Na Globo

Tatá Werneck e Edu Sterblitch farão par romântico em nova versão de Os Normais

Reprodução/Multishow

Eduardo Sterblitch e Tatá Werneck em O Estranho Show de Renatinho, que ela apresentou no Multishow - Reprodução/Multishow

Eduardo Sterblitch e Tatá Werneck em O Estranho Show de Renatinho, que ela apresentou no Multishow

DANIEL CASTRO - Publicado em 09/08/2018, às 05h35

Humorista revelado pelo Pânico, Eduardo Sterblitch vai estrear como protagonista de uma produção da Globo. Ele dividirá com Tatá Werneck o centro das atenções em Shippados, série que Fernanda Young e Alexandre Machado escrevem para ser uma nova versão de Os Normais, que fez muito sucesso entre 2001 e 2003. Os atores formarão um par romântico.

Shippados, que inicialmente se chamaria Bugados, começa a ser gravada em outubro e estreia na Globo no primeiro semestre de 2019. Antes, ficará disponível no Globoplay, plataforma de streaming da emissora.

A série é considerada por setores da Globo uma nova Os Normais. Trata-se de uma comédia sobre um casal desajustado que passa por várias situações cotidianas, dois tresloucados que não combinam em nada, mas que insistem em ficar juntos.

A personagem de Tatá será uma atendente de supermercado, que trabalha o tempo todo em um balcão de informações. O de Eduardo Sterblitch será um funcionário público.

Maior sucesso da carreira de Fernanda Young e Alexandre Machado, Os Normais era sobre um casal de noivos, Rui (Luiz Fernando Guimarães) e Vani (Fernanda Torres). Ele trabalhava com marketing e era mais calmo do que sua parceira, uma atrapalhada vendedora de loja. Juntos, transformavam situações do dia a dia em acontecimentos inusitados.

Shippados é mais uma chance de o casal de roteiristas de emplacar um novo hit na Globo. Depois de Os Normais, foram várias tentativas, mas nenhuma fez tanto sucesso. Entre elas, estão a apagada Os Aspones (2004), a razoável Minha Nada Mole Vida (2006), a flopada O Dentista Mascarado (2013) e a incompreendida Vade Retro (2017).

Ator de teatro desde os três anos, inicialmente por força de sua mãe, Eduardo Sterblitch só ficou famoso em 2008, quando entrou para o Pânico, então na RedeTV!. No humorístico, interpretou personagens até hoje lembrados, como César Polvilho, Ursinho Gente Fina, e o pastor Poderoso Castiga, além de Freddy Mercury Prateado.

Em 2015, chateado com a acusação de racismo de um personagem que interpretou, chamado de Africano, Sterblitch se afastou do Pânico. Em 2017, estreou na Globo, como jurado de Amor & Sexo, e disputou o reality show Popstar. Neste ano, participou de Tá no Ar.

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Como você acha que Rick vai sair de Walking Dead?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook