Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

PITACOS DO EMPRESÁRIO

Boni critica GloboNews e defende mudança na grade da Globo: 'É preciso coragem'

REPRODUÇÃO/REDETV!

José Bonifácio Oliveira Sobrinho, o Boni, em entrevista na RedeTV!

José Bonifácio Oliveira Sobrinho, o Boni, apontou que a grade da Globo precisa de mudanças

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 12/1/2021 - 13h22

Dono da Rede Vanguarda, afiliada da Globo na região do Vale do Paraíbaex-mandachuva da líder de audiênciaJosé Bonifácio Oliveira Sobrinho, o Boni, não está satisfeito com a grade da Globo e defende mudanças na programação. O empresário de 85 anos também entende que a GloboNews precisa ter "mais opinião, com mais espaço para o contraditório".

Boni assumiu, em 1980, a vice-presidência de Operações da Globo, cargo que na época equivalia ao de diretor-geral --ele deixou o posto em 1998 e ficou até 2001 como consultor. Para o executivo, a grade da emissora está obsoleta atualmente.

"É difícil mudar algo que deu certo durante muitos anos. Mas é preciso. Praticamente tudo aquilo que eu deixei lá, há 22 anos, continua rigorosamente igual. O público é ávido por novidades. Se a Globo não sair da mesmice, vai continuar o processo de perda de audiência. É preciso coragem. E eles têm quadros que podem liderar essa transformação", opinou o diretor, em entrevista ao site NeoFeed nesta semana.

Ele foi um dos criadores do "padrão Globo de qualidade" e corresponsável pela hegemonia da rede na televisão brasileira. Entrou na Globo em 1968 e se tornou diretor-geral da Central Globo de Produções no ano seguinte. Na década de 1970, criou a programação da emissora --uma estrutura básica de grade que é mantida até hoje, com poucas mudanças.

De acordo com dados obtidos pelo Notícias da TV, a média-dia (das 7h à meia-noite) anual de ibope da Globo era de 20,5 pontos em 2001, pouco depois da "era Boni". Na ocasião, a emissora atraía a audiência de 50,5% dos televisores ligados no PNT (Painel Nacional de Televisão), que acompanha os números das 15 maiores regiões metropolitanas do país.

Em 2020, a Globo manteve com folga a liderança do mercado, com 15,3 pontos de média, mas com uma participação menor na audiência: 33,3% de share. Ou seja, em 20 anos, o ibope da líder da TV caiu 25% --nesse mesmo período, a Record cresceu 51% e o SBT teve uma queda de 46%. A TV paga e os streamings passaram a ocupar uma parcela relevante do mercado.

O próprio Boni é um consumidor de séries na web, mas com ressalvas. "Eu comecei a ver com muito entusiasmo. Depois, ficou tudo a mesma coisa, tudo muito convencional. Eu vejo o primeiro episódio, o segundo e já pulo para o final. Raramente uma me prende até o fim. É tudo muito entediante", comentou.

Pitacos na GloboNews

Questionado pela reportagem do NeoFeed sobre o desempenho da CNN Brasil nesse primeiro ano, Boni elogiou o canal de notícias e aproveitou para dar pitacos sobre a GloboNews, que é líder do mercado na TV paga.

"A CNN Brasil está fazendo um bom trabalho. Eles conseguiram ser eficientes e rápidos num curto espaço de tempo. Mas é preciso melhorar muita coisa. O jornalismo não pode ficar em cima apenas de quatro ou cinco fatos. É preciso ter uma pauta mais extensa, oferecendo mais conteúdo e sobretudo mais opinião, com mais espaço para o contraditório. Os comentaristas dos telejornais brasileiros não divergem. Essa crítica vale principalmente para a GloboNews", opinou o empresário.

Como exemplo, Boni citou a discussão de Demétrio Magnoli e Gerson Camarotti na primeira edição do Em Pauta de 2021. O debate gerou um climão e precisou de interferência da apresentadora Cecilia Flesch.

"Outro dia, durante a cobertura da pandemia, dois comentaristas da GloboNews, o Gerson Camarotti e o Demétrio Magnoli, discutiram ao vivo. É algo tão raro de se acontecer, que a âncora tomou um susto. O que é uma exceção tinha que virar regra. A discordância enriquece o debate. Se todos pensam da mesma forma, a tendência é ficar tudo muito morno e chato", apontou ele.


Leia também

Web Stories

+
A Fazenda 13: Sem barracos, Liziane frustra público e é eliminada; veja trajetóriaComo Lázaro Ramos e Taís Araujo: 7 casais formados nos bastidores da GloboSex Education vai ter 4ª temporada? Veja cinco curiosidades sobre a sérieA Fazenda 13: Surto na baia e barraco com ofensas marcam primeira semana do realityQuem é Alanis Guillen? Conheça a Juma Marruá do remake de Pantanal

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Além de Pantanal, qual novela antiga merecia um remake?