Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

SAÚDE

Qual é a doença de Felipe em Um Lugar ao Sol? Tumor pode causar morte

REPRODUÇÃO/TV GLOBO

Felipe (Gabriel Leone) em cena de Um Lugar ao Sol

Felipe (Gabriel Leone) lutará contra tumor no cólon na reta final de Um Lugar ao Sol

LUANA BENEDITO

luanab@noticiasdatv.com

Publicado em 21/3/2022 - 5h00

Após descobrir um tumor, Felipe (Gabriel Leone) lutará contra o câncer de cólon em Um Lugar ao Sol. A doença do personagem da novela das nove da Globo, segundo especialistas, quando diagnosticada precocemente tem chances altas de cura, mas quando não tratada ou descoberta em estágio avançado pode levar à morte.

Em agosto de 2020, o protagonista de Pantera Negra (2018), o ator Chadwick Boseman, morreu aos 43 anos com esse tipo de câncer. O herói da Marvel foi diagnosticado no nível 3, considerado avançado, em 2016, mas o quadro dele piorou e passou para o para o nível 4, o mais elevado da doença. 

A proctologista Maristela Gomes explica que os tumores em diferentes partes do corpo podem ser benignos ou malignos. "Mas na prática médica, quando falamos desta região, ao citar tumor, na maioria das vezes já relacionamos a câncer. Quando é benigno, usamos a classificação de pólipo. No caso do intestino, os cânceres são derivados de pólipos que se transformaram em uma estrutura maligna", explica a especialista do Hospital Edmundo Vasconcelos ao Notícias da TV

A médica conta que o diagnóstico da doença é feito em algumas etapas a primeira é ouvir as queixas dos pacientes, depois um exame físico para detectar se massas palpáveis e exames complementares, o principal deles é a colonoscopia, como a citada por Felipe na trama

"O tratamento, geralmente, é cirúrgico. Na maioria das vezes, a intervenção tem como objetivo retirar o tumor e parte do que chamamos de gânglios, que são os órgãos de defesa que existem na gordura pele-intestinal. Esse material é analisado para identificar se há uma invasão ou não, e assim, se deve ser indicado a quimioterapia ou radioterapia", diz Maristela.                 

De acordo com a especialista, quando a cirurgia é realizada em tumores menores é retirado um pedaço do intestino ou do reto, e logo é feita a religação e não há necessidade de usar a bolsa de colostomia. "Claro que, eventualmente, dependendo da localização, ela pode ser usada", frisa. 

Sintomas e a hora de buscar ajuda

Oncologista no São Cristóvão Saúde, Walkiria Tamelini orienta buscar um especialista nas seguintes situações: 

Se o paciente apresenta sinais e sintomas que podem estar relacionados, como: dor abdominal, que pode ser caracterizada como um mal-estar; um quadro de obstipação; intermitência de diarreia com obstrução intestinal; sangue nas fezes, de vermelho vivo ou escuro, deixando as fezes com coloração diferente.

A médica também destaca que o profissional avaliará os diferentes fatores de
risco para o câncer de intestino e encaminhará o paciente para realizar exames e dar o diagnóstico. "O câncer de cólon pode ter cura desde que seja precocemente diagnosticado e tratado com cirurgia com /ou
linfadenectomia --quando indicada a remoção de linfonodos da região afetada", destaca. 

"Quando a doença está avançada, progredindo pelas estruturas abdominais,
principalmente no fígado (metástases), ou afetando órgãos como pulmão
(metástases), dependemos da extensão e da resposta ao tratamento oncológico, e nesses casos traz risco de morte", completa Walkiria. 

Prevenção

Maristela Gomes reforça a importância de prevenir e fazer exames regulares. "A colonoscopia modificou totalmente o prognóstico dos cânceres intestinais, pois consegue retirar as lesões benignas, quando ainda não há sintomas, impedindo que ao longo do tempo o paciente desenvolva o câncer. Portanto, vale ressaltar a importância de fazer esse exame a partir dos 45 anos, pois é a partir dessa idade que aumenta a incidência de câncer no intestino."

Na trama, o Felipe retornou ao Brasil, fará a cirurgia e tudo ocorrerá bem. Ele se restabelecerá, amparado pela mãe, a avó e Rebeca (Andrea Beltrão). No ar totalmente gravada, o elenco filmou desfechos alternativos envolvendo mortes e escolhas de casais.

Um Lugar ao Sol é uma novela escrita por Lícia Manzo. Por conta do novo surto da Covid-19, o folhetim ganhou mais duas semanas no ar e será esticado até 25 de março, com reprise do capítulo no dia 26. A trama será substituída pelo remake de Pantanal em 28 de março.

Confira os resumos dos capítulos da novela das nove que o Notícias da TV publica diariamente.


Inscreva-se no canal do Notícias da TV no YouTube e assista a vídeos com revelações do que vai acontecer em Um Lugar ao Sol e outras novelas:


Leia também

Enquete

Qual a melhor novela no ar atualmente?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.