Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

Shark Tank Brasil

Empresário vai a reality show para mudar a maneira como as pessoas fazem cocô

Divulgação/Canal Sony

O empresário Samir Bayde apresenta seu produto no episódio desta sexta (9) do Shark Tank Brasil - Divulgação/Canal Sony

O empresário Samir Bayde apresenta seu produto no episódio desta sexta (9) do Shark Tank Brasil

REDAÇÃO

Publicado em 9/8/2019 - 4h49

Um participante do Shark Tank Brasil promete revolucionar a hora de ir ao banheiro. No episódio do reality show do Canal Sony que vai ao ar nesta sexta (9), Samir Bayde oferece aos investidores um simples banquinho, que serve para as pessoas apoiarem os pés e ficarem numa posição mais favorável para o nº 2. Ele pede R$ 1 milhão de aporte para transformar sua ideia em negócio.

Segundo Bayde, os seres humanos de antigamente faziam cocô numa posição mais natural e saudável: de cócoras. Com a modernização dos banheiros no mundo todo, esse hábito acabou, e agora o mais "normal" é sentar no vaso sanitário.

"Nessa posição, o músculo puborretal, responsável por controlar nossas fezes, fica retraído. Com o produto, você corrige sua postura, obtendo uma evacuação muito mais rápida, eficiente e saudável", explica o empreendedor.

Os "tubarões" acham curioso, mas Camila Farani garante que já existem outros fabricantes que comercializam o mesmo tipo de produto. "Só eu conheço três", ressalta a investidora.

Caito Maia chega até a se sentar no vaso sanitário instalado no estúdio e a colocar seus pés no banquinho, para experimentar a sensação proporcionada. "Eu ficaria meio tenso [ao usar o banquinho]. Parece que você está forçando a barra", comenta.

Os tubarões acham o valor muito alto para um produto que ainda está em fase de testes. Bayde pede R$ 1 milhão em troca de 5% de participação em sua empresa, se confunde ao apresentar a empresa e leva bronca. 

"Quando você vem com uma ideia, uma perspectiva, é mais ou menos como contar com o ovo na cloaca da galinha. Você sonha com alguma coisa", diz José Carlos Semenzato. "Acho que eu não vi nenhum pitch nessa temporada tão esdrúxulo quanto esse seu", critica Cristiana Arcangeli.

Além de Samir Bayde, também participam deste episódio do programa empresários que têm uma linha de comidas veganas congeladas, um grupo que quer crescer com um aplicativo para otimizar fazendas e uma dupla que criou um aplicativo para ensinar crianças a lidarem com dinheiro.

Formato de sucesso em mais de 35 países, o reality show está em sua quarta temporada e vai ao ar no Canal Sony às sextas-feiras, às 22h.

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Quem deve ser a nova Juma Marruá?

Vanessa Giácomo
21.13%
Lucy Alves
16.78%
Rafa Kalimann
12.62%
Isis Valverde
22.07%
Uma atriz desconhecida
27.40%