Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

ESTRELA DE FRIENDS

Jennifer Aniston revela que entrou em colapso por conta da fama: 'Não queria ser vista'

REPRODUÇÃO/APPLE TV+

Imagem de Jennifer Aniston de vestido preto em cena do The Morning Show

Jennifer Aniston em cena do The Morning Show; atriz revelou dramas que enfrentou na carreira

REDAÇÃO

Publicado em 19/8/2020 - 12h30

Jennifer Aniston revelou que já entrou em colapso algumas vezes por causa da fama durante os seus 30 anos de carreira. A eterna Rachel de Friends (1994-2004) afirmou que, antes de comparecer aos tapetes vermelhos e eventos públicos, sentia medo de ir e ser julgada. "Teve vezes em que fiquei, tipo, 'não quero ir, não quero ser vista'", relatou a artista.

Em entrevista ao jornal norte-americano Los Angeles Times, a atriz disse que a percepção de que isso não era normal veio quando ela começou a interpretar a personagem Alex Levy, na série The Morning Show, que está disponível na Apple TV+. "Esse programa foi 20 anos de terapia em dez episódios", assegurou ela.

Na trama, Alex é uma apresentadora de um programa matinal que passa por momentos conturbados entre a vida pessoal e profissional. Ela mostra como lida --e esconde-- isso ao encarar as câmeras diante de todo o país. "É interessante para mim ver como sempre tentei normalizar o 'estar bem'. Há momentos em que você tem seu colapso particular", confessou Jennifer.

Ao relembrar um episódio em que Alex chora dentro de uma limusine a caminho de um evento de premiação em sua homenagem e, em seguida, precisa fazer uma cara de quem está feliz em um momento em que preferia estar escondida, Aniston disse que conseguiu passar a realidade da cena por já ter vivido essa experiência.

"Houve momentos, não a esse nível de histeria, mas que pensei: 'Eu não quero ficar aqui, não quero sair para o tapete [vermelho], não quero ser vista. Todo mundo vai estar falando sobre mim e me julgando'. Isso é real", afirmou a intérprete. "Simplesmente adorei ser capaz de entrar e inclinar-me sobre [a personagem] e não ter vergonha disso", comemorou, satisfeita.

Para Jennifer, interpretar Alex foi como uma purificação que a fez examinar sua relação com a fama nas últimas três décadas e perceber que poderia melhorar isso, se cobrando menos. "Houve momentos em que eu lia uma cena e sentia como se uma tampa de bueiro inteira tivesse sido tirada das minhas costas", declarou.

Além da satisfação ao dar vida à personagem, The Morning Show também foi uma realização pessoal de Jennifer, que foi uma das produtoras a construir a série do zero. A produção rendeu a ela as melhores críticas de sua carreira, uma indicação ao Emmy e um SAG Award em janeiro.

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você espera ver na TV em 2021?