PAULO VIEIRA

Humorista revela que recusou proposta da Netflix para fazer Se Joga

Divulgação/TV Globo

Paulo Vieira caracterizado como mulher no quadro Isso É Muito Minha Vida, do programa Se Joga

Paulo Vieira no quadro Isso É Muito Minha Vida, uma das atrações do Se Joga, na Globo

REDAÇÃO - Publicado em 28/09/2019, às 08h24

Enquanto artistas como Marco Pigossi e Alessandra Negrini estão recusando propostas da Globo para ir para a Netflix, Paulo Vieira fez o caminho contrário. O humorista revelou que rejeitou um contrato com a gigante do streaming para fechar com a emissora, onde aparecerá no programa Se Joga, que estreia nesta segunda (30).

Em um longo desabafo no seu perfil do Twitter, onde tem 111 mil seguidores, Vieira contou que, quando o Programa do Porchat acabou, em dezembro do ano passado, ele ficou sem rumo. Mas as incertezas deram lugar a outra dúvida.

"Graças a Deus, vieram os convites e eu tive que fazer uma escolha: Globo ou Netflix? Mesmo a proposta financeira da Netflix sendo bem melhor, escolhi ir para a Globo pra tentar realizar este sonho impossível de colocar o meu produto lá", escreveu ele, fazendo referência ao quadro Emergente como a Gente, que comandou no talk show de Fábio Porchat e que terá nova versão na atração de Fernanda Gentil.

"Durante dois anos eu fiz um quadro chamado Emergente como a Gente. Foram 64 episódios brincando com o realismo fantástico na TV aberta. Fazendo humor popular, teatral, e extremamente crítico para quem sabe ler nas entrelinhas", definiu.

"Quando o programa do Porchat acabou, achei que ninguém mais via o potencial daquele produto e do quanto ele merecia continuar. Cheguei a pensar que aqueles personagens e o que eles representavam eram importante só pra mim. Foi nessa hora que muitos de vocês me mostraram que não", continuou Vieira.

"A verdade é que eu estava viciado em me comunicar com o povão. Não quero ser nicho, eu quero ser popular. Um dia, eu pensei: 'Se eu acho que este produto merece chegar a mais gente, onde eu quero que ele esteja? Na Globo!'. Ainda tinha o fato de que o elenco do Emergente ficaria desempregado. Na última gravação, não deixei ter choradeira, eu fiz uma promessa: 'Vou achar uma casa pra nós. Onde eu for, vamos todos!'. Sabe aquela promessa que você faz, mas com um frio na alma de medo de não cumprir?", desabafou o comediante.

Depois de assinar com a Globo, Vieira foi escalado para o Zorra, mas conversou com Marcius Melhem, responsável pela área de humor da emissora, sobre o desejo de reviver o Emergente como a Gente na nova casa. "Ele simplesmente abraçou, lutou e fez acontecer junto com a Dani Ocampo", explicou.

"Pensei: 'Beleza, eles me querem, agora preciso trazer meus amigos!'. Todo mundo me falava 'É impossível'. Um a um, eles foram recebendo as ligações e assinando os contratos. Eu considero esses últimos meses um milagre. Tudo aconteceu exatamente como eu sonhei", valorizou Vieira.

No Se Joga, o Emergente como a Gente ganhará um novo nome: Isso É Muito Minha Vida. "Eu tô falando isso aqui pra vocês por alguns motivos. Primeiro, pra dizer que é muito importante pra mim que vocês assistam e comentem. E também pra dizer que não existe sonho impossível. Acredita e trabalha. Só você pode dizer quem você é e onde merece estar", filosofou.

O humorista ainda valorizou que o produto não será exclusivo do Se Joga e ganhará exibição também na internet. "Pra finalizar, conseguimos uma coisa inédita: todos os episódios vão pro canal da Globo no YouTube em versões integrais e até maiores (estendidas). Todo mundo vai poder ver."

Paulo Vieira, porém, também pode ser visto na Netflix. Ele está no elenco do Especial de Natal Porta dos Fundos, protagonizado pelo amigo Fábio Porchat. A atração, lançada no fim do ano passado, foi inclusive indicada ao Emmy Internacional na categoria comédia.

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Você está curtindo o programa Se Joga?
Sim, é divertido e leve.
22.27%
Não é horrível, mas também não é bom.
26.34%
Não, achei muito ruim, uma vergonha.
27.00%
Prefiro A Hora da Venenosa.
24.40%

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook