Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

DRAMA FAMILIAR

De Revenge a Marvel: Por onde anda o elenco de Everwood 15 anos depois?

Divulgação/The WB

Gregory Smith e Emily VanCamp se encaram sentados em cena de Everwood

Gregory Smith (Ephram) e Emily VanCamp (Amy) em cena de Everwood; série foi cancelada há 15 anos

ANDRÉ ZULIANI

andre@noticiasdatv.com

Publicado em 6/6/2021 - 7h00

Drama popular nos Estados Unidos e no Brasil nos anos 2000, Everwood (2002-2006) chegou ao fim há 15 anos e deixou uma legião de fãs órfãos das aventuras amorosas dos habitantes de uma pequena cidade norte-americana. A série teve vida curta, mas revelou grandes nomes da cultura pop, que se tornaram astros de produções da Marvel e de Revenge (2011-2015).

Criada por Greg Berlanti, lendário produtor que se tornou um dos pilares do Arrowverse, a série conta a história do médico Andy Brown (Treat Williams), que se muda com os filhos Ephram (Gregory Smith) e Delia (Vivien Cardone) para a cidade que dá nome à produção após a morte de sua mulher.

O elenco ainda contava com Emily VanCamp (Amy Abbott), Chris Pratt (Bright Abbott), Tom Amandes (Harold Abbott), Merrilyn Gann (Rose Abbott), John Beasley (Irv Harper), Debra Mooney (Edna Harper) e Stephanie Niznik (Nina Feeney).

Com 89 episódios divididos entre quatro temporadas, Everwood conquistou um público fiel em seu pouco tempo de exibição. Quando a série foi cancelada após a fusão entre as redes The WB e UPN --que resultou na criação da The CW-- um grupo de fãs chegou a "plantar" uma roda-gigante na frente do escritório de Dawn Ostroff, então chefe do canal, como protesto.

"Esses fãs são tão apaixonados. Foi uma decisão agonizante. O público era muito devoto e, internamente, muitas pessoas gostavam da série", disse Dawn ao Philadelphia Daily News. A roda-gigante era uma alusão ao episódio final da série, na qual o casal formado por Ephram e Amy finalmente ficam juntos durante um passeio no brinquedo.

Confira abaixo por onde anda o elenco de Everwood 15 anos após o fim da série:

DIVULGAÇÃO/THE WB/Hallmark Channel

Treat Williams antes e agora

Treat Williams

Responsável por viver o patriarca dos Abbott, Treat Williams já era um veterano na indústria quando aceitou o papel em Everwood. O ator tinha em seu currículo uma indicação ao Emmy por seu trabalho no telefilme Trapaças no Horário Nobre, no qual contracenou com a vencedora do Oscar Kathy Bates (American Horror Story).

Após o fim da série, Williams continuou atuando em dramas. Ele fez participações em Brothers & Sisters (2006-2011) e na canadense Heartland, que se tornou sucesso com a sua exibição no catálogo da Netflix.

Nos anos seguintes, ele transitou por séries e filmes menores e de pouco destaque, intercalando participações breves em produções como White Collar (2009-2014) e Hawaii Five-0 (2010-2020).

Mais recentemente, o veterano de 69 anos acrescentou no currículo papéis em hits como Chicago Fire e Blue Bloods, sucessos de audiência na TV aberta norte-americana. Atualmente, ele integra o elenco de Chesapeake Shores, outro drama familiar situado em uma cidade pequena, assim como Everwood.

DIVULGAÇÃO/THE WB/ABC

Gregory Smith perdeu a cara de garoto

Gregory Smith

Responsável por viver o gênio adolescente Ephram Brown, Gregory Smith tinha tudo para decolar na carreira com o fim de Everwood. O destaque na série e a boa aparência para os parâmetros da época o colocavam como candidato a novo astro teen do momento. Infelizmente, não foi o que ocorreu.

Smith manteve a carreira como ator participando de filmes de baixo orçamento e aparições rápidas em séries com pouca expressão. Ele voltaria a ter um papel regular em Rookie Blue (2010-2015), série policial canadense que durou cinco temporadas.

Apesar de não ter emplacado como ator, ele passou a atuar também atrás das câmeras. Como diretor, comandou episódios de várias séries da The CW, como Arrow, (2012-2020), Legends of Tomorrow e Riverdale.

