REDE BAHIA

Em crise, afiliada da Globo na Bahia inicia processo de demissões

REPRODUÇÃO/TV GLOBO

Apresentadora do Bahia Meio Dia, Jessica Senra fala do desemprego no telejornal de 1º de maio - REPRODUÇÃO/TV GLOBO

Apresentadora do Bahia Meio Dia, Jessica Senra fala do desemprego no telejornal de 1º de maio

GABRIEL VAQUER e LUIZA LEÃO - Publicado em 02/05/2019, às 14h10 - Atualizado em 03/05/2019, às 06h28

Em uma crise grave de audiência, a afiliada da Globo na Bahia começou a demitir jornalistas e outros funcionários nesta quinta (2). Somente na televisão, a projeção é de que 40 profissionais da parte operacional sejam desligados. O corte vai além da TV, principal negócio da família Magalhães. Deve atingir outros 80 trabalhadores do grupo, composto também pelo Jornal Correio e por emissoras de rádio.

Houve prejuízo no balanço da emissora em 2018, cujos números são abafados pela diretoria. Negativos, eles teriam provocado as dispensas.

Só nesta quinta, foram dez cabeças cortadas. Entre os nomes que já perderam emprego estão a editora de qualidade Telma Verçosa, a funcionária responsável pelo centro de documentação da casa, Mara Viana, e a produtora Márcia Freire. 

O trio, considerado da velha guarda da emissora, pertence ao Cedoc (Centro de Documentação) e tem salário considerado alto para a atual situação financeira da empresa.

Do vídeo, apenas um nome foi dispensado até agora: Anna Valéria, repórter e ex-apresentadora das mais experientes da Rede Bahia. Anna apresentou por muitos anos o Rede Bahia Revista, programa cultural das noites de domingo, que saiu do ar em 2014. Desde então, era repórter, cobrindo os mais variados assuntos. 

O passaralho também afetou a empresa de marketing do grupo, já apontada como o local onde houve a maior baixa --quase toda a equipe foi desligada. Isso deve ter impacto direto no Festival de Verão, produzido pela empresa. Anualmente, ele movimenta o cenário das festas de verão em Salvador, com misturas de ritmos.  

Apresentador da Record se solidariza

Principal algoz da Globo em Salvador, o apresentador José Eduardo Alves, o Bocão, falou sobre as dispensas na edição desta quinta-feira do Balanço Geral, da Record. Ele se disse triste pelos cortes e pediu que todos os demitidos saiam de cabeça erguida da emissora. 

"Fica a minha tristeza, porque essas pessoas tomaram um grande susto. Mas irão ter um mercado de trabalho grande, porque eu conheço todos e sei da competência de cada um. Vergonha é ficar na emissora puxando saco e ficar de fofoquinha levando chimarrão pro chefinho. Num momento como esse, essa gente que puxa o saco deve estar comemorando", afirmou o apresentador.

Crise de audiência

A Rede Bahia passa por uma grave crise de audiência, que preocupa a cúpula da Globo no Rio de Janeiro. O primeiro grande susto ocorreu no início de 2018. Em 28 de fevereiro, a TV Itapoan aplicou uma derrota histórica na Rede Bahia. Ficou em primeiro lugar na média das 7h até as 23h.

Foi a primeira vez que a programação da Record superou a da Globo durante tanto tempo em um importante mercado. Nessas 16 horas, a Itapoan cravou 13,8 pontos, contra 13,5 da concorrente no Ibope local. Cada ponto equivale a 13,7 mil domicílios. 

Numa reação aos números, a emissora decidiu contratar Jessica Senra, que estreou em maio. A atual âncora do meio-dia da TV Bahia foi "roubada" das manhãs da Record, numa tentativa de bater a própria concorrente no horário do almoço.

Na Bahia, a faixa é dominada por José Eduardo, o Bocão, que está na emissora de Edir Macedo. E os dois dominam a arte do jornalismo popularesco --Jessica é um pouco mais requintada.

No ano passado, a Globo foi criticada ao situar a novela Segundo Sol na capital baiana e escalar majoritariamente atores de pele clara para compor a população soteropolitana --83% dos moradores da cidade se declaram negros ou pardos. A novela foi o terceiro pior ibope de uma trama das nove no Estado.

A Record vem impondo derrotas à Globo há quase dois anos. Começou vencendo a concorrente durante o dia, a partir das 7h. Há um ano, já ganhava até o início da faixa de novelas da Globo. 

Outro lado

Em nota divulgada no início da noite de quinta, a Rede Bahia explicou as demissões e afirmou que as dispensas fazem parte de "um redesenho no seu portfólio de produtos e na governança das suas empresas".

"O grupo tem investido na modernização dos processos de trabalho, evoluindo no uso de tecnologias avançadas, o que vem permitindo aumentar a produtividade e manter a segurança operacional. Com isso, alguns profissionais finalizam seus ciclos, seja por aposentadoria, para assumirem novos desafios ou por decisão empresarial. A todos eles, indistintamente, a Rede Bahia agradece pelo tempo dedicado e pelo trabalho realizado", comentou a emissora. 

"A Rede Bahia reafirma, por fim, seu compromisso permanente em assegurar a qualidade nos serviços prestados e a oferta de conteúdos relevantes para o desenvolvimento do Estado da Bahia", conclui o comunicado. 

Tudo sobre

Jéssica Senra

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Quem é a mãe mais surtada de Amor de Mãe?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook