Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

FINAL MASCULINA

Último homem campeão do BBB, Cezar aponta erro das mulheres: 'Apáticas'

PAULO BELOTE/TV GLOBO

Cezar Lima no castigo do monstro no BBB 15

Cezar Lima no castigo do monstro no BBB 15: paranaense levou o prêmio de R$ 1,5 milhão do reality

IVES FERRO

ives@noticiasdatv.com

Publicado em 25/4/2022 - 7h00

Cezar Lima, último homem vencedor do Big Brother Brasil, classificou o BBB 22 como um erro para todos os participantes. A um dia da final, restam apenas homens na casa --algo inédito na história do programa. Para o milionário, os rapazes saíram na frente por conta da falta de personalidade das mulheres.

"O fato de o elenco feminino ter sido apático durante toda a temporada era como tirar leite de pedra. Dali não saíram histórias bacanas e engraçadas. Isso, somado à ausência de carisma das participantes, foi um dos fatores determinantes para a prevalência das figuras masculinas nesta edição", conta ele em entrevista ao Notícias da TV.

"Se analisarmos, houve muita promessa por parte das meninas de que fariam acontecer o jogo do entretenimento. E, na hora de entregarem o prometido, falseou e falhou toda a expectativa gerada no público", completa. O paranaense classificou os perfis femininos das edições anteriores como instigantes, carismáticos e engraçados. Tudo o que faltou neste ano.

O maior erro, de acordo com Cezar Lima, foi o apego por narrativas anteriores. Todas estavam preocupadas em se comportar como outros ex-participantes que ganharam destaque, e mostraram carinho apenas pelo gênero feminino. Ele opina que as sisters tentaram se aproximar de Jade Picon por ela ser uma influenciadora forte fora da casa.

"Nota-se que todas integrantes do lollipop gravitavam em torno da Jade Picon justamente por falta de autoestima e confiança nos fatores individuais. Usaram muito a Jade como um escudo na tentativa de fazer com que um pretenso favoritismo inexistente dela grudasse nelas. Mas foi justamente a rejeição que colou. Em síntese, foi a ausência de repertório, graciosidade e entretenimento que esfacelou a individualidade delas", afirma.

O advogado torcia pela vitória de Pedro Scooby, eliminado na última quinta-feira (21). Lima enxergou no surfista suas mesmas estratégias até a reta final.

"O propósito dele foi muito similar ao meu: viver a experiência com todo o coração, e os frutos que viessem disso seriam consequências que Deus dá pra gente. Ele é leve, de bom coração, atrapalhado igual eu fui, e isso nos aproxima bastante. Gosto mais de participantes que me arrancam boas risadas, que propiciam entretenimento, e esse papel ele desempenhou bem", elogia.

Final do BBB 15

No BBB 15, Cezar disputou o prêmio milionário com Amanda Djehdian. Ele teve 65% de aprovação do público para levar a bolada, mas não acreditava nas chances de vencer. A colega de confinamento esteve envolvida em uma das narrativas de destaque daquele ano: um triângulo amoroso com Fernando Medeiros e Aline Gotschalg --hoje casados.

O tempo inteiro acreditava que não seria campeão, nem nos meus maiores sonhos acreditava que Deus seria tão generoso comigo. Quando ganhei a prova e garanti o terceiro lugar… Aquilo já representava a maior conquista da minha vida! Então, quando anunciaram que eu era o campeão, fiquei atônito, atordoado, porque eu acreditava que o enredo do programa estava em torno da Amanda, Fernando e Aline. Além disso, ela fez um jogo de alianças, com interlocutores, em que teve a oportunidade de se mostrar no seu âmbito mais amplo.

Saiba tudo sobre o BBB 22 com o podcast O Brasil Tá Vendo

Ouça "#74 - Como será o futuro dos ex-BBB22?" no Spreaker.


Inscreva-se no canal do Notícias da TV no YouTube para conferir nossos boletins diários, entrevistas e vídeos ao vivo sobre reality show:


Últimas de BBB22

Leia também

Enquete

Qual o personagem mais chato de Pantanal?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.