Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

VALE TUDO?

Globo faz disputa de fãs para salvar o ibope do Esporte Espetacular em 2022

REPRODUÇÃO/INSTAGRAM

Lucas Gutierrez, à esquerda, e Bárbara Coelho, à direita; estão no estúdio do Esporte Espetacular. Ele com uma camisa preta, ela de bege.

Lucas Gutierrez e Bárbara Coelho, apresentadores do Esporte Espetacular, que vai mudar em 2022

GABRIEL VAQUER, colunista

vaquer@noticiasdatv.com

Publicado em 2/11/2021 - 6h30

A Globo terá um game show dentro do Esporte Espetacular a partir de 2022. A emissora vai estrear em março o Super Fã, uma disputa entre uma celebridade do mundo dos esportes e três fanáticos pelo famoso para ver quem sabe mais sobre ele. A aposta faz parte do processo de reformulação da atração, em uma tentativa de subir seus números de audiência.

O formato norte-americano foi comprado pela Globo. O original se chamava Big Fan e foi exibido pela rede ABC, baseado em um quadro do talk show de Jimmy Kimmel. A estreia na revista eletrônica esportiva está prevista para março do ano que vem. A primeira temporada terá seis episódios.

No Super Fã, uma celebridade do mundo do futebol e três fãs serão convidados, e os anônimos precisam provar quem sabe mais sobre o famoso em questão. Quem vencer na primeira rodada enfrenta a celebridade na fase final. Se o anônimo ganhar do próprio ídolo, não leva dinheiro. O que está em jogo é uma experiência inesquecível com a celebridade.

Segundo apurou o Notícias da TV, o formato já é vendido para o mercado publicitário. A ideia é atrair anunciantes que possam presentear quem for participar do formato. Inserções na tela durante a sua exibição, além de chamadas especiais na programação da Globo, também estão previstas.

Novo game do Esporte Espetacular flopou

Ao mercado publicitário, a Globo afirmou que o Big Fan é "um formato de grande sucesso mundial". Mas não é bem assim, longe disto. A atração foi um verdadeiro fracasso e não tem bom histórico para ajudar o esportivo. 

Exibido nos Estados Unidos em janeiro de 2017, o programa teve apenas quatro episódios e uma audiência média de 2,8 milhões --números baixíssimos para a rede ABC. Também são poucas as versões produzidas em outros países.

A Globo escolheu o formato por entender que ele se encaixa na nova proposta do Esporte Espetacular, que o Notícias da TV adiantou: mais quadros de Entretenimento e menos reportagens. Como o Super Fã não terá uma exibição semanal, a Globo entende que isto ajuda a não desgastar o formato. 

Em 2021, o Esporte Espetacular tem sido a audiência mais baixa do domingo da Globo entre 8h e meia-noite. O programa comandado por Bárbara Coelho e Lucas Gutierrez tem números menores que o Globo Rural e o Auto Esporte, por exemplo.

E, nas disputas com a Fórmula 1 na Band, o EE já chegou a ficar apenas um ponto na frente da concorrente na Grande São Paulo, principal mercado publicitário do país.


Leia também

Enquete

Você gostou de Tadeu Schmidt no comando do BBB22?

Web Stories

+
BBB 22: Pegação, ameaça de desistência e queridômetro sacodem edição paz e amorBBB 22: Luciano sabota sonho da fama e se frustra com número de seguidoresFinal de Malhação na Globo tem sequestro, incêndio e final feliz; saiba tudoPor que Ludmilla e Anitta brigaram? Entenda a treta que respingou no BBB 22BBB22: Cinco vezes em que Naiara Azevedo atraiu o ranço do público na primeira semana

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas