Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

AUTOIMUNE

Dia Mundial do Lúpus: Entenda o que é a doença de famosas como Lady Gaga

REPRODUÇÃO/INSTAGRAM

A cantora Lady Gaga em vídeo publicado no Instagram

Lady Gaga em vídeo publicado no Instagram; cantora sofre de doença autoimune

KELLY MIYASHIRO

kelly@noticiasdatv.com

Publicado em 10/5/2021 - 6h50

O Dia Mundial do Lúpus é celebrado nesta segunda-feira (10) como uma maneira de conscientizar as pessoas sobre a doença autoimune que acomete cerca de 5 milhões de indivíduos ao redor do globo, além de famosas como Lady Gaga, Selena Gomez e Astrid Fontenelle. Mas o que é o lúpus?

Conhecido cientificamente como lúpus eritematoso, o lúpus é uma doença autoimune que faz com que as células de defesa ataquem as saudáveis do corpo humano, o que pode provocar uma inflamação dolorosa nas articulações, pele, olhos, cérebro, rins, pulmões e coração.

O diagnóstico de lúpus é raro, mas acomete mais mulheres jovens entre 14 e 45 anos, cujos sintomas tendem a aparecer desde o momento do nascimento, após o uso de medicamentos e/ou infecções. 

A doença não tem uma cura, mas pode ser tratada a vida inteira com o acompanhamento de um reumatologista, que prescreverá as melhores maneiras de cuidado para ajudar na qualidade de vida do paciente.

O lúpus geralmente é causado por mutações genéticas ocorridas durante o desenvolvimento do feto no útero, mas não é contagioso, então não pode ser transmitido de pessoa para pessoa. 

A doença também pode ser desenvolvida durante a vida adulta com exposições prolongadas ao sol, por meio de infecções virais, uso indiscriminado de medicamentos ou ainda devido a alterações hormonais, como as ocorridas na puberdade, gravidez e menopausa. 

Tipos de lúpus

Existem quatro tipos de lúpus descobertos até o momento pela ciência. O LES (lúpus eritematoso sistêmico), que provoca a inflamação de várias partes do corpo, principalmente a pele, além de coração, articulações, pulmões e rins. Já o lúpus discoide ou cutâneo causa lesões apenas na pele e pode evoluir para o LES.

Um pouco incomum, o lúpus induzido por drogas ocorre em homens que fazem uso de remédios a longo prazo, principalmente de substâncias como procainamida (antiarrítmicos), hidralazina (vasodilatador) e isoniazida (antibiótico). Os sintomas costumam desaparecer após a suspensão do uso contínuo, por isso o diagnóstico precoce é muito importante. 

Por fim, o lúpus neonatal é o tipo mais raro e atinge bebês que nasceram de mulheres diagnosticadas com lúpus.

Sintomas de lúpus

Como a doença pode afetar vários tipos de órgãos ou partes do corpo, os sintomas variam muito de uma pessoa para a outra, mas os mais comuns são febre, manchas avermelhadas na pele, dor muscular, dor nas articulações, queda de cabelo constante, sensibilidade à luz e cansaço excessivo.

Os sintomas da doença podem surgir em crises ou de forma constante. Além disso, vale ressaltar que o lúpus pode ser mascarado por outros diagnósticos, como de diabetes e artrite. Portanto, é necessário consultar mais de uma opinião médica para ter certeza do melhor tratamento. 

Como não existe um exame que detecte especificamente o lúpus, a doença é identificada com uma somatória de fatores, como histórico de saúde, histórico de saúde familiar, sintomas e descarte de outros diagnósticos feitos com testagem sanguínea e de urina.

Famosos com lúpus

A doença de lúpus atormenta alguns famosos, como Lady Gaga, Selena Gomez, Astrid Fontenelle, Kim Kardashian, Toni Braxton, Seal e até Michael Jackson (1958-2009).

A protagonista do filme Nasce Uma Estrela (2018) tornou público o seu diagnóstico de lúpus em 2010. "Lúpus é genético na minha família. Minha mãe me disse que meus amigos estavam preocupados comigo porque eu fiz o exame para lúpus", disse a cantora em entrevista a Larry King (1933-2021) na época.

View this post on Instagram

A post shared by Lady Gaga (@ladygaga)

"Eu fui diagnosticada como tendo a doença, mas eu não tenho nenhum sinal, nem sintoma. De qualquer forma, eu tenho que cuidar muito bem de mim mesma", completou Gaga, que descobriu anos mais tarde ter fibromialgia. 

Em 2017, Selena Gomez precisou fazer um transplante de rim por causa do lúpus, que afetou a capacidade do órgão de produzir urina normalmente. "Isso é algo que precisava fazer por minha saúde. Honestamente estava ansiosa por dividir isso com vocês, minha jornada durante vários meses", afirmou a ex-Disney.

Apresentadora do canal GNT, Astrid Fontenelle recebeu seu diagnóstico em 2012 e chegou a ficar internada durante 15 dias na época. Em entrevista à Folha de S.Paulo no ano passado, a loira falou sobre o tratamento constante. 

"Hoje, continuo com uma medicação específica para o lúpus, e tomo muito cuidado com gripes, inflamações. O sol pode ser um perigo. A queimadura do sol é uma inflamação, e eu não posso correr o risco. E, desde o início, adotamos práticas de higiene preciosas: não entra ninguém na minha casa de sapatos sujos, e a água da casa é toda filtrada. Tudo isso para minimizar os riscos de infecções", relatou a titular do Saia Justa.


Leia também

Web Stories

+
Juliette, Zico e Anitta: Sete celebridades que viraram tatuagens de fãsOportunidade de brilhar: Cinco PCDs que atuaram na TV brasileiraLançamentos da semana têm filme indicado ao Oscar e comédia sangrentaJuliette, craques do futebol e estrelas do pop: Os 10 maiores influenciadores do mundoDe sequestro-relâmpago a surto de ciúme: Veja a história de Kyra e Alan em Salve-se Quem Puder

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Você gostou da escolha da reprise de Pega Pega?