Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

CORRIDA DAS BLOGUEIRAS

Fãs de realities, youtubers assumem fogo no parquinho com frio na barriga

REPRODUÇÃO/YOUTUBE

Imagem dos apresentadores Filipe Oliveira e Eduardo Camargo no reality Corrida das Blogueiras

Filipe Oliveira e Eduardo Camargo no Corrida das Blogueiras, reality exibido no YouTube

ERICK MATHEUS NERY

erick@noticiasdatv.com

Publicado em 2/11/2021 - 6h35

Com mais de 3 milhões de inscritos no canal Diva Depressão, do YouTube, Filipe Oliveira e Eduardo Camargo veem e comentam os principais realities da TV brasileira, como BBB e A Fazenda. Porém, na plataforma digital, eles também trocam de lugar e sentem frio na barriga enquanto administram o fogo no parquinho durante os desafios do Corrida das Blogueiras.

"Realmente adoramos assistir a realities e é por isso que levamos tão a sério a nossa posição como apresentadores. Aprendemos muito observando como a internet reage à postura deles nos grandes programas de TV e tentamos não cometer os mesmos erros. Sentimos sim um frio na barriga quando estamos trabalhando em projetos tão grandes como este, mas a gente considera algo muito natural", detalham os youtubers ao Notícias da TV.

Na competição, que está na terceira temporada, um grupo de influenciadores digitais enfrenta provas de maquiagem, moda e produção de conteúdos como tutoriais de DIY (faça você mesmo, em inglês). O vencedor da disputa leva para casa a Coroa de Cola Quente (troféu do reality), um prêmio em dinheiro, contratos comerciais com a Avon e o Kwai, um smartphone Motorola Edge 20 Pro e uma parceria com os youtubers.

Além disso, com a visibilidade conquistada no programa, as participantes conseguem aumentar os seus números de seguidores e de engajamento no ambiente digital. Mesmo com a tradicional tensão da disputa, o formato consegue divertir o público com tretas e situações cômicas.

"O público pode esperar muitos looks, maquiagem, emoções, cola quente e tretas, mas sempre com respeito, sem jogo baixo! E claro, situações engraçadas que acontecem de forma supernatural durante as gravações, entre os participantes, os jurados fixos e convidados, e nós, apresentadores. A gente leva a competição muito a sério, mas o humor sempre faz parte do que fazemos e deixa tudo mais leve", adiantam.

Para a reportagem, Filipe e Eduardo explicam o motivo pelo qual o programa segue com o título de "blogueira", termo considerado desatualizado por uma parcela dos produtores de conteúdo digital.

Quando começamos na internet, ainda não existia o termo 'influencer', era blogueira mesmo e ainda raiz, com blog de verdade e tudo. Achamos que o termo não se perdeu com o tempo, só foi ganhando mais adjetivos. Hoje, se falarmos 'blogueira', qualquer pessoa vai pegar na hora o que queremos dizer. Entendemos que os participantes são influenciadores e podem ser ainda mais expansivos do que o foco do programa em si. Sem contar que falar blogueira é muito mais divertido e cafona do que influencer. É a nossa cara!

"Apesar de estarmos à frente do projeto e termos um papel importante na frente e por trás das câmeras, acreditamos que os verdadeiros protagonistas são os participantes, e que o Corrida das Blogueiras é sobre eles. Confiamos no trabalho e nos sentimos confortáveis, mas sempre ficamos um pouco nervosos", complementam os meninos do Diva.

Gravação na pandemia

A nova temporada do reality foi gravada durante a pandemia da Covid-19 na sede da Dia Estúdio, uma das principais produtoras de conteúdo digital do país. Rafa Dias, CEO da empresa e diretor-geral do reality, detalha a logística utilizada para a realização do projeto durante este período de crise sanitária.

"Foram feitos testes constantes e mantivemos todos os protocolos e cuidados necessários. Os apresentadores e jurados não estavam comprometidos com outros projetos ao mesmo tempo, íamos de casa ou do hotel direto para o estúdio. Essa foi uma preocupação constante durante toda a produção do reality", pontua.

No YouTube, as temporadas anteriores do programa acumulam mais de 10 milhões de visualizações, o que também gera um apelo comercial para grandes marcas. "Vemos uma comparação muito grande do Corrida das Blogueiras com vários realities estabelecidos no país e até fora dele, isso é um dos motivos do sucesso comercial", justifica Dias.

Os episódios do Corrida das Blogueiras são disponibilizados às terças-feiras, no canal Diva Depressão, no YouTube. Confira os programas da nova temporada:


Leia também

Enquete

Você acha que a edição 2022 de No Limite vai superar a do ano passado?

Web Stories

+
Pão Pão, Beijo Beijo chega no Viva 39 anos depois: Quais atores já morreram?Resumo de Pantanal: Madeleine sofre tragédia, e Bruaca se choca com podridão do maridoGkay já fez harmonização facial? Veja antes e depois da influenciadoraNovela Pantanal: Descubra quem é Guito, o ator que interpreta Tibério na tramaEnquete: Barraqueiro x Sem graça - Vote no casal que vai gerar caos no Power Couple

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas