Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

MARCA HISTÓRICA

Globo de Ouro 'destrona' machismo com três mulheres indicadas a melhor direção

Divulgação/HBO

Regina King em cena da série Watchmen

Regina King em cena da série Watchmen; ela é uma das três mulheres indicadas a melhor direção

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 3/2/2021 - 13h41

A revelação dos indicados à 78ª edição do Globo de Ouro nesta quarta-feira (3) quebrou um dos maiores tabus da história do entretenimento norte-americano. Com três mulheres na disputa pela estatueta de melhor direção, a premiação destronou o machismo que domina Hollywood e fez história.

Regina King (Uma Noite em Miami), Emerald Fennell (Promising Young Woman) e Chloé Zhao (Nomadland) foram anunciadas na relação ao lado de Aaron Sorkin (Os 7 de Chicago) e David Fincher (Mank) e se juntaram ao seleto grupo de mulheres indicadas ao prêmio.

É a primeira vez na história do Globo de Ouro que três mulheres entram na disputa por melhor direção em um mesmo ano. Anteriormente, apenas Barbra Streisand (1984 e 1991), Jane Campion (1994), Sofia Coppolla (2004), Kathryn Bigelow (2010 e 2013) e Ava DuVernay (2015) foram indicadas, mas todas integram uma lista preenchida por homens. Entre elas, apenas Barbra sagrou-se vencedora.

O feito torna-se ainda maior se comparado à história do Oscar, considerado o maior prêmio da indústria cinematográfica e do entretenimento mundial. Na cerimônia realizada pela Academia, só cinco mulheres foram indicadas à melhor direção em 92 anos --e apenas Kathryn Bigelow, por Guerra ao Terror (2008), saiu com a estatueta.

Regina, consagrada na carreira com Oscar e Emmy por seus trabalhos como atriz, consegue uma indicação em sua primeira aventura na direção em um longa-metragem para o cinema ou streaming. Na mesma situação está Emerald, mais conhecida por viver Camilla Parker Bowles em The Crown, que tem em Promising Young Woman o seu primeiro filme como diretora.

Um pouco mais experiente que as concorrentes, a chinesa Chloé completou com Nomadland o seu terceiro longa-metragem e está finalizando os trabalhos em Os Eternos, filme do Universo Cinematográfico da Marvel que estreia em 5 de novembro.

Confira abaixo os trailer dos filmes pelos quais cada diretora disputará a estatueta:

Uma Noite em Miami, de Regina King

Nomadland, de Chloé Zhao

Promising Young Woman, de Emerald Fennell


Leia também

Web Stories

+
A Fazenda 13: Sem barracos, Liziane frustra público e é eliminada; veja trajetóriaComo Lázaro Ramos e Taís Araujo: 7 casais formados nos bastidores da GloboSex Education vai ter 4ª temporada? Veja cinco curiosidades sobre a sérieA Fazenda 13: Surto na baia e barraco com ofensas marcam primeira semana do realityQuem é Alanis Guillen? Conheça a Juma Marruá do remake de Pantanal

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Além de Pantanal, qual novela antiga merecia um remake?