Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

COM VOZ EMBARGADA

No Encontro, Mariana Rios reflete sobre perda do filho: 'O sofrimento é opcional'

REPRODUÇÃO/TV GLOBO

Mariana Rios, de blusa verde, está sentada em frente a um piano, durante entrevista por videochamada no Encontro

Mariana Rios em entrevista por videochamada no Encontro desta quarta-feira (22)

REDAÇÃO

Publicado em 22/7/2020 - 11h22

Mariana Rios se emocionou ao falar sobre a perda do filho que esperava durante entrevista ao Encontro com Fátima Bernardes desta quarta-feira (22). A cantora segurou o choro em alguns momentos, mas manteve a calma e a serenidade em seu depoimento. "A dor e a tristeza são inerentes ao ser humano, mas o sofrimento é opcional", afirmou ela.

A atriz de 35 anos revelou no último dia 11 que o coração do bebê parou de bater. No início da conversa, Fátima Bernardes explicou a situação vivida pela convidada e afirmou que Mariana tem recebido muito carinho dos fãs nas redes sociais. A apresentadora questionou a convidada sobre a a importância de abordar o assunto em seu Instagram.

"Foi muito importante falar, mas acho que mais importante ainda foi receber todas as mensagens, todas as histórias que as mulheres dividiram comigo, suas experiências. Isso foi de grande valor pra mim. Eu tenho muito que agradecer a todas essas mulheres porque você se vê no outro. A dor do outro é onde a gente se encontra também", discursou a mulher de Lucas Kalil.

"Eu sou uma pessoa que falo muito pouco da minha vida pessoal, da minha intimidade, e eu senti uma necessidade muito grande de falar. E a repercussão disso foi uma coisa que eu não esperava, mais ainda de ouvir essas histórias e saber que as mulheres não falam abertamente sobre isso, sobre suas perdas, sobre o aborto espontâneo", relatou ela.

Mariana contou que recebeu muitas mensagens com histórias de pessoas que passaram pelo mesmo e não foram acolhidas pela família nesse momento difícil.

Modo de ver a vida

"Eu lido de uma forma com a dor, que a dor e a tristeza são inerentes ao ser humano, mas o sofrimento é opcional. Nós vamos passar por milhares de problemas nessa existência, mas o que difere uma pessoa da outra de fato, pelo menos eu acredito nisso, é a forma como cada um vai lidar com o seu sofrimento", disse a convidada.

A atriz defendeu que é preciso ter força para não ficar presa na tristeza. "Não se permitir ficar nesse lugar, porque todo dia o sol vai brilhar pra todo mundo. Nós temos novas oportunidades, coisas incríveis vão acontecer. Que a gente consiga passar pela nossa dor com uma certa expansão de consciência, sentindo que eu preciso daquilo pro meu crescimento como pessoa, espiritual", afirmou.

"A gente só veio aqui pra evoluir. Que a gente consiga passar pelos problemas e questões da vida da melhor forma possível, com sabedoria", continuou a artista. Em seguida, o programa exibiu diversos relatos de mulheres que também passaram por um aborto espontâneo e dividiram suas histórias.

Mariana se emocionou e agradeceu pelos vídeos enviados. "A gente tá aqui, e a vida é uma caixinha de surpresas, uma montanha russa. A gente tem que estar preparado pra tudo porque não sabemos o dia de amanhã. Mas se você tem a certeza que tudo que acontece é somente pelo seu bem, a gente consegue levar a vida com mais leveza e paz. Qualquer coisa que acontece é pro meu bem, eu preciso ter gratidão por aquilo", discursou a convidada.

"O nome disso é fé?", perguntou Fátima. "Sim, eu acho que isso é fé. É gratidão por tudo que você passa. E saber que a gente só tá aqui pra nossa evolução abre o seu caminho, seu pensamento e o coração diante das coisas da vida", defendeu Mariana.

Lidar com a perda

A apresentadora, então, convidou a psicóloga Luciana Rocha para a conversa. A profissional falou sobre a importância de sentir a perda do bebê como um luto. Na sequência, a cantora relatou como ela e o marido encararam esse momento.

"O processo foi longo, a gente passou por algumas questões", disse ela. Mariana contou que os dois estavam muito felizes com a gravidez e sofreram um baque com a perda. "Eu não tive um sangramento, um aborto espontâneo. Não teve esse susto. Isso foi outra coisa que eu até quero falar. Tudo que acontece na minha vida, eu sempre tento agradecer as coisas positivas", explicou ela.

"A primeira coisa que eu agradeci foi isso. Não ter acordado de madrugada, visto sangue. Eu fui fazer um exame de rotina, e meu médico percebeu que tinha alguma coisa estranha e que o coração não tava batendo", relatou.

"Naquele momento, eu senti que tinha voado até o céu e de lá eu despenquei. Dizem que quanto mais você sobe, sonha, cria expectativa, o tombo é maior. Eu não me arrependo de tudo que eu sonhei, planejei e criei de expectativa. Assim é a vida, a gente tem que se entregar", declarou a atriz.

Mariana contou que acordou com uma sensação estranha um dia, por isso decidiu ligar para o médico e fazer um exame. Ela foi até o consultório sozinha, já que o marido estava em uma reunião importante no trabalho. A atriz tentou se acalmar e não quis ligar para Lucas para contar que o coração do bebê não estava mais batendo.

"Eu não queria chorar no telefone. Não queria que ele se desesperasse no telefone", disse ela. A cantora foi para casa e esperou o companheiro chegar para dar a notícia pessoalmente e com calma. "Eu estava muito mal. Mas nesse dia eu uni forças", afirmou a convidada.

Superação e fé

Mariana contou que só desabou no dia seguinte e precisou do apoio do marido para passar superar a dor. "A gente passou por esse processo juntos, de total sentimento e conexão. E esperando também, ainda o bebêzinho dentro de mim, a natureza tirá-lo. Eu não fiz uma curetagem, eu conversei muito com meu médico", relatou.

Nesse momento, a artista ficou com a voz embargada e segurou as lágrimas. "Desculpa minha voz assim, é que eu fico ainda emocionada em falar desse assunto. Eu tive que esperar, e esse processo aconteceu somente anteontem, na segunda-feira [20]. A segunda foi um dia que eu rezei muito, que eu me conectei muito com Deus", desabafou.

A cantora relatou que, em oração, ela agradeceu a oportunidade de receber o bebê por aquele período e disse que estava preparada para o processo da saída do feto da barriga.

Fátima agradeceu o depoimento da convidada. "Um dia de cada vez. Nunca se esqueçam de sorrir pra vida. A vida é muito linda e vale a pena viver todos os dias. Vamos olhar sempre o lado positivo", encerrou a convidada.

O nome de Mariana Rios figurou entre os assuntos mais comentados do Twitter durante o Encontro. Os internautas se emocionaram com o relato e desejaram força para ela. Confira um trecho da entrevista de Mariana e reações do Twitter:

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Qual reality show você acompanhará após o fim do BBB21?