NOVINHOS DO SÉCULO 20

Globo terá 'núcleo Malhação' em nova versão de Éramos Seis; saiba mais

REPRODUÇÃO/TV GLOBO

As atrizes Talita Younan e Rayssa Bratilieri, destaques recentes de Malhação, estarão em Éramos Seis - REPRODUÇÃO/TV GLOBO

As atrizes Talita Younan e Rayssa Bratilieri, destaques recentes de Malhação, estarão em Éramos Seis

GABRIEL VAQUER - Publicado em 03/05/2019, às 05h31

O remake de Éramos Seis que a Globo prepara para o segundo semestre terá um núcleo que lembrará as historinhas de Malhação. Os atores Nicolas Prattes e Giullia Buscacio vão liderar essa parte da novela, que contará também com Talita Younan e Rayssa Bratilieri, atrizes que estiveram recentemente na trama adolescente da emissora.

O dramalhão contará como viviam os jovens dos anos 1920 e 1930, época dos acontecimentos da história de dona Lola (Gloria Pires). A abordagem dos romances remeterá o telespectador mais atento às tramas jovens de Malhação, com romances mais bobos e armações para acabar com o amor dos casais teen.

Talita e Rayssa foram escaladas nesta semana e já começaram a ensaiar com os colegas de elenco. Ambas tiveram convites iguais para entrar na história, por se encaixarem no perfil procurado por Carlos Araújo, diretor artístico da produção. Ele queria atrizes jovens e de talento, que já tivessem passado com destaque por Malhação recentemente. Foram aprovadas depois de testes rápidos.

Outros atores também foram convidados, e o elenco desse núcleo deve ser fechado até a metade de maio. Os escolhidos vão contracenar, principalmente, com Prattes e Giullia, que viverão filhos de dona Lola.

Será o terceiro trabalho seguido de Talita na Globo. A atriz estreou na emissora como a K1 de Malhação: Viva a Diferença (2017) e emendou a periguete Vera Lúcia em O Tempo Não Para (2018). Ela foi revelada em Os Dez Mandamentos (2015), "pescada" em um teste público feito pela Record para garimpar novos atores.

Já Rayssa Bratillieri fará seu primeiro trabalho fora de Malhação. Ela estreou na TV com a personagem Peróla, da criticada temporada Vidas Brasileiras (2018), finalizada no mês passado. Rayssa foi um dos poucos nomes elogiados pelo público da trama escrita Patrícia Moretzsohn.

As duas são consideradas "atrizes do futuro" na dramaturgia da emissora. Ou seja, estão pegando experiência para conseguirem voos mais altos.

Remake de Éramos Seis

Éramos Seis já foi encenada na TV em quatro ocasiões: em 1958, ao vivo na Record; em 1967, na Tupi, em edição curta; em 1977, também na Tupi; e no SBT, em 1994.

Lola foi interpretada, respectivamente, por Gessy Fonseca (1924-2018), Cleyde Yáconis (1923-2013), Nicette Bruno e Irene Ravache. Silvio de Abreu e Rubens Ewald Filho assinaram as duas últimas versões, que conquistaram público e crítica.

A novela conta a história sofrida de uma mãe de quatro filhos, da infância à idade adulta. Ela fica viúva cedo e luta arduamente para criar os herdeiros, que lhe trazem novos problemas. Para aumentar sua dor, um dos filhos morre precocemente. Ela termina a vida sozinha, em um asilo.

A atual versão só será possível porque a Globo adquiriu os direitos de texto do folhetim, que estavam com o SBT desde 1994 --na época, o canal de Silvio Santos quis investir forte na teledramaturgia, mas a iniciativa durou pouco.

Antonio Calloni interpretará Júlio, o patriarca da família Lemos. Participarão também Cássio Gabus Mendes, Susana Vieira, Simone Spoladore, Maria Eduarda Carvalho, Ricardo Pereira, Caco Ciocler, Kelzy Ecard, Ellen Rocche, Stepan Nercessian e Walderez de Barros. A estreia está marcada para 1º de outubro.

Últimas de Éramos Seis

Resumos semanais

Resumo da novela Éramos Seis: Capítulos de 24 a 27 de março

Terça, 24/3 (Capítulo 151)
Isabel comemora a presença de Lola. Inês teme a proximidade de Lola e Leon. Olga e Zeca se preparam para sua viagem de navio. Lola se sente desconfortável na casa de Isabel e Felício, e ... Continue lendo

Outras novelas

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Qual novela a Globo deve passar após Fina Estampa?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook