Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

DESTAQUES DA TEMPORADA

Com assassino de crianças e vilã racista, The Boys chega ao ápice da crueldade

Reprodução/Instagram

Shawn Ashmore como Facho de Luz em foto de divulgação de The Boys

Shawn Ashmore vive Facho de Luz em The Boys; o vilão já colocou fogo em crianças na série do Prime Video

ANDRÉ ZULIANI

andre@noticiasdatv.com

Publicado em 29/9/2020 - 6h55

[atenção: este texto contém spoilers da nova temporada de The Boys]

Em exibição no Prime Video, a segunda temporada de The Boys se destaca pela falta de pudor. Com vilões superpoderosos, a produção se permite exagerar na quantidade de sangue que jorra na tela e abusando da crueldade de seus personagens. No novo ano, isso fica mais evidente com as adições da racista Tempesta (Aya Cash) e do assassino Facho de Luz (Shawn Ashmore).

Se na primeira temporada as atitudes de Capitão Pátria (Antony Starr) e de outros membros dos Sete já chocavam o público, a chegada de Tempesta veio para aumentar ainda mais o desgosto dos fãs. A nova vilã não só mantém a falta de empatia ao matar inocentes, como se mostra uma pessoa extremista e preconceituosa.

Em público, a personagem vivida por Aya Cash expõe opiniões feministas e liberais, enquanto nos bastidores despreza a presença do negro Trem-Bala (Jessie T. Usher) na elite dos heróis. Além de destratar o colega, o passado de Tempesta, como sugerido no novo ano, contém informações ainda mais revoltantes por conta de suas atitudes racistas.

Os segredos envolvendo a heroína/vilã e sua dedicação em mantê-los ocultos faz com que sua crueldade seja ainda pior. Sua primeira missão ao lado dos Sete, usada para ganhar o clamor do público e roubar o destaque de Capitão Pátria, deixou dezenas de mortos e feridos em um condomínio de Nova York. Alguns deles, inclusive, mortos por livre e espontânea vontade pela racista.

Vilão atemporal

O mistério envolvendo as ambições de Tempesta serviram para apresentar outro vilão de destaque na temporada. Facho de Luz (Lamplighter, em inglês), vivido por Shawn Ashmore (X-Men), trabalha em um instituto médico da Vought que usa humanos como cobaia.

Ex-membro dos Sete, Facho usa suas habilidades no laboratório para destruir as provas de tudo o que a poderosa empresa faz no local. Entre outras palavras, ele derrete as cobaias com o seu poder de controlar o fogo.

Apesar de ter mostrado seu rosto apenas no novo ano, Facho de Luz já havia sido citado anteriormente. Ele foi o responsável por causar a separação da equipe dos Rapazes, na época liderada pela agente Grace Mallory (Laila Robins).

Cinco anos antes dos acontecimentos de The Boys, sob as ordens de Mallory, Billy Butcher (Karl Urban), Leitinho (Laz Alonso) e Francês (Tomer Capon) já lutavam para derrubar a Vought e seu grupo de super-heróis. Em uma de suas missões, eles obrigam Facho a colaborar com eles.

Tomado pela raiva, o vilão se aproveitou de um descuido de Francês e foi até a casa de Mallory para exterminá-la. Só que Facho se confundiu e, em vez de matar a agente, acaba colocando fogo na cama em que dormiam seus netos.

Embora as atitudes do personagem de Ashmore o coloquem como adversário do grupo de Butcher, ainda há espaço para que o vilão busque algum tipo de redenção ao auxiliar os mocinhos em sua missão para desmascarar Tempesta.

Os novos episódios de The Boys são liberados semanalmente no Amazon Prime Video, às sextas-feiras. A série repetiu o sucesso ao ser exibida na programação das madrugadas do SBT. Uma terceira temporada já foi anunciada, assim como um spin-off focado em uma universidade para super-heróis.


Leia também

Enquete

Você gostou da escolha de Tadeu Schmidt para o BBB22?

Web Stories

+
Outubro Rosa: Conheça cinco famosas que venceram o câncer de mamaAlém de José de Abreu: Sete atores brasileiros que se aventuraram na políticaApós derrota em eleição, Victor Pecoraro perde mais uma votação e deixa A Fazenda 13Deixaram saudade: Conheça cinco atores de O Clone que já morreramEsqueceram de Mim ganha novo filme no Disney+; veja como está o elenco original

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas