Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

BRASIL ACIMA DE TODOS

Globo usa trocadilho mórbido e alfineta Bolsonaro ao noticiar mortes por Covid-19

REPRODUÇÃO/TV GLOBO

Michelle Loreto ao lado de um monitor com a comparação do número de mortes por coronavírus no Brasil

Michelle Loreto noticiou a média de mortes por Covid com uma indireta velada ao presidente

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 25/3/2021 - 13h26

Para noticiar o aumento da média de mortes em decorrência da Covid-19 no Brasil, a Globo usou um trocadilho mórbido como forma de crítica velada a Jair Bolsonaro. No quadro Bem Estar do programa Encontro com Fátima Bernardes desta quinta-feira (25), a jornalista Michelle Loreto apresentou o número de vítimas fatais no país em comparação com Estados Unidos, México, Itália e Rússia. Na imagem, a triste constatação: "Brasil acima de todos", uma clara referência ao slogan de campanha do presidente.

A frase "Brasil acima de tudo, Deus acima de todos" foi usada como bordão por Bolsonaro na corrida presidencial de 2018 e deu nome à sua coligação. É inspirada em um brado da Brigada de Infantaria Paraquedista do Exército criado no final da década de 1960, durante o período da Ditadura Militar (1964-1985).

"Brasil acima de todos" já havia sido usada em referência às mortes na pandemia pelo jornal Extra, do Grupo Globo, na capa de quarta-feira (24):

No Twitter, internautas pescaram a indireta e compartilharam os números alarmantes com hashtags criticando Bolsonaro. Confira alguns posts:


Leia também

Enquete

Qual a melhor novela no ar atualmente?

Web Stories

+
A Favorita: Veja 7 atores da novela que sumiram da GloboPão Pão, Beijo Beijo chega no Viva 39 anos depois: Quais atores já morreram?Resumo de Pantanal: Madeleine sofre tragédia, e Bruaca se choca com podridão do maridoGkay já fez harmonização facial? Veja antes e depois da influenciadoraNovela Pantanal: Descubra quem é Guito, o ator que interpreta Tibério na trama

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas