Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

SUCESSO COMERCIAL

Mestre do Sabor ganha nova temporada em julho e negocia retorno de chef

SAMUEL KOBAYASHI/TV GLOBO

Claude Troisgrois e Batista estão felizes no Mestre do Sabor, que ganha nova temporada

Mestre do Sabor ganha nova temporada com Claude Troisgros e Batista e quer volta de chef

CARLA BITTENCOURT, colunista

carla@noticiasdatv.com

Publicado em 18/2/2022 - 13h18

A quarta temporada de Mestre do Sabor está confirmada na TV Globo. O reality culinário deve começar a ser gravado em julho para ir ao ar a partir de setembro. Claude Troisgros continua no comando da atração, ao lado do seu assistente, Batista, e de Monique Alfradique atuando nos bastidores.

A grande novidade, no entanto, é a mudança no número de jurados. Katia Barbosa e Leo Paixão, que estão no ar desde a primeira temporada de Mestre do Sabor, vão ganhar a companhia definitiva de Rafa Costa e Silva. Ele estreou como jurado em 2020 substituindo o chef José Avillez, que voltou para Portugal em decorrência da pandemia.

O bom desempenho de Rafa (que chegou à última final com dois concorrentes do seu time) fizeram J.B. de Oliveira, o Boninho, a promovê-lo a chef definitivo mesmo se Avillez retornar ao programa. A Globo está negociando com o português sua volta ao Mestre do Sabor, mas o lugar de Costa e Silva está certo.

A saída do chef português

Depois de gravar os episódios do primeiro mês do reality, em março de 2020, José Avillez decidiu retornar ao seu país, Portugal, por conta da pandemia de coronavírus que atinge todo o mundo. Em seu lugar, o programa convocou o chef carioca Rafa Costa e Silva.

"Vou precisar me ausentar por algumas semanas devido à pandemia do coronavírus, pois tenho hoje mais de mil pessoas que trabalham comigo em Portugal e, como comandante deste barco, tenho que estar perto delas neste momento. Mas estou passando o bastão para um mestre que gosto e admiro muito, que vai cuidar muito bem desta equipe que formei. Volto em breve", disse Avillez na época.

Em maio de 2021, na terceira temporada do programa, Avillez fez uma participação através de um telão, diretamente de Portugal, para inspirar a prova em equipes.  

Sucesso comercial

O Mestre do Sabor é considerado um sucesso comercial dentro da emissora. Na última edição, marcas como Seara, Santander e a cerveja Eisenbahn adquiriram as cotas da atração.

Como uma estratégia para atrair as marcas, a emissora divulgou que, em sua segunda temporada, o programa quebrou todos os recordes. De acordo com projeções de seu Atlas de Cobertura, a Globo informou que 102 milhões de pessoas foram alcançadas apenas com a exibição na TV aberta.

Apresentador na fonoaudióloga

Claude Troisgros foi parar na fonoaudiologia para melhorar seu sotaque francês, uma de suas marcas registradas. O apresentador de 65 anos admitiu que tomou a decisão após se ver no Mestre do Sabor, da Globo, e no Que Marravilha!, no GNT. "Eu não me entendo", disse.

A revelação sobre o tratamento foi feita em entrevista para o É de Casa, em setembro de 2021. Ao participar do quadro Viva o Verde, o chef francês teve seu sotaque elogiado por Ana Furtado. "Você disse há pouco tempo que estava fazendo fonoaudiologia?", questionou ela.

"É para melhorar a minha pronúncia. Percebo, inclusive, quando olho o Mestre do Sabor ou o Que Marravilha! que, às vezes, eu não me entendo", contou ele, bem-humorado.

"Falei: 'Mas não é possível, gente, que eu fale dessa maneira'. Aí, estou tentando melhorar meu jeito de falar. Não é o sotaque", explicou. 

Nascido em Roanne, na França, Troisgros chegou ao Brasil nos anos 1970 para trabalhar na gastronomia. A ida para a televisão aconteceu nos anos 2000, mas ele só foi ganhar espaço na TV aberta com o Mestre do Sabor.


Leia também

Enquete

Pantanal perde audiência: novela está chata?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.