Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

JOGO ABERTO

Lívia Andrade revela 'rejeição' das filhas de Silvio Santos e entrega bastidores do SBT

DIVULGAÇÃO/SBT

Lívia Andrade no estúdio do Fofocalizando no SBT

Lívia Andrade apresentava o Fofocalizando; ela deixou o SBT em 2020 depois de ficar na geladeira

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 8/4/2021 - 16h13

Fora do SBT desde outubro do ano passado, Lívia Andrade abriu o jogo sobre o processo de desgaste na relação com a emissora, revelou bastidores dos problemas que enfrentou com Fofocalizando (Triturando) e contou que sentia que não era tão bem quista por parte da família Abravanel, apesar de reforçar que sempre foi tratada com respeito por todos.

Em entrevista ao colunista Leo Dias, do Metrópoles, a apresentadora foi questionada se as filhas de Silvio Santos e a mulher, Iris Abravanel, gostavam dela. "Acho que não", opinou Lívia. "Acho que me respeitam, porém não entendem como eu cheguei tão longe. Isso pra mim sempre foi muito claro", apontou.

O jornalista perguntou se isso teria a ver com algum tipo de preconceito. "Acho que é mais uma coisa de criação também e eu entendo isso. É muito difícil pra uma pessoa que vive uma realidade totalmente diferente entender o que se passa. Você não veio de família rica, você não tem alguém que te banca, você não saiu com ninguém da emissora. Como é que você conseguiu, sabe assim? Eu sempre ouvi isso", disse a artista de 37 anos.

Em nota, a emissora negou as reclamações: "Pura bobagem. Lívia sempre foi bem tratada por toda a família. Até fez duas novelas escritas por Iris Abravanel, que lhe deu personagens de destaque. Além disso, sempre teve oportunidades dadas pela casa como cobertura do Carnaval no SBT Folia, apresentou programas".

Na entrevista, Lívia Andrade relembrou o episódio em que recebeu uma advertência e foi para geladeira depois de ter sido envolvida em uma fake news com a Igreja Universal do Reino de Deus. De acordo com ela, o mal-entendido aconteceu quando ela fez uma crítica a líderes religiosos que se aproveitavam da fé para ganhar dinheiro durante a pandemia.

O problema é que criaram uma montagem colocando a fala dela ilustrada com imagens da igreja que comanda a Record. Os bispos se irritaram e exigiram um pedido de desculpa. "Primeiro falaram que eu tinha que me desculpar, fui lá e me desculpei. Depois daquilo, eu tomei a primeira advertência e não ficaram satisfeitos. Queriam que eu saísse do ar, esse foi o pedido. Eu fui suspensa e me tiraram o programa", comentou, sem citar o nome da Universal.

"Foi um pedido de pessoas muito importantes envolvidas na situação. Eu acho que eles de lá foram enganados tanto quanto, porque eu tenho certeza que as pessoas lá da igreja, os líderes religiosos, não assistiram ao programa e não me viram falando. Eu fui vítima de uma montagem", disse ela.

Depois de ser suspensa, Lívia decidiu se isolar nas montanhas. "Tava eu lá e me pediram pra gravar um vídeo que voltava no dia seguinte. Peguei um voo caro, dirigi sozinha na estrada de madrugada, cheguei em SP de manhã e o diretor liga pra mim quase chorando dizendo que o patrão falou que eu não iria voltar mais", contou.

A situação do vai e vem se repetiu algumas vezes, até ela voltar ao agora Triturando como comentarista e não como apresentadora. "Eu não trabalho por vaidade e por ego, eu trabalho por dinheiro. O salário era o mesmo. Se não mexeu com meu bolso, tá beleza", soltou a artista a Leo Dias.

'Silvio Santos p. da vida'

Lívia apontou que não conseguiu esconder a insatisfação com o conteúdo do programa, que triturava músicas e chegou a avaliar até mesmo o Hino da Marinha por ordem de Silvio Santos, que estava em casa e interferia diariamente nos rumos da atração.

"O programa tava chato pra caramba. Aí eu não consigo esconder e eu comecei sem querer demonstrar isso sentada no sofá, aí o Silvio ficou p da vida comigo e disse que eu não precisava fazer se eu estivesse infeliz, que eu não era obrigada a fazer aquilo. Como assim eu não era obrigada? Eu sou funcionária, eu ganho salário", observou ela.

Insatisfeita, a funcionária concordou em sair do programa, mas continuou contratada recebendo um salário, que, segundo deu a entender na entrevista, era de R$ 100 mil. Mas Lívia começou a procurar outros empregos e quando já estava com tudo certo com outra emissora foi ao SBT para fazer um acordo e ser dispensada.

Segundo a apresentadora, ela teve uma reunião amigável com o diretor artístico da emissora, Fernando Pelégio, e pediu para fazer o anúncio da saída nas redes sociais. Ele concordou, mas a ex-Fofocalizando falou que a assessoria de imprensa acabou divulgando antes do combinado, como se ela tivesse sido demitida junto com Leão Lobo e Mamma Bruschetta.

Em comunicado, a assessoria da emissora reforçou que em nenhum momento falou em demissão. "Acho que ela esqueceu desse comunicado, que foi aprovado por eles e pela direção. Eles não renovaram o contrato. Em nenhum momento foi falado que ela foi demitida", justificou a empresa.

Fora do SBT, Lívia contou que chegou a ter três propostas diferentes para voltar à TV, mas que acabou gostando da vida que leva atualmente. "Comecei a me acostumar com a vida de viajar, de ficar parada e de ver o mundo de uma maneira diferente. Não tem motivo de eu me desesperar agora, no final do ano na pandemia", comentou.

"Quando eu saí do SBT, eu já tinha feito um planejamento para me bancar por tantos meses até eu resolver o que eu quero. Foi assim que eu fiz. Agora percebi que dava pra trabalhar menos e ganhar mais", comemorou.

Assista à entrevista abaixo:


Leia também

Web Stories

+
Elenco, estreia e bastidores: Saiba tudo sobre o reboot de Um Maluco no PedaçoAgressão e barraco em festa clandestina: Veja histórico dos peões de A Fazenda 13Vereda Tropical no Globoplay: Veja por onde andam cinco atores sumidos da novelaGlobo Esporte, Zero 1 e BBB: Confira trajetória de Tiago Leifert na GloboRejeição, tristeza e alcoolismo: Cinco personagens que sofreram com depressão

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Você gostou do elenco de A Fazenda 13?