Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

BASTIDORES

Patricia Abravanel acalma equipe e diz que Silvio está feliz com o Vem Pra Cá

REPRODUÇÃO/SBT

Patricia Abravanel com uma blusa marrom, sorridente, no cenário do Vem Pra Cá

Patricia Abravanel no cenário do Vem Pra Cá; programa foi deslocado para a faixa vespertina

GABRIEL PERLINE, VINÍCIUS ANDRADE e DENNIS PAGI

gabriel.perline@noticiasdatv.com

Publicado em 28/4/2021 - 7h05

Patricia Abravanel tomou a frente na tarde de terça-feira (27) e encabeçou uma reunião com toda a equipe de produção do Vem Pra Cá. O objetivo era acalmar os funcionários e assegurar que a atração não corre riscos de ser cancelada no SBT, pois Silvio Santos, segundo ela, está muito feliz com os resultados alcançados até o momento.

A apresentadora quis conversar com a equipe logo após o dono da emissora decretar a terceira mudança de horário do programa, que a partir desta quarta (28) passa a ser exibido na faixa vespertina, das 13h50 às 15h20. Por se tratar de uma alteração substancial em apenas um mês de existência, os funcionários logo começaram a especular sobre a possibilidade do cancelamento, e o inevitável desemprego da maioria.

No discurso motivacional, Patricia encorajou os colegas a encararem a mudança de horário como uma "promoção". Em sua visão, a responsabilidade do time do Vem Pra Cá será ainda maior a partir de agora, pois o programa tentará bater de frente com o quadro Hora da Venenosa, que costuma fazer a Record liderar a audiência. Além disso, enfrentará boa parte do Jornal Hoje, comandado por Maju Coutinho na Globo.

Fontes do Notícias da TV informaram que a filha de Silvio Santos estava empenhada em não deixar os ânimos caírem e em injetar uma dose de esperança de que a mudança imposta pelo dono da emissora seria uma "bonificação" pelo bom trabalho desempenhado até o momento.

O Vem Pra Cá era um produto promissor para as manhãs do SBT, que sofre para conseguir bons patrocinadores. Mas a forte concorrência com Ana Maria Braga trouxe um outro problema: a queda na audiência, fazendo a emissora ter dificuldades para sair da terceira colocação.

Freguês da Record

No ar desde 22 de março nas manhãs do SBT, o Vem Pra Cá nunca conseguiu vencer a Record na Grande São Paulo, principal mercado publicitário do país. Em abril, a média da atração comandada por Patricia Abravanel e Gabriel Cartolano foi de 3,0 pontos na faixa das 9h às 10h30 --no confronto direto, com a exibição do Fala Brasil e do Hoje em Dia, a emissora de Edir Macedo registrou 4,3 de ibope.

O Vem Pra Cá tirou o SBT da disputa pela vice-liderança nas manhãs. Antes de o programa estrear, o Primeiro Impacto e o Bom Dia & Cia, que voltam a ocupar toda a grade matinal da emissora a partir desta quarta, tinham disputas mais equilibradas nessa faixa.

Agora exibida das 13h50 às 15h20, a revista eletrônica da emissora de Silvio Santos terá uma missão praticamente impossível contra a Record, que tem uma audiência estabelecida no início da tarde.

Neste mês, o Balanço Geral, novo rival direto do Vem Pra Cá, está com média de 7,8 pontos na Grande São Paulo e é vice-líder com folga. Os desenhos e as séries teens do Bom Dia & Cia têm 5,0 pontos de ibope no confronto com o programa de Reinaldo Gottino --o recorde de Patricia e Cartolano em abril foi 3,6 de média.

Outro desafio ainda maior será disputar público com A Hora da Venenosa, quadro que voltou a ser líder na faixa das 14h40 às 15h20 depois que a Globo estreou o Plantão BBB. Neste mês, as fofocas de Fabíola Reipert estão com 9,7 pontos de média na Grande São Paulo.


Leia também

Web Stories

+
Bastidores de O Diabo Veste Prada tiveram atriz deprimida e look vetado, saiba maisJuliette, Zico e Anitta: Sete celebridades que viraram tatuagens de fãsOportunidade de brilhar: Cinco PCDs que atuaram na TV brasileiraLançamentos da semana têm filme indicado ao Oscar e comédia sangrentaJuliette, craques do futebol e estrelas do pop: Os 10 maiores influenciadores do mundo

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Você gostou da escolha da reprise de Pega Pega?