Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

DRAMA ZUMBI

Pandemia bagunça The Walking Dead e adia nova temporada para 2021

DIVULGAÇÃO/AMC

Norman Reedus mira uma besta na cabeça de Jeffrey Dean Morgan, no meio de uma floresta escura, em The Walking Dead

Jeffrey Dean Morgan com Norman Reedus ao fundo em cena da décima temporada de The Walking Dead

JOÃO DA PAZ

Publicado em 24/7/2020 - 18h40

A pandemia do novo coronavírus (Covid-19) bagunçou The Walking Dead por completo. O episódio que tinha sido cancelado e serviria como final da décima temporada, não será mais o último dessa leva. E o 11º ano só vai estrear de fato em 2021. Essa confusão toda foi apresentada no painel do drama zumbi na Comic-Con@Home, edição virtual da San Diego Comic-Con, realizada online nesta sexta-feira (24).

A showrunner Angela Kang disse o óbvio na videoconferência pré-gravada: "A Covid-19 mexeu com coisas no ambiente de trabalho de muita gente, inclusive no nosso". Foi ela quem anunciou as mudanças da atração.

"[Por causa da pandemia] Não conseguimos começar a produção dos episódios da 11ª temporada, que não vai ao ar em outubro, como de costume. Mas estamos empolgados em anunciar que a décima temporada será ampliada, com seis episódios a mais que vão suceder o final [da décima temporada]", se esforçou Angela na sua explicação.

Confuso, no mínimo. Dessa maneira, The Walking Dead terá três "finais" da décima temporada. O primeiro já foi ao ar, em 5 de abril. O segundo, tratado como o término oficial, vai ao ar em 6 de outubro. Chamado de A Certain Doom, este seria o episódio que encerraria a temporada oficialmente, mas não foi concluido antes da pandemia. O terceiro final será o último capítulo dessa leva de seis adicionais.

Angela disse que esses episódios a mais vão ao ar somente no ano que vem, em uma data a ser definida, mas provavelmente dentro dos dois primeiros meses. Isso fará a décima temporada ter em um total de 22 capítulos, um inchaço recorde para The Walking Dead. Em relação à 11ª temporada, a showrunner comentou que os roteiristas estão trabalhando nas próximas tramas.

Um bloqueio para The Walking Dead voltar ao normal, sem perder a magia que fez a série famosa, é justamente o protocolo sanitário a serem obedecidos em meio à pandemia. O drama precisa de muitos figurantes que se entregam para interpretarem os zumbis, sempre aglomerados, algo a ser evitado nos dias de hoje. Há também a questão da maquiagem, fundamental na criação dos mortos-vivos.

Independentemente disso, esses seis novos episódios da décima temporada serão todos gravados com atores de carne e osso. Não haverá truques de animação, como outras séries fizeram para driblar o coronavírus. Essa leva deverá já contar com Lauren Cohan revivendo a Maggie, como ocorreu nos últimos segundos do "primeiro final" da temporada.

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Quem deve ser a nova Juma Marruá?