Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

JONATHAN PRYCE

Netflix escala ator de Game of Thrones para viver Philip em The Crown

Divulgação/HBO

O ator britânico Jonathan Pryce na pele do religioso Alto Pardal na série Game of Thrones

O ator britânico Jonathan Pryce na pele do religioso Alto Pardal na série Game of Thrones

REDAÇÃO

Publicado em 12/8/2020 - 18h50

A Netflix escalou Jonathan Pryce para viver a versão idosa do príncipe Philip nas próximas temporadas de The Crown. O ator se tornou conhecido entre os fãs de séries de TV após viver o religioso Alto Pardal em Game of Thrones (2011-2019). Com a adição, a plataforma completou o seu trio protagonista, que ainda conta com Imelda Staunton e Lesley Manville.

Enquanto Pryce interpretará a versão mais velha de Philip, Imelda viverá a protagonista rainha Elizabeth 2ª, substituindo a vencedora do Oscar Olivia Coleman. Lesley será a Princesa Margaret.

Além de seu trabalho na série da HBO, Pryce também esteve em evidência após ser indicado ao Oscar de Melhor Ator em 2020 por seu papel em Dois Papas (2019), filme dirigido por Fernando Meirelles. Sua interpretação do Papa Franciso I também lhe rendeu uma indicação ao Globo de Ouro.

A escalação vem após a decisão da Netflix de prolongar The Crown para uma sexta e última temporada. Anteriormente, a plataforma havia divulgado que a quinta seria responsável por finalizar a série.

Leia também

Enquete

Você gostou da escolha de Tadeu Schmidt para o BBB22?

Web Stories

+
Após derrota em eleição, Victor Pecoraro perde mais uma votação e deixa A Fazenda 13Deixaram saudade: Conheça cinco atores de O Clone que já morreramEsqueceram de Mim ganha novo filme no Disney+; veja como está o elenco originalTadeu Schmidt no BBB22: Conheça a carreira do apresentador na GloboRenascer no Globoplay: Saiba por onde anda o elenco da novela 28 anos depois

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas