Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
X
Instagram
Youtube
TikTok

MUDANÇA

Após três anos, PVC sai da Globo para comentar Libertadores no Paramount+

REPRODUÇÃO/SPORTV

Paulo Vinícius Coelho, o PVC, no programa Seleção SporTV

Paulo Vinícius Coelho, o PVC, estava na Globo desde 2020: ele passará a trabalhar no Paramount+

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 19/1/2023 - 16h20
Atualizado em 19/1/2023 - 16h32

Um dos principais jornalistas esportivos do país, Paulo Vinícius Coelho, o PVC, saiu da Globo. O comentarista estava na empresa desde janeiro de 2020, mas optou por trocar as transmissões e programas do SporTV pelo streaming Paramount+, que tem os direitos para exibir os principais jogos da Libertadores e da Copa Sul-Americana até 2026.

A informação foi confirmada pelo UOL Esporte, nesta quinta (19). PVC também passará a dar expediente no portal de notícias, com uma coluna que ele retomará depois de três anos escrevendo para o site GE, e comentários nos programas do Canal UOL.

O Paramount+ tem mexido no mercado esportivo. No mês passado, conforme o Notícias da TV antecipou, a empresa tirou João Guilherme e Nivaldo Prieto da ESPN --os dois estavam entre os principais narradores do Grupo Disney.

As contratações da empresa de streaming estão sendo feitas por Eduardo Zebini, executivo que já liderou equipes esportivas da Record nos anos 2000 e o Fox Sports, antes da fusão aprovada no Brasil com a Disney, em 2020.

Quem é PVC?

PVC tem 53 anos e trabalha com jornalismo esportivo desde a década de 1990, quando se destacou como repórter da revista Placar e do Lance. Em 2000, entrou para a ESPN Brasil e foi reconhecido na TV paga pelo conhecimento de datas e acontecimentos do futebol.

Ficou na empresa até o final de 2014. No início do ano seguinte, passou a dar expediente no Fox Sports, de onde saiu para trabalhar na Globo em 2020. Paulo Vinícius Coelho cobriu as Copas do Mundo de 1994, 1998, 2006, 2010, 2014, 2018 e 2022.

Também já escreveu para os jornais Folha de S.Paulo e O Estado de S. Paulo, além do próprio UOL (de 2015 a 2020).

Projeto Paramount+

A Paramount comprou dois pacotes de jogos da Libertadores e da Copa Sul-Americana, as duas competições de clubes mais importantes do continente. Os torneios fazem parte de um plano ambicioso para o Brasil: usar o futebol ao vivo para impulsionar suas produções originais e assinaturas.

A meta é se aproximar da Netflix, que é líder, mas sofre uma crise sem precedentes. A empresa dona das marcas MTV e Nickelodeon terá cerca de 80 jogos por ano com os dois torneios.

Além dos direitos no Brasil país, a Paramount adquiriu as transmissões da Libertadores em TV aberta para o resto da América Latina. Com isso, vai exibir as partidas na Telefé, da Argentina; e Chilevision, do Chile, que pertencem ao conglomerado. O resto do continente terá jogos pela Pluto TV. 

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.