Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

MALLU OHANA

Após barracos com amantes, ex-mulher do jogador Dudu sofre derrota na Justiça

REPRODUÇÃO/INSTAGRAM

Montagem de Mallu Ohana, e do jogador Dudu, ex-Palmeiras, hoje no Qatar

Mallu Ohana e o jogador Dudu, ex-Palmeiras; empresária sofreu derrota na Justiça após pleitear aumento da pensão

RICARDO MAGATTI

ricardo@noticiasdatv.com

Publicado em 27/9/2020 - 7h10

A conturbada relação de Mallu Ohana com o jogador Dudu, ex-Palmeiras, ganhou um novo capítulo. A empresária entrou na Justiça para pedir aumento da pensão alimentícia paga a ela e aos dois filhos, Pedro e Cauê, mas teve a solicitação negada. O valor atual é de R$ 65 mil por mês. A ex-mulher do atacante pleiteou ampliá-lo para R$ 150 mil.

Mallu solicitou um aumento no valor da pensão com base em notícias veiculadas na imprensa que indicam que Dudu passou a ter uma remuneração maior no Al-Duhail, do Qatar, em comparação ao dinheiro que recebia no Palmeiras. Segundo o colunista Cosme Rimoli, do R7, no novo clube o jogador tem rendimentos próximos de R$ 5 milhões por mês. Antes, ele ganhava R$ 1,8 milhão no Alviverde.

No entanto, o juiz Ary Casagrande Filho, da 1ª Vara da Família e Sucessões da Justiça de São Paulo, entendeu que o valor atual da pensão pago por Dudu é suficiente e indeferiu a requisição de Mallu.

"O pedido dos autores para majoração dos alimentos provisórios não prospera. Com efeito, inexiste qualquer fato novo ou elemento hábil a embasar a elevação do valor pago pelo requerido a título de pensão alimentícia aos demandantes", diz trecho da decisão do magistrado, à qual o Notícias da TV teve acesso.

"O valor já fixado nos autos, no importe de R$ 65.000,00 (sessenta e cinco mil reais), mostra-se suficiente para manter o sustento da família", decretou o juiz.

Com a distância física, Ary Casagrande Filho autorizou o contato dos filhos com o pai por "meios remotos de comunicação, visando a resguardar os melhores interesses dos menores" e também liberou as crianças para visitarem Dudu no Qatar em janeiro de 2021. Mallu e o jogador vão se alternar na hora de ficar com os meninos no Natal e no Ano-Novo.

Vale ressaltar que Mallu trava uma batalha judicial para ter direito a parte da fortuna que o ex-marido conquistou ao seu lado durante os dez anos em que foram casados.

Relacionamento conturbado

Dudu e Mallu Ohana tiveram um relacionamento marcado por polêmicas, brigas, traições e acusações de agressão. A empresária decidiu dar fim ao casamento após uma discussão que teria terminado em agressões físicas. Na ocasião, ela afirmou que teria levado socos na cabeça e na região do peito, além de puxões de cabelo.

A briga ocorreu em 22 de junho. No mesmo dia, Mallu foi a uma delegacia em São Paulo e registrou um boletim de ocorrência. Vídeos obtidos pelas câmeras de segurança da área externa do condomínio em que eles viviam juntos mostram a briga.

Após a denúncia de violência doméstica e lesão corporal, o jogador compareceu voluntariamente ao 87º Distrito Policial de São Paulo, em Pirituba, para prestar esclarecimentos e negar as agressões. No entanto, o craque admitiu que as acusações foram determinantes para que deixasse o Palmeiras em julho, após cinco anos e meio, e se transferisse ao clube do Qatar, onde foi buscar "paz para jogar futebol", em suas próprias palavras.

As desavenças entre os dois são antigas. Eles já tiveram inúmeras idas e vindas. Em dezembro do ano passado, Mallu armou um verdadeiro barraco dentro do Allianz Parque, estádio do Palmeiras, ao perceber que uma suposta amante do jogador estava no mesmo camarote, ao seu lado.

Entre uma dessas idas e vindas, o atacante teve um breve relacionamento com Munik Nunes. A ex-BBB, inclusive, foi a uma delegacia da mulher neste mês para pedir uma medida protetiva contra Mallu depois que as inimigas se reencontraram por acaso em um supermercado e protagonizaram um barraco. Na ocasião, houve "xingamento e gritaria", segundo a campeã do BBB16.

Antes, no Carnaval deste ano, a ex-mulher do craque teria tido uma crise de ciúme ao vê-lo com a modelo, e chegou a chutar o carro em que os dois estavam.

Condenação

No início de sua trajetória no Palmeiras, em abril de 2015, Dudu foi condenado pela Justiça de Goiás a cumprir serviços comunitários. Com base na Lei Maria da Penha, ele foi denunciado por agressão à mulher e à sogra em 2013, quando estava de férias em Goiânia. A pena foi mais leve porque o juiz entendeu que não houve lesão corporal nem ameaça por parte do atacante.

Na época, Dudu chegou a ser preso, mas foi liberado no mesmo dia após pagar fiança. Segundo depoimento de Mallu à polícia, ela foi agredida com socos na cabeça e puxões de cabelo após uma briga, e sua mãe acabou sofrendo escoriações no braço.


Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Você já tem seu favorito em A Fazenda 12?