FUTEBOL 2020

Vivi Guedes da vida real? Globo manda Galvão Bueno fazer post pago no Instagram

Reprodução/Instagram

O locutor Galvão Bueno em frente a carro da Volkswagen em foto publicada em seu perfil no Instagram

Galvão Bueno em seu primeiro post patrocinado no Instagram; em 2020, isso será rotina na rede social

DANIEL CASTRO e LUCIANO GUARALDO - Publicado em 05/09/2019, às 05h31

A Globo está vendendo aos patrocinadores de suas transmissões de futebol um pacote de posts patrocinados no Instagram. Em plano comercial lançado anteontem (3), a emissora pela primeira vez na história extrapola suas próprias plataformas de TV e internet e oferece ações comerciais nas "redes sociais dos influenciadores da Globo". A novidade integra os pacotes de patrocínio do Projeto Futebol de 2020, que custarão 307 milhões cada, R$ 3 milhões a menos do que o de 2019.

No documento, a Globo apresenta como "influenciadores" os locutores Galvão Bueno, que tem 829 mil seguidores no Instagram, e Gustavo Villani (424 mil); os apresentadores Felipe Andreoli (1 milhão) e Alex Escobar (818 mil) e o comentarista Caio Ribeiro (549 mil).

Cada patrocinador terá direito a 30 stories e a oito posts no Instagram ao longo de 2020. O plano diz que "a definição dos talentos que participarão será feita pela Globo a partir do conteúdo e objetivos do cliente". Talentos é como a emissora se refere, neste caso, aos Vivi Guedes da vida real do jornalismo esportivo.

Para Galvão Bueno, o plano comercial alerta que será necessária uma "negociação específica". O narrador fez seu primeiro post patrocinado no Instagram na última segunda (2). A ação não teve nada a ver com o pacote de futebol. Fez parte do pacote de patrocínio da Volkswagen ao quadro Na Estrada com Galvão, exibido no Esporte Espetacular.

Reprodução

Página do plano comercial do Futebol 2020 em que a Globo anuncia publicidade de jornalistas 


Locutores estão liberados a fazer publicidade

Os posts no Instagram representam mais um avanço na política da Globo de liberar seus profissionais do departamento de Esporte para práticas publicitárias, iniciada neste ano com ações de merchandising durante as transmissões esportivas, como a realizada no último domingo (1º) pelo aplicativo iFood.

Em 2020, os narradores e comentaristas poderão participar de campanhas publicitárias dos seis patrocinadores nacionais do futebol. "Os patrocinadores do Projeto Futebol 2020 poderão contratar o casting do Futebol da Globo (Galvão Bueno, Cleber Machado, Casagrande, Caio Ribeiro, Roger Flores e Junior) para realização de campanhas publicitárias com exclusividade no seu segmento", propõe o plano comercial.

O "casting do Futebol da Globo" também poderá fazer publicidade para os patrocinadores das transmissões de Fórmula 1, dos Jogos Olímpicos de Tóquio e de projetos especiais desenvolvidos pela emissora.

O Projeto Futebol 2020 prevê a transmissão de 85 jogos ao longo do ano, distribuídos entre campeonatos estaduais, Brasileirão, Copa do Brasil, Libertadores e partidas da Seleção Brasileira. São dez confrontos a menos do que o pacote de 2019, que custou R$ 310 milhões na tabela.

Os atuais patrocinadores (Ambev, Itaú, Casas Bahia, Chevrolet, Hypera Pharma e Vivo) têm prioridade para comprar o pacote de 2020 até 1º de outubro.

Daniel Castro
DANIEL CASTRO transformou a coluna de Televisão da Folha de S.Paulo na mais relevante do país durante sua passagem pelo jornal, entre 1991 e 2009. Trabalhou no Notícias Populares (1995-96) e R7 (2009-13). E-mail: dcastro@noticiasdatv.com

Leia também

Carregando… Carregando...