Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

ONISCIENTE

Netflix aposta em ex-atores da Globo para série futurista do mesmo criador de 3%

RAFAEL MORSE/NETFLIX

Airoldi (à esq. sentado), Prates, Carla Salle, Sandra Corveloni, Haagensen e Luana Tanaka: elenco de Onisciente - RAFAEL MORSE/NETFLIX

Airoldi (à esq. sentado), Prates, Carla Salle, Sandra Corveloni, Haagensen e Luana Tanaka: elenco de Onisciente

REDAÇÃO

Publicado em 7/3/2019 - 12h08

A Netflix anunciou nesta quinta (7) o elenco de Onisciente, série brasileira dos mesmos criadores de 3%, Pedro Aguilera e a produtora Boutique Filmes. O streaming apostou em atores com passagens por produções da Globo. Destaque para os veterenos Marcelo Airoldi, que interpretou Romero em Deus Salve o Rei, e Sandra Corveloni, a Lorena do fenômeno O Outro Lado do Paraíso.

A protagonista é Carla Salle, atriz de 27 anos que também esteve em recentes produções de sucesso da emissora: Os Dias Eram Assim e Onde Nascem os Fortes.

Além deles, o elenco conta com Jonathan Haagensen, que atuou na primeira temporada de O Mecanismo, a atriz Luana Tanaka, com participações nas séries Dupla Identidade e 3%, e Guilherme Prates, da novela Tempo de Amar.

Com estreia prevista para 2020 na plataforma de streaming, Onisciente é um suspense futurista de seis episódios. De acordo com a Netflix, a trama é ambientada em um futuro próximo, numa cidade em que cada habitante é acompanhado constantemente por um pequeno drone, quase imperceptível. A máquina repassa os dados a um supercomputador ao qual nenhum humano tem acesso.

A criminalidade é praticamente inexistente, uma vez que os criminosos sabem com certeza que serão capturados. O Sistema Onisciente parece infalível, até que uma jovem chamada Nina (Carla Salle) descobre um assassinato que não foi relatado. Caberá a ela descobrir o que está por trás disso.

"Onisciente trata do conflito entre privacidade e segurança, e questiona se a ética das pessoas vem de dentro ou vem do olhar de fora, do Sistema", diz Pedro Aguilera, roteirista e showrunner da série.

"Estamos entusiasmados em fazer esta nova série com Pedro Aguilera e com a Netflix novamente. O show traz uma discussão muito atual e uma história repleta de reviravoltas, que vai deixar o público grudado na tela", comenta Tiago Melo, da Boutique Filmes.

Onisciente integra a lista crescente de produções brasileiras da Netflix com estreias nos próximos dois anos, incluindo Coisa Mais Linda, O Escolhido, Cidades InvisíveisNinguém Tá Olhando, A Facção, Spectros e Sintonia.

Prêmio NTV Melhores do ano

Leia também

Enquete

Qual foi a melhor série documental brasileira do ano?

Web Stories

+
Última temporada de La Casa de Papel: Após o fim, série já tem spin-off confirmadoFicção virou realidade: Casa de Esqueceram de Mim é aberta ao público; veja fotosDivórcio, tragédia e treta: 5 notícias que peões de A Fazenda 13 não sabemJuan Paiva rouba a cena em Um Lugar ao Sol; conheça a história do atorGui Araujo deixa A Fazenda 13 após expor lado prepotente e preconceituoso; relembre

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas