Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

VAQUINHA DA MABEL

Monique Curi luta para juntar dinheiro para atriz com doença rara: 'Gastos enormes'

REPRODUÇÃO/INSTAGRAM

As atrizes Monique Curi (à esquerda) e Mabel Calzolari (à direita) em fotos publicadas no Instagram

Monique Curi (à esq.) e Mabel Calzolari em fotos publicadas no Instagram

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 9/6/2021 - 8h54

Mais de sete meses após criar uma vaquinha para arrecadar dinheiro para a atriz Mabel Calzolari no tratamento de uma doença rara, Monique Curi ainda luta para ajudar a jovem diagnosticada com aracnoidite torácica. "Os gastos que ela tem tido são enormes", declarou a veterana.

Atualmente em tratamento no Hospital Universitário Clementino Fraga Filho, no Rio de Janeiro, Mabel já passou a maior parte deste ano internada. A história da ex-mulher do ator João Fernandes, com quem teve um filho, foi conhecida por Monique em 2020, quando a jovem deu uma entrevista para o canal do YouTube da ex-Globo.

"Eu tenho uma filha de 18 anos e fiquei muito sensibilizada com a história da Mabel. Eu brinco que ela virou minha filha adotiva. Ela mora com a mãe dela e tem um filho ainda bebê [Nicolas]. A mãe, que é cabeleireira, não está podendo trabalhar porque cuida dela o tempo todo. Por isso, tenho cuidado das questões burocráticas do dia a dia delas", explicou a artista.

"Também consegui fazer um plano de saúde para ela recentemente. Eu pago uma parte, uma amiga minha ajuda com outra e o restante vem da vaquinha", elencou Monique em entrevista à coluna de Patrícia Kogut, do jornal O Globo. 

Antes, o objetivo inicial da vaquinha era arrecadar R$ 50 mil, valor gasto com o tratamento e que foi alcançado graças ao apoio de famosas como Tatá Werneck e Isis Valverde. Entretanto, a meta subiu para R$ 100 mil devido à necessidade da jovem.

"Os gastos que ela tem tido são enormes. Tudo está muito bem detalhado. Não há nada que não esteja ligado aos medicamentos ou a itens fundamentais para o seu dia a dia. Já foram mais de dez cirurgias na coluna. Ela tem, por exemplo, feridas enormes que não fecham e precisam de curativos especiais que custam R$ 100", lamentou a dona da vaquinha.

"Eles têm que ser trocados com frequência. Além disso, a Mabel não está andando, tem tido espasmos e registra febre diariamente há quatro meses. Os médicos não conseguem encontrar uma solução para o problema. Com isso tudo, ela acabou desenvolvendo síndrome do pânico e vem tendo também acompanhamento psiquiátrico", completou Monique.

A intérprete da recepcionista Antônia em Laços de Família (2000) se encontrou pessoalmente com Mabel pela primeira vez em dezembro do ano passado. 

"Foi muito emocionante esse encontro. Essa menina é uma guerreira, tem um astral maravilhoso. Além dos medos e do sofrimento por conta da doença, ela enfrentou ataques nas redes por ter ganhado peso no ano passado devido aos corticoides. É muito difícil tudo isso que ela está passando", disse.

"O que eu espero é divulgar a situação dela para conseguirmos ajudar não só com a vaquinha, mas também para encontrar uma solução na ciência", finalizou a atriz. 

A enfermidade de Mabel Calzori trata-se de uma inflamação da aracnóide (uma das membranas que circundam o cérebro e a medula espinhal) causada por infecção, lesão traumática ou compressão de hérnia de disco vertebral. O quadro gerou cistos no local --o que pode levar a pessoa à paraplegia ou tetraplegia.


Leia também

Web Stories

+
De Fernanda Montenegro a Sônia Braga: Cinco atrizes que entraram para a históriaDe série com Liniker a nova temporada de Elite: Confira os lançamentos da semanaBastidores de O Diabo Veste Prada tiveram atriz deprimida e look vetado, saiba maisJuliette, Zico e Anitta: Sete celebridades que viraram tatuagens de fãsOportunidade de brilhar: Cinco PCDs que atuaram na TV brasileira

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você achou da saída antecipada de Faustão da Globo?