Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

É O FIM!

Netflix cancela Jessica Jones e Justiceiro e acaba de vez com séries da Marvel

Fotos: Divulgação/Netflix

Krysten Ritter como Jessica Jones e Jon Bernthal em Justiceiro: fim da linha para a Marvel na Netflix - Fotos: Divulgação/Netflix

Krysten Ritter como Jessica Jones e Jon Bernthal em Justiceiro: fim da linha para a Marvel na Netflix

REDAÇÃO

Publicado em 18/2/2019 - 14h10

A Netflix cancelou nesta segunda-feira (18) as séries Jessica Jones e Justiceiro. Com isso, encerra de vez sua parceria com a Marvel, iniciada em 2013 e que também deu origem a Demolidor, Punho de Ferro e Luke Cage. O expurgo da plataforma de streaming foi rápido: as cinco atrações foram encerradas em um período de quatro meses.

Dos dois cancelamentos do dia, chama atenção o de Jessica Jones. A heroína vivida por Krysten Ritter ainda tem uma terceira temporada na gaveta --a atração será exibida, mas os fãs já sabem que estarão vendo os episódios finais.

Isso prova que, de fato, o problema da Netflix com as séries da Marvel não é audiência. Afinal, os novos episódios da detetive podem ser um estouro de público. Para o streaming, isso importa pouco: o grande problema é contar com personagens da Disney em seu catálogo.

A empresa do Mickey Mouse se prepara para o lançamento de uma plataforma de streaming, o Disney+. De parceira, virou uma ameaça para a Netflix. E concorrentes não costumam fazer negócios entre eles. Ter atrações baseadas no acervo da Marvel poderia funcionar como uma propaganda gratuita para a rival, que também prepara séries baseadas nas HQs --com heróis de maior repercussão, inclusive.

"O Justiceiro não vai voltar para uma terceira temporada na Netflix O showrunner Steve Lightfoot, a equipe e o elenco excepcionais, inclusive o protagonista Jon Bernthal, entregaram uma série intrigante e elogiada par aos fãs, e temos orgulho em exibir esse trabalho na Netflix pelos próximos anos", informou a empresa em comunicado ao site Deadline, o primeiro a noticiar os cancelamentos.

"Revisando nossa programação da Marvel, também decidimos que a vindoura terceira temporada de Jessica Jones será a última. Agradecemos a showrunner Melissa Rosenberg, a estrela Krysten Ritter e todo o elenco e a equipe por três anos incríveis de uma série inovadora, reconhecida com vários prêmios importantes."

Outros heróis a caminho
Apesar do fim da parceria com a Marvel, a Netflix não está deixando de investir em séries de super-heróis e adaptações de histórias em quadrinhos. Na última sexta (15), lançou The Umbrella Academy, versão televisiva da HQ de Gerard Way e Gabriel Bá. Também está preparando a série espanhola El Vecino (O Vizinho), baseada nos quadrinhos de Santiago García e Pepo Pérez.

Além disso, em 2017, a plataforma de streaming adquiriu a editora Millarworld, do quadrinista Mark Millar, responsável por Kick-Ass, Wanted e Kingsman. Além de publicar revistas do gênero, a Netflix também está investindo em adaptações desse material: já anunciou, por exemplo, as séries Jupiter's Legacy e American Jesus.

Prêmio NTV Melhores do ano

Leia também

Enquete

Qual foi o melhor telejornal ou programa jornalístico do ano?

Web Stories

+
Ficção virou realidade: Casa de Esqueceram de Mim é aberta ao público; veja fotosDivórcio, tragédia e treta: 5 notícias que peões de A Fazenda 13 não sabemJuan Paiva rouba a cena em Um Lugar ao Sol; conheça a história do atorGui Araujo deixa A Fazenda 13 após expor lado prepotente e preconceituoso; relembreDe série na Netflix a aposentadoria: Por onde anda o elenco de O Cravo e a Rosa?

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas