Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

EX DE MALLU OHANA

Com inquérito arquivado por falta de provas, Dudu desabafa: 'Foi duro'

REPRODUÇÃO/INSTAGRAM

Dudu e a ex-mulher Mallu Ohana

Dudu e Mallu Ohana; ex-jogador do Palmeiras fez desabafo após ser inocentado de acusação de agressão

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 21/1/2021 - 17h39

O jogador Dudu, ex-Palmeiras, fez um desabafo nas redes sociais nesta quinta-feira (21) após não ter sido indiciado pela Polícia Civil no âmbito da acusação de agressão movida pela ex-mulher, Mallu Ohanna. O atacante, hoje no Al Duhail, do Qatar, afirmou que passou por um dos momentos mais difíceis de sua vida e se mostrou aliviado com o desfecho da investigação, que não encontrou provas contra ele. "Foi duro", resumiu.

"Nos últimos meses, passei por um momento bem pesado. Posso dizer que foi um dos mais difíceis da minha vida. Somente as pessoas próximas a mim sabem como foi duro ser acusado por algo que jamais faria, mas, graças a Deus, chegou ao fim de uma maneira que não me causa nenhuma surpresa. A verdade prevaleceu e, como sempre disse, sou inocente", começou Dudu, em publicação no Instagram.

"O linchamento público foi cruel e dolorido, mas nunca me dei por vencido. Para continuar firme, me apeguei ao amor aos meus filhos e recebi muita força das pessoas que ficaram ao meu lado. E também devo dizer que sempre acreditei na Justiça", acrescentou.

O ex-jogador do Palmeiras disse que colaborou com a investigação ao se apresentar voluntariamente para prestar depoimentos e entregar o celular para a análise de mensagens e telefonemas. 

"Por todo esse tempo, me mantive longe do debate público e colaborei com o trabalho da Polícia. Jamais fui intimado a nada. Sabendo da minha inocência, da qual nunca tive dúvida, me apresentei, espontaneamente, à delegada, dei meus depoimentos de peito aberto e até entreguei o meu telefone celular para a averiguação da perícia, sem qualquer restrição de acesso pelos profissionais", contou.

Para apurar as informações no inquérito, a Polícia Civil ouviu depoimentos de testemunhas e utilizou imagens do circuito interno de TV do condomínio onde o casal morava em São Paulo. 

Na decisão, a delegada Adonilza Lopes de Oliveira, responsável pela 9ª Delegacia de Defesa da Mulher, concluiu que não houve elementos suficientes para o indiciamento do atleta. O relatório final aponta que a análise técnico-jurídica não trouxe evidências de agressão de Dudu e também considera que houve contradições em alguns depoimentos de Mallu e de testemunhas de acusação. Agora, o caso segue para ser apurado pelo Ministério Público.

Acusação de agressão

A acusação contra Dudu foi originada após uma briga entre os dois no condomínio onde moravam. Na denúncia, Mallu registrou um boletim de ocorrência em que relatou ter sido agredida com socos e puxões de cabelo. O caso envolve até a ex-BBB Munik Nunes, com quem Dudu teve um caso. Ela foi pivô de um barraco entre o ex-casal que teria ocorrido no Carnaval do ano passado.

Dudu ressaltou que o período da investigação, que durou cerca de seis meses, foi "duro e doloroso", mas que quer esquecer o passado para focar na continuação de sua carreira. Ele e Mallu foram casados por dez anos e o relacionamento foi marcado por brigas, traições e acusações de agressão. O ex-casal tem dois filhos, Pedro e Cauê.

"Quero olhar para frente, seguir em paz ao lado das pessoas que eu amo e fazer o que mais gosto, que é jogar futebol", salientou o atacante. As acusações foram determinantes para que ele deixasse o Palmeiras em julho, após cinco anos e meio, e se transferisse ao clube do Qatar em "busca de paz", como disse na época.

Veja o desabafo de Dudu no Instagram:


Leia também

Web Stories

+
De violência doméstica a desemprego: Como está o elenco de Roque SanteiroDe Fernanda Montenegro a Sônia Braga: Cinco atrizes que entraram para a históriaDe série com Liniker a nova temporada de Elite: Confira os lançamentos da semanaBastidores de O Diabo Veste Prada tiveram atriz deprimida e look vetado, saiba maisJuliette, Zico e Anitta: Sete celebridades que viraram tatuagens de fãs

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Você gostou de ver Tiago Leifert no comando da Super Dança dos Famosos?