DIVULGAÇÃO/THE WB/FOX

Emily VanCamp em Everwood e The Resident

Emily VanCamp

Mocinha da trama, Emily VanCamp viveu Amy Abbott, par romântico de Ephram e protagonista de muitas desventuras amorosas. Assim como todo o elenco principal, ela continuou em Everwood até o fim da série.

Diferentemente de Gregory Smith, Emily se manteve em alta na indústria. Ela emplacou um papel importante em Brothers & Sisters logo após o término de Everwood, mas deixou a série para ser a protagonista de outro sucesso dos anos 2010: Revenge.

Na pele de Emily Thorne, a jovem que busca vingança contra a família que destruiu a sua, a ex-Everwood provou que tinha talento para protagonizar uma série de destaque na TV aberta.

Foi com o seu trabalho na atração que ela alçou voos mais altos e chegou ao cinema para ser integrante do Universo Marvel como Sharon Carter, interesse amoroso do Capitão América vivido por Chris Evans. Depois de estrelar dois filmes do MCU, ela retornou neste ano em Falcão e o Soldado Invernal (2021). Atualmente, ela faz parte do elenco do drama médico The Resident.

DIVULGAÇÃO/THE WB/MARVEL

Chris Pratt na série e no universo da Marvel

Chris Pratt

Foi em Everwood que Chris Pratt iniciou a sua carreira para se tornar o astro do cinema que é hoje. Na pele de Bright Abbott, irmão de Amy e grande amigo de Ephram, o ator teve o seu primeiro destaque em uma produção.

Antes de virar o Senhor das Estrelas do Universo Marvel, porém, Pratt viveu um ostracismo após o fim de Everwood. Ele teve uma breve participação na quarta e última temporada de The O.C. (2003-2007) como Ché, o excêntrico amigo de faculdade de Summer (Rachel Bilson), mas logo depois sumiu dos holofotes.

Pratt vagou durante três anos em filmes de nenhuma expressão antes de ser escalado como o simpático Andy Dwyer em Parks and Recreation (2009-2015), papel que resgatou a sua carreira em Hollywood.

Com o destaque na série, ele voltou a ter relevância e viveu personagens secundários em filmes como O Homem que Mudou o Jogo (2011), A Hora Mais Escura (2012) e Ela (2014), até ser escalado por James Gunn para ser um dos protagonistas de Guardiões da Galáxia (2014).

Integrar o MCU alavancou a sua carreira e tornou o ator um astro de ação. Além de atuar nos filmes da Marvel, ele assumiu a liderança do elenco da trilogia Jurassic World e foi o protagonista de filmes como Uma Aventura Lego (2014), Passageiros (2016) e o vindouro A Guerra do Amanhã, do Prime Video.

DIVULGAÇÃO/THE WB/REPRODUÇÃO/INSTAGRAM

Vivien Cardone no passado e agora

Vivien Cardone

A então atriz mirim viveu Delia Brown, a filha mais nova de Andy. Na época um dos destaques da série, Vivien Cardone ficou dois anos sem atuar após o fim de Everwood até ser escalada para protagonizar All Roads Lead Home (2008), filme feito para a TV. No ano seguinte, ela fez uma participação especial no drama Law & Order: Criminal Intent (2001-2011).

O sucesso em Everwood, no entanto, não convenceu Vivien a colocar o foco em sua carreira de atriz. Ela chegou a fazer alguns capítulos da novela norte-americana One Life to Live (1968-2013), mas ficou cinco anos sem trabalhar na área até uma pequena participação em Law & Order: SVU, em 2016.

Desde então, ela vem tentando retomar a carreira que começou com destaque. Aos 27 anos, Vivien se tornou mãe e publica fotos de sua família nas redes.

DIVULGAÇÃO/THE WB/CBS

Tom em Everwood e em Criminal Minds

Tom Amandes

Tom Amandes era outro veterano das séries de TV quando assumiu o papel do arrogante Dr. Harold Abbott. No início, ele considerava Andy um rival, mas no decorrer da série os dois se tornaram bons amigos.

Com o fim de Everwood, Amandes fez inúmeras participações na TV. Seja como convidado especial ou integrante regular do elenco, ele esteve em sucessos como Grey's Anatomy e Private Practice (2007-2013), além de atuar em 11 episódios da flopada Eli Stone (2008-2009) e no drama Parenthood (2010-2015).

