Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

TRIUNFO JUDICIAL

Neto celebra vitória na Justiça contra Ana Paula Henkel: 'Estamos em democracia'

DIVULGAÇÃO/BAND

O ex-jogador Neto, nos estúdios da Band, com uma camisa vermelha e a logomarca da emissora ao fundo. Ele faz o sinal do Ronaldinho com as mãos.

Neto nos estúdios da Band em São Paulo: venceu disputa judicial contra Ana Paula Henkel

GABRIEL VAQUER, colunista

vaquer@noticiasdatv.com

Publicado em 9/7/2021 - 14h30

Apresentador da Band e ex-jogador, Neto recebeu com alegria a vitória que teve na disputa judicial contra Ana Paula Henkel. Na noite da última quinta-feira (8), como informou o Notícias da TV em primeira-mão, a Justiça de São Paulo negou um pedido de direito de resposta contra ele e a emissora por críticas feitas pelo ídolo do Corinthians. "Eu não faltei com respeito", disse Neto em conversa com a coluna.

A ex-jogadora de vôlei processou a emissora e o comandante do programa Os Donos da Bola por ele ter defendido Walter Casagrande em uma polêmica envolvendo seu nome, em fevereiro deste ano. Neto questionou o que Ana Paula fez pelo vôlei e criticou a suposta omissão dela diante de escândalos de corrupção na modalidade.

Ana Paula Henkel queria a leitura na íntegra de sua resposta na televisão por Craque Neto, além da publicação do material no YouTube e no site da atração. Além disso, a medalhista de bronze em Atlanta 1996 desejava que Neto e a Band pagassem o valor da ação, orçada em R$ 10 mil.

Procurado para falar da vitória na Justiça pela coluna, Neto afirmou que ficou sabendo dela pela reportagem e parabenizou o advogado que lhe defendeu no caso. "Parabéns ao advogado da Band, que é um baita corintiano gente boa", brincou ele. Neto não quis entrar em detalhes, mas ressaltou que não ofendeu diretamente a comentarista da rádio Jovem Pan.

"Eu não quero falar nada demais. Se eu tivesse perdido, estava tudo certo, porque ela iria ter o direito. Mas eu acho que, numa democracia, e estamos em democracia, eu tenho direito de colocar a minha visão, a minha fala, defender ou não um amigo [Casagrande]. Não faltei com respeito, não faltei com credibilidade. Não falei com cunho político. Hoje em dia as pessoas estão muito nisso, né?", analisou.

Neto, porém, não escondeu a felicidade pela vitória judicial contra Ana Paula e detalhou até como será sua comemoração. "Mas eu estou feliz, muito feliz. Vou até tomar uma champagne", brincou o apresentador. Ana Paula Henkel pode recorrer da decisão em esferas maiores da Justiça.

Entenda o caso

A 2ª Vara Cível da Justiça de São Paulo negou, na noite desta quinta-feira (8), um pedido de direito de resposta para a ex-jogadora de vôlei e atual comentarista da rádio Jovem Pan Ana Paula Henkel contra a Band e o ex-jogador Neto.

O juiz de direito Renato Acácio de Azevedo Borsanelli julgou improcedente o pedido de Ana Paula por entender que a comentarista do programa Os Pingos nos Is não precisa do espaço na Band para responder às críticas de Neto.

Segundo a decisão, obtida com exclusividade pelo Notícias da TV, o juiz argumentou que, por ela possuir 800 mil seguidores no Twitter, poderia rebater as falas de Neto por lá.

"Segundo ela mesma, a autora é seguida por mais de 800.000 pessoas na plataforma Twitter. Ora, diante disso, o Juízo, talvez em sua parvoíce, não consegue entender porque a autora, valendo-se dos canais que já lhe são disponíveis, não rebateu as criticas que diz ter sofrido? Por isso que, na ótica do julgador, a autora poderia, de plano (e de forma rápida) ter replicado os dizeres do apresentador da ré. Isso ela não fez", pontuou o magistrado.

Casagrande está envolvido

A briga começou em 21 de fevereiro deste ano, quando Casagrande publicou em seu blog no portal GE, do Grupo Globo, um texto em que qualificava Ana Paula, apoiadora do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), "defensora dos violentos, dos antidemocráticos, das armas e de tudo que é ruim em nossa sociedade".

Horas depois, no mesmo dia 21 de fevereiro, Ana Paula usou o Twitter para retrucar o comentário do ex-atacante do Corinthians. "Prezado Casagrande, olhe para a sua vida e para um espelho. Eu sou o menor dos seus problemas, acredite. Tente me esquecer", respondeu a ex-jogadora em sua rede social. "Arrume o seu quarto primeiro, que há muitos anos está uma verdadeira bagunça, antes de querer 'consertar' o mundo", concluiu.

No dia seguinte, em 22 de fevereiro, Neto entrou na história. No programa Os Donos da Bola, da Band, o apresentador saiu em defesa de Casagrande e criticou a ex-jogadora de vôlei. "O que você fez pelo vôlei? Nada! Meu apoio ao Casagrande", falou Neto.

O processo contra Casagrande, Neto, Band e Globo foi movido no mês de abril por Ana Paula, dois meses depois das críticas.


Leia também

Web Stories

+
A Fazenda 13: Surto na baia e barraco com ofensas marcam primeira semana do realityQuem é Alanis Guillen? Conheça a Juma Marruá do remake de PantanalHarmonização facial e lente nos dentes: Veja antes e depois dos peões de A Fazenda 13Ex de Anitta e rei da pegação: Gui Araujo é o primeiro fazendeiro de A Fazenda 13Elenco, estreia e bastidores: Saiba tudo sobre o reboot de Um Maluco no Pedaço

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Além de Pantanal, qual novela antiga merecia um remake?