"É bom evitar o consumo de alimentos ultraprocessados, como biscoitos, macarrão e sopas instantâneas, refrigerantes, peito de peru, presunto, suco em pó instantâneo, que são fontes excessivas de açúcares, gorduras saturadas, sódio e outros aditivos alimentares, como corantes, conservantes, que realçam o sabor, e aromatizantes. Além destes, também é importante evitar os produtos light e diet, que geralmente são produzidos com diversos aditivos alimentares", complementa.

Jamile destaca ainda que a pandemia torna mais difícil para algumas pessoas manterem uma dieta saudável. "A ruptura do convívio social pode exercer influência no nosso padrão alimentar. Por isso, muitas pacientes relatam aumento do estresse e da ansiedade em resposta ao isolamento social", lista ela.

"Isso pode favorecer o hábito de comer exagerado. Muitas referem o aumento na quantidade de alimentos consumidos e a busca por alimentos considerados 'comfort food' [comida de conforto] para alívio emocional. Ou seja, alimentos que despertam emoções positivas e lembranças afetivas, como os doces, que possuem um alto valor calórico e baixa qualidade nutricional", ressalta.

Atividade física na quarentena

Talita continua praticando exercícios físicos com frequência para não perder o ritmo. "Mantive as minhas aulas online às segundas, quartas e sextas, faço caminhada em casa, em volta do quintal. E nos outros dias eu malho sem fazer nada de impacto, em que eu precise pular muito. E também diminuí o peso."

Jamile acredita que atividade física é fundamental para uma gestação saudável. "Diversas modalidades podem trazer benefícios à saúde e capacidade funcional da gestante. Há algumas evidências de efeitos positivos como melhorar a flexibilidade e equilíbrio que estão associados ao aumento de chances para o parto normal, ampliar a capacidade de oxigenação sanguínea e melhorar a função cardiorespiratória."

Grávidas na pandemia

Além de Talita, outras famosas anunciaram sua gravidez em meio à pandemia do novo coronavírus. Confira algumas:

Atriz está grávida de uma menina (Reprodução/Instagram)

Nathalia Dill

À espera de uma menina, a atriz  adiantou aos fãs a sua felicidade ao lado do marido, o músico Pedro Curvello.

"Nosso amor está crescendo dentro de mim. Estamos radiantes, vocês podem até ver os raios na foto. Estamos muito felizes, essa notícia veio pra acalentar os nossos corações neste período tão difícil. Desejo a todos muito amor e que tudo melhore logo pra que todos possam se abraçar longamente", escreveu no Instagram.

Flavia Viana com a barriguinha de fora (Reprodução/Instagram)

Flavia Viana

Já Flavia Viana, campeã de A Fazenda, anunciou a gravidez no Dia das Mães --ela espera um filho com Marcelo Zangrandi, seu par no reality rural.

"A família está crescendo! Esperamos tanto por essa notícia! Nosso bebê arco-íris está a caminho! Sim, sim e sim! Após duas perdas, que serviram para nos fortalecer e nos unir ainda mais, estamos prontos para receber esse filho (ou filha - palpites?) com todo o amor do mundo! Por enquanto, nos fogem palavras, mas tudo se resume a uma só: felicidade", escreveu ela.

Kamilla Salgado no oitavo mês de gestação (Reprodução/Instagram)

Kamilla Salgado

Após um aborto espontâneo, a ex-BBB Kamilla Salgado revelou que está à espera de seu primeiro filho com Eliéser Ambrósio, a quem conheceu na 13ª edição do reality da Globo --e com quem participou da quarta temporada do Power Couple, na Record.

"Desde a época de namoro falamos muito em ter filhos. Era um sonho nosso ter a nossa família", declarou ela, que está com 35 semanas e entrou na reta final da gestação.


Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você acha das demissões de veteranos da Globo?