Nos últimos anos, ainda com a carreira focada em séries, ele teve participações em importantes hits como Arrow (2012-2020) e Scandal (2012-2018). Seu último crédito como ator foi na estreia da 15ª e última temporada de Criminal Minds (2005-2020).

PEOPLE/REPRODUÇÃO/YOUTUBE

Atriz na época e em cena de Mistresses

Merrilyn Gann

Merrilyn Gann viveu Rose Abbott, a complicada mãe de Amy e Bright, e mulher zelosa de Harold. Carinhosa, mas de pulso firme, ela sempre apoiou os filhos, mas não hesitou em expulsar Amy de casa quando ela passou por sua fase rebelde. Também teve uma fase tensa quando lutou contra o câncer.

Após Everwood, a atriz não assumiu nenhum personagem recorrente em outra atração na TV. Nos anos seguintes, ela colecionou breves aparições em Smallville (2001-2011) e Life Unexpected (2010-2011).

O crédito mais recente da atriz é como uma "testemunha não confiável" na comédia cancelada Mistresses (2012-2015). Além de uma variedade de pequenos papéis em filmes de TV, Merrilyn interpretou uma chanceler alemã no apocalíptico 2012 (2009).

DIVULGAÇÃO/THE WB/DISNEY

John no drama e em The Mandalorian

John Beasley

Atualmente com 78 anos, John Beasley deu vida a Irv Harper, um dos personagens mais queridos de Everwood. Padrasto de Harold, ele distribuía conselhos para todos da cidade, dos mais velhos aos mais novos.

Com o fim da série em 2006, Beasley surfou em papéis sem expressão até 2012, quando entrou para o elenco da comédia The Soul Man (2012-2016).

Em filmes, ele atuou ao lado da icônica apresentada Oprah Winfrey no drama A Vida Imortal de Henrietta Lacks (2016) e também fez A Entidade 2 (2015). De volta à TV, nos últimos anos o veterano colecionou participações especiais nas aclamadas The Mandalorian e Your Honor (2021).

DIVULGAÇÃO/THE WB/REPRODUÇÃO/YOUTUBE

Atriz como Edna e na série The Originals

Debra Mooney

Uma das mais experientes do elenco ao lado de John Beasley, Debra Mooney interpretou Edna Harper, mulher de Irv e mãe de Harold. Apesar de ter uma atitude rabugenta e teimosa perante o filho, ela servia como conselheira e amiga carinhosa para Amy e Delia.

Nem o cancelamento de Everwood e a idade avançada, contudo, impediram Debra de seguir trabalhando ao longo dos anos. Ela viveu a carismática juíza Patrice Webb em Justiça Sem Limites (2004-2008) e fez constantes participações como convidada em títulos do calibre de The Closer (2005-2012), Cold Case (2003-2010) e Weeds (2005-2012).

Nos últimos anos, Debra viveu personagens relevantes em séries como Scandal, The Originals (2013-2018) e Curb Your Enthusiasm, além de interpretar Evelyn Hunt como convidada em diversas temporadas do drama médico Grey's Anatomy.

DIVULGAÇÃO/THE WB/THE CW

Stephanie em Everwood e em Life Is Wild

Stephanie Niznik

De todo o elenco principal de Everwood, Stephanie Niznik foi a que menos teve sorte com a carreira de atriz após o cancelamento da série. Em 2007, ela participou de dois episódios da terceira temporada de Grey's Anatomy e chegou a emplacar um papel regular em Life Is Wild (2007-2008), drama da  The CW que teve vida curta.

Entre 2008 e 2009, ela fez pequenas aparições em CSI: Miami (2002-2012), Eli Stone, NCIS e Lost (2004-2010), sendo que seu último crédito como atriz foi no desconhecido filme The Twenty (2009).

Infelizmente, Stephanie Niznik morreu em 2017, aos 52 anos, de causas desconhecidas. Ela estava em sua casa, na Califórnia, quando perdeu a consciência inesperadamente.

Por ser propriedade do braço televisivo da Warner Bros., é esperado que Everwood faça parte do catálogo da HBO Max no Brasil, assim como nos Estados Unidos. A plataforma será lançada no dia 29.


Leia também

Enquete

Qual a melhor novela no ar atualmente?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.