Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

43 DIAS DEPOIS

Demitido por gesto nazista, Adrilles Jorge é recontratado pela Jovem Pan

REPRODUÇÃO/JOVEM PAN

Adrilles Jorge nos estúdios da Jovem Pan com uma camisa preta

Adrilles Jorge: Jovem Pan recontrata ex-BBB e jornalista após demissão por gesto nazista

GABRIEL VAQUER E KELLY MIYASHIRO

vaquer@noticiasdatv.com

Publicado em 22/3/2022 - 18h35

A Jovem Pan recontratou o ex-BBB e jornalista Adrilles Jorge 43 dias depois de sua demissão por fazer um gesto nazista ao vivo no canal de notícias. Ele retornará para ser comentarista do programa Morning Show, que voltará a ter transmissão na TV após alguns dias suspenso por causa do noticiário sobre a guerra na Ucrânia. Sua reestreia está prevista para a próxima segunda (28). 

Segundo apurou o Notícias da TV, junto com Adrilles Jorge, o jornalista Guga Noblat entrou no programa comandado por Paulo Mathias e Paula Carvalho. Ele já vinha fazendo participações frequentes na atração que mistura jornalismo e entretenimento nos últimos meses e foi convidado para ficar definitivamente. 

A decisão de retornar com Adrilles Jorge para a programação foi do próprio Antônio Augusto do Amaral Carvalho Filho, o Tutinha, dono da emissora. Por gostar dos comentários e da postura polêmica de Adrilles, mesmo que ela seja criticada até mesmo pelos telespectadores conservadores da Jovem Pan, Tutinha fechou um novo acordo com ele. 

O caso que resultou no afastamento de Adrilles aconteceu em 8 de fevereiro no programa Opinião. Na atração comandada por William Travassos, o assunto era a declaração pró-nazismo feita por Bruno Aiub, o Monark, no podcast Flow. Após uma discussão sobre o tema, Jorge fez um aceno com a mão. O gesto foi considerado uma forma de apologia ao nazismo. "Surreal", reagiu o apresentador, enquanto o comentarista ria.

Assista: 

Criticado nas redes sociais, Adrilles pediu desculpas e disse que tudo não passou de um mal-entendido: "A insanidade dos canceladores ultrapassou o limite da loucura. Depois de um discurso meu veemente contra qualquer defesa de nazismo, um tchau é interpretado como um saudação nazista. Nazista é a sanha canceladora que não enxerga o próprio senso assassino do ridículo."

A Jovem Pan chegou a divulgar uma nota de repúdio contra a prática de seu novo velho contratado. "O Grupo Jovem Pan repudia qualquer manifestação em defesa do nazismo e suas ideias. Somos veementemente contra a perseguição a qualquer grupo por questões étnicas, religiosas, raciais ou sexuais", dizia trecho do manifesto. 

Procurada pelo Notícias da TV para confirmar o retorno de Adrilles Jorge, a assessoria da Jovem Pan não retornou até a publicação deste texto. 


Leia também

Enquete

Pantanal perde audiência: novela está chata?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.