Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

PROFISSÃO INFLUENCER

BBB 22: Quantos seguidores é preciso ter para faturar R$ 1,5 milhão por mês?

REPRODUÇÃO/TV GLOBO

Montagem de fotos com Vinicius Fernandes e Eslovênia Marques no BBB 22, da Globo

Vyni e Eslovênia já contam com milhões de seguidores nas redes sociais: quanto podem faturar?

VINÍCIUS ANDRADE

vinicius@noticiasdatv.com

Publicado em 23/1/2022 - 7h00

Sem reajuste desde 2010, o prêmio de R$ 1,5 milhão pago ao vencedor do Big Brother Brasil deixou de ser o principal atrativo para quem entra no jogo. Famosos e anônimos têm como a maior motivação para estar no reality show ganhar projeção nacional, seja para bombar a carreira artística ou conquistar milhões de fãs em um perfil de rede social. Mas quantos seguidores é necessário ter para faturar o equivalente ao prêmio do BBB 22 todo mês?

O Notícias da TV consultou um especialista e dono de uma empresa de marketing de influência para tirar a dúvida. Segundo Thiago Cavalcante, sócio da Inflr, tudo depende do engajamento da pessoa e de como ela se vende ao mercado de anunciantes. No entanto, só embolsam essa quantia as páginas no Instagram que tenham a partir de 5 milhões de seguidores.

Pessoas que deixam o Big Brother Brasil tem uma taxa de engajamento mais alta pós-confinamento e "acabam conquistando o dobro, algumas vezes até o triplo do valor de premiação do programa nos primeiros meses fora da casa", indica Cavalcante.

"Para casos de pessoas que não se tornam 'brothers' e querem conquistar R$ 1,5 milhão, o perfil deve ter entre 8 e 15 milhões de seguidores, além das campanhas ativas e engajamento para as postagens", projeta o especialista.

Na primeira semana de BBB 22, o maior fenômeno digital entre os anônimos foi Vinicius Fernandes, que viu seu perfil saltar de 40 mil seguidores para mais de 3,5 milhões. Ele ultrapassou 1 milhão no Instagram em menos de 24 horas após seu anúncio no reality --como comparação, Juliette Freire demorou cinco dias confinada no ano passado para bater essa marca.

Mesmo que saia da casa de forma precoce, Vyni tem tudo para ficar rico. Um influenciador com 3 milhões de fãs tem potencial para obter o seguinte faturamento, de acordo com Thiago Cavalcante:

Uma média de custo por post, sequência de 3 Stories e postagem no feed vale entre R$ 5 a 20 mil. Se o influenciador tiver uma média de quatro campanhas por semana, é possível que este perfil alcance faturamento entre R$ 300 a 500 mil, no caso de uma pessoa bem ativa, com engajamento alto. Existem os casos de influenciadores com milhões de seguidores, mas que, por falta de assessoria engajada em buscar novas 'publis', não têm a mesma quantidade de campanhas.
Kerline ganhou dinheiro após o BBB 21

Kerline, a primeira eliminada do BBB 21

Segredo do sucesso na web

Primeira eliminada do BBB 21, Kerline Cardoso se tornou um exemplo de sucesso. Mesmo com um tempo menor de exposição em relação aos outros participantes, ela conseguiu se manter relevante nas redes sociais e faturou mais de R$ 1 milhão desde que deixou a casa --ela tem 1,5 milhão de fãs no Instagram e 525 mil contas que a seguem no Twitter.

"Tudo é fruto de muito trabalho, e eu não estou sozinha nessa. Tem toda uma turma envolvida, minha família. As coisas não caem do céu, a gente também tem que buscar. Eu contei com uma equipe comigo, de administração, contas, produção de conteúdo... Parada eu não podia ficar. A rede de networking [de contatos] foi um fator muito decisivo que fez eu ainda estar na mídia, presente pela galera", contou ela ao Notícias da TV.

Sócio de uma empresa de marketing de influência, Thiago Cavalcante acredita que o maior erro para quem consegue uma quantidade alta de seguidores em um tempo curto é ser ou mostrar algo que ele não é.

"Seja você mesmo, se o formato que você apareceu no reality te fez dar certo, e é a sua forma genuína, continue trabalhando e melhorando para continuar a fazer sucesso. É interessante também ter uma boa assessoria, ter uma boa equipe profissional para trabalhar com as marcas, da mesma forma que os cases de sucesso de outras edições do BBB fazem e performam muito bem. Para se manter neste meio é sempre bom estar se reinventando e ser genuíno. Seja você", aconselha.


Saiba tudo sobre o BBB 22 com o podcast O Brasil Tá Vendo:

Ouça "#64 - BBB 22: Como o programa se desgastou antes mesmo de começar?" no Spreaker.


Inscreva-se no canal do Notícias da TV no YouTube para conferir nossos boletins diários, entrevistas e vídeos ao vivo sobre reality show:


Últimas de BBB22

Leia também

Enquete

Qual a melhor novela no ar atualmente?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.