Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

Polêmica

Canal Brasil adia estreia de série LGBTQ+ pela quarta vez e surpreende atores

Divulgação/Canal Brasil

Romulo Arantes Neto e Gabrielle Joie estão no elenco da série do Canal Brasil Toda Forma de Amor - Divulgação/Canal Brasil

Romulo Arantes Neto e Gabrielle Joie estão no elenco da série do Canal Brasil Toda Forma de Amor

ANA CORA LIMA

Publicado em 9/8/2019 - 4h27
Atualizado em 9/8/2019 - 12h35

Prevista para estrear nesta sexta (9) no Canal Brasil, a série Toda Forma de Amor teve o seu lançamento adiado pela terceira vez em menos de um ano. A suspensão mais recente da produção sobre o universo LGBTQ+, a menos de uma semana de entrar no ar, pegou os atores de surpresa. O elenco, que tinha programado até uma festa de lançamento, estranhou a decisão repentina.

Gravada em 2017, a série do diretor Bruno Barreto já teve a sua estreia adiada pelo canal pago quatro vezes --três delas nos últimos oito meses. Toda Forma de Amor chegou a ser disponibilizada durante poucos dias em uma plataforma de streaming, como preparação para sua estreia na TV paga.

Algumas pessoas envolvidas na produção contaram que circulam boatos de que haveria uma pressão externa para que a atração não seja exibida na TV. O Canal Brasil pertence à Globosat, em uma parceria com o GCB (Grupo Consórcio Brasil), formado por vários cineastas brasileiros.

"Ela está finalizada há muito tempo, e não tem mais nada o que editar ou mixar. Tem cenas fortes? Tem. A produção pode virar alvo de muitas críticas por conta do preconceito e do tabu ligados às questões dos gêneros? Pode. Mas, ninguém fala nada. Achamos até que Toda Forma de Amor está passando por uma censura da própria direção", aponta um ator, que preferiu não se identificar.

O Notícias da TV procurou uma das atrizes principais, Guta Ruiz, que confirmou o adiamento da estreia, mas não soube explicar o motivo. O ator Juan Alba, também parte do elenco, foi informado pela própria reportagem sobre a não exibição da série na quinta (8), véspera do dia previsto para a estreia.

"Não sabia, nem ninguém me falou nada. Acho estranho essa série ser tantas vezes adiada, mas com certeza um dia ela vai ser lançada. É uma produção de conteúdo forte e polêmico, mas muito bacana."

O autor da série, Marcelo Pedreira, também estranhou a mudança da data de exibição em cima da hora. "Ninguém até agora me explicou o motivo do adiamento e só fiquei sabendo da troca de datas porque participaria da coletiva de lançamento em São Paulo. Como moro no Rio, eu tive que cancelar a viagem", contou.

A assessoria do Canal Brasil informou que a estreia foi adiada por ajustes técnicos no som a pedido de Barreto. A nova data de lançamento será 25 de outubro.

A série

Toda Forma de Amor é uma atração que apresenta relações amorosas no universo LGBTQ+, a partir de um grupo de terapia liderado pela psicóloga lésbica Hanna (Guta Ruiz). Fazem parte do grupo o gay e drag queen Milinho (Daniel Infantini), a andrógina Clara (Christiana Ubach), o crossdresser heterossexual Paulo (Eucir de Souza), a transexual Bianca (Wally Ruy) e a mulher trans Marcela (Gabrielle Joie), que se envolve com o empresário hétero Daniel (Romulo Arantes Neto).

Daniel é dono da boate Trans World, um cenário importante da trama. Paralelamente à inauguração da casa noturna, misteriosos assassinatos de transexuais ocorrem em São Paulo e movimentam a trama. A primeira temporada foi gravada em sete episódios, que viraram cinco na edição final. Um segundo ano estava previsto no projeto inicial --mas, após tantos adiamentos, parece difícil que ele saia do papel.

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você achou do Disney+?