Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
X
Instagram
Youtube
TikTok

ACOLHE TIÃO

Renascer: Filho de Firmino, Egídio faz boa ação e disfarça instinto assassino

DIVULGAÇÃO/TV GLOBO

Vladimir Brichta caracterizado como Egídio; o ator usa barba e cabelos penteados para o lado e veste um terno branco em ensaio de divulgação de Renascer

Vladimir Brichta como Egídio em Renascer; ele atormentará José Inocêncio (Marcos Palmeira)

SABRINA CASTRO

sabrina@noticiasdatv.com

Publicado em 19/2/2024 - 9h47

Egídio (Vladimir Brichta) tomará o lugar do coronel Firmino (Enrique Diaz) nos próximos capítulos de Renascer, mas não desejará carregar a má reputação do pai consigo. Por isso, quando o padre Santo (Chico Diaz) lhe pedir um favor, ele não hesitará em atendê-lo. O vilão dará moradia e emprego para a família de Tião Galinha (Irandhir Santos), um pobre catador de caranguejos em busca de uma vida melhor.

O crápula fará isso para esconder que é tão ruim quanto o pai, ou até pior. Frio e malvado, ele armará todo tipo de atrocidade contra José Inocêncio (Marcos Palmeira) e sua família. O crápula culpará o vizinho pela morte de Firmino, além de invejar a produção de José Inocênsio e seu trato com os funcionários. 

Mas, antes de revelar esse lado malvado, Egídio se fará de santo. Ele, a mulher, dona Patroa (Camila Morgado), e a filha, Sandra (Giulia Buscacio), se estabelecerão nas terras no capítulo desta quarta (21), bem no período em que Tião começará a aparecer também, cansado da vida no mangue.

Ele estará no meio da caça de um caranguejo quando sua ficha cairá. "Ah... Agora ocê num me escapa... Ai, mas num me escapa e é de jeitcho ninhum! Se escapá eu num me chamo..", resmungará Tião, observando o crustáceo --que, no fim, acabará sumindo. "Mai ôtra veiz?!", reclamará ele.

O catador de caranguejos, então, voltará para seu casebre. Lá, ele encontrará Joana (Alice Carvalho) e seus dois filhos. Uma das crianças lamentará que a família esteja passando fome, mas Joana pedirá para que ela fique quieta. Tião ficará ainda mais desolado: "Que vida é essa que tâmo dâno a esses minino?", questionará.

"A mêma vida que Deus deu pra nóis", responderá a mulher. Tião terá suas dúvidas: "Foi Deus quem deu essa vida ou fômo nóis que num tevêmo corage de pedir ôtra mió?", perguntará ele.

Os dois debaterão o assunto até Tião abandonar o almoço e voltar para o mangue. Lá, ele terá uma conversa consigo mesmo: "Qué que eu fiz pra merecê uma vida como essa, meu Pai do céu? Qué que feizmeus minino pra que arrastá a mêma sina qui eu? Diz pra eu, diz... Diz...", falará o personagem.

Mais tarde, ele voltará para casa e anunciará que pretende ir embora. O roceiro dirá acreditar que há algo maior esperando por eles, e Joana acreditará nisso. Os dois, então, arrumarão as malas e sairão sem rumo.

Eles darão de cara com o padre Santo e com o pastor Lívio (Breno da Matta) no meio do caminho. O casal contará sua história, e o pároco se lembrará do fazendeiro recém-chegado. Ele, então, irá até Egídio e narrará o que aconteceu. 

"Eles são trabalhadores... Além do que a dona Joana poderia ajudar aqui na sua casa", anunciará ele, tentando convencer o canalha. No fim, o personagem de Vladimir Brichta aceitará ficar com a família em suas terras. Tião quase cairá duro de tanta alegria. "Nóis nunca que vâmo esquecê o que ocês dois fizéram por nóis", dirá ele aos religiosos.

Renascer foi escrita e criada pelo autor Benedito Ruy Barbosa. A primeira versão foi ao ar na Globo em 1993. Bruno Luperi é neto do novelista e responsável pela adaptação da saga rural que estreou no horário nobre em janeiro. O remake ficará no ar até setembro.


Inscreva-se no canal do Notícias da TV no YouTube e assista a vídeos com revelações do que vai acontecer em Renascer e outras novelas:


Resumos Semanais

Renascer: Resumo dos capítulos da novela da Globo - 20/5 a 1º/6

Segunda, 20/5 (Capítulo 103)
Rachid diz a Norberto que está com saudades de Iolanda e não teme Egídio. Bento conta ao pai que está gostando de Lu. Teca conta para Lu que estudou sé até a 3ª serie e parou ... Continue lendo

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.