Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

DESESPERO

Jornalista chora no Encontro ao falar de reportagem sobre queimadas no Pantanal

Reprodução/TV Globo

Claudia Gaigher chorando no telão do Encontro com Fátima Bernardes

Claudia Gaigher, repórter de afiliada da Globo, e o coronel Angelo Rabelo, no Encontro desta sexta-feira (16)

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 16/10/2020 - 11h49

Claudia Gaigher, repórter da TV Morena, afiliada da Globo na região do Mato Grosso, chorou no Encontro com Fátima Bernardes desta sexta-feira (16). Ela apareceu na edição de ontem (14) do Jornal Nacional fugindo de um incêndio que se alastrou em questão de segundos na região do Pantanal.

"A gente chora muito. Vou gravando e chorando. Tem hora que eu paro e não consigo. É a sensação de que veio uma onda de destruição. Não tem mais nada, tudo queimado e destruído. É uma sensação de impotência muito grande, porque não há o que fazer, o fogo chega de uma forma absolutamente veloz", declarou.

A jornalista se mostrou indignada com a situação. "Eu me sinto um pouco revoltada e indignada porque foi permitido que isso acontecesse. A maioria dos casos de incêndio que acontece na região é cometido de forma ilegal", completou.

Fátima contou que a profissional tem muito contato com a população ribeirinha e perguntou como as pessoas têm enfrentando tudo isso.

"Essas pessoas são muito importantes para aquela região, porque elas se habituaram e sabem viver de acordo com o que a natureza permite. São pessoas muito valentes, que ajudam nesse combate. São pessoas que vêm do Brasil inteiro e ganham salário mínimo, ficam contratados só por seis meses, e são incansáveis", frisou.

O coronel Angelo Rabelo, que mora na região e está ajudando no combate às queimadas, também chorou ao vivo: "Saí de lá há poucas horas e ainda carrego essa paisagem de cinzas, de animais morrendo, e isso com certeza em um momento de forte emocionalmente. Mas não nos faltará força".


Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você achou do Disney+?