Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

BRUNO AHMED

Alemér de Reis, ator ativa 'modo monstro' e perde 8 kg para ser guerreiro

BLAD MENEGHEL/RECORD

Ator Bruno Ahmed olha para frente com cara de sério em cena de Reis

Na novela Reis, Bruno Ahmed interpreta Alemér, príncipe dos filisteus e um dos vilões da trama

GUILHERME MACHADO

guilherme@noticiasdatv.com

Publicado em 25/4/2022 - 6h35

Em Reis, Bruno Ahmed vive Alemér, filho caçula dos reis dos filisteus e, portanto, um dos vilões da história. Além de príncipe, o personagem é um guerreiro, o que significa que o ator teve de encarar uma preparação física daquelas. Ele intensificou seus treinos, aumentou a suplementação e chegou a perder mais de oito quilos para a novela bíblica da Record.

"Foi bem intenso. Tive que aumentar a suplementação, as vitaminas, até para me ajudar a dormir melhor para eu poder aguentar. Era muito treino: espada, lança, cavalos, academia. Tive que preparar meu corpo muito para isso, para essa rotina. Treinava em grupo, às vezes individual", conta o intérprete em entrevista ao Notícias da TV.

"Eu emagreci 8,4 quilos. Eu troquei gordura por massa, tive uma diferença bem grande no copo. Peguei pesado! Fiz pilates para ajudar a musculatura a aumentar. Graças a Deus fluiu", complementa.

Na trama, os filisteus são os grandes vilões e tentam transformar a vida daqueles que moram em Israel em um verdadeiro inferno. Por isso mesmo, o núcleo não é exatamente queridinho do público do folhetim. Apesar disso, o intérprete diz que está adorando a interação com os espectadores e que gosta de ser odiado. 

"É o núcleo 'meu malvado favorito'. Está bizarro, estou recebendo muitos comentários que começam com: 'Tenho raiva de você, mas estou amando'. Acho que a galera está entendo que é um personagem, estão gostando da trama. Olha que tem um monte de mensagens ainda que não abri", destaca.

Ao mesmo tempo, os vilões julgam ter motivos para se voltarem contra os rivais, uma vez que, no passado, o território de Israel pertenceu a eles. Agora, os malvados querem reconquistá-lo. 

Foi um desafio no início para achar o tom do personagem. Mas tivemos uma preparação intensa que fez com que a gente debatesse bastante sobre o que tinha por trás, o que eles queriam, como era a relação de cada um. Fomos criando juntos, fomos nos ajudando. 

Batalha épica

Uma das maiores promessas dessa primeira fase de Reis é uma grande batalha que acontecerá em sua reta final. O confronto épico deve ser marcado por muitos efeitos especiais e sangue, e Bruno Ahmed dá uma palinha de o que os fãs podem esperar da sequência. 

"Vai ter uma surpresa em questão de produção. Acho que foi uma gravação épica que tivemos. Foi bem desgastante, mas ao mesmo tempo me dá muito orgulho de ter feito. Acho que o público vai ficar muito mexido, terá coisas bem trágicas", adianta.

A primeira etapa de Reis, A Decepção, está prevista para terminar em 6 de junho. A Record não vai dar continuidade à exibição da novela em seguida. Colocará no ar duas temporadas da série Todas as Garotas em Mim. A segunda fase do folhetim, A Rejeição, deve estrear em 19 de julho, e o título da terceira etapa da trama bíblica ainda não foi divulgado pela emissora.


Saiba tudo sobre os próximos capítulos das novelas com o podcast Noveleiros

Ouça "#95 - Juma fica cara a cara com a morte" no Spreaker.


Inscreva-se no canal do Notícias da TV no YouTube e assista a vídeos com revelações do que vai acontecer nas novelas.


Últimas de Novela Reis


Resumos Semanais

Novela Reis: Resumo dos próximos capítulos da trama da Record - 3/6

Sexta, 3/6 (Capítulo 54)
Samuel fala com Joel que o importante na vida é ser justo e correto quando ninguém vê. Ainoã e Saul discutem. Jônatas acalma homens e mulheres que pedem ajuda da guarnição dos filisteus.   Os capítulos de Reis são fornecidos ... Continue lendo

Leia também

Enquete

Pantanal perde audiência: novela está chata?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.