Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

EM 2008

Rejeição de A Favorita: Autor fez manobra radical para reverter crise

REPRODUÇÃO/TV GLOBO

A atriz Claudia Raia como Donatela em A Favorita; ela está segurando uma arma na mão e fazendo cara de choro na novela da Globo

Com Donatela (Claudia Raia) sob suspeita de ser a assassina, A Favorita não decolou na audiência

ARTHUR PAZIN

arthurpazin@noticiasdatv.com

Publicado em 22/6/2022 - 16h30

Sufocada pela baixa audiência em 2008, A Favorita precisou de uma manobra radical do autor, João Emanuel Carneiro, para reverter a crise no ibope e salvar o folhetim da rejeição do público. Em um reviravolta no capítulo 56, ele antecipou a revelação do principal segredo da novela da Globo e viu o número de telespectadores aumentar quando Flora (Patricia Pillar)afirmou ser a verdadeira assassina de Marcelo (Flavio Tolezani).

Antes disso, sem deixar claro na história qual das duas rivais, Donatela (Claudia Raia) e Flora), realmente havia matado o herdeiro dos Fontini, a trama não decolava. Em uma entrevista ao jornal Folha de S. Paulo, à época, João Emanuel Carneiro avaliou que sua estratégia com o início de A Favorita era fugir dos clichês.

A ousada estratégia do novelista, no entanto, fez com que A Favorita sofresse na audiência  --patinou na casa dos 30 pontos de média, índice aquém da meta de audiência exigida para a faixa das 21h em 2008, que era de 40 pontos.

A ideia era deixar o público em dúvida. Até mesmo um pacto chegou a ser feito, entre o autor, o diretor Ricardo Waddington, e as atrizes Patricia Pillar e Claudia Raia, para que não vazasse quem era a verdadeira vilã da novela. Em uma entrevista à Globo, intérprete de Donatela contou que o objetivo era, desde o início, deixar as personagens dúbias.

A fase inicial sofreu principalmente com o sucesso de Os Mutantes na Record, que remanejou o horário da trama de Tiago Santiago para competir com a estreia de João Emanuel Carneiro no horário nobre.

Somente após três meses de exibição, com a transformação da angelical Flora, que deixou a cadeia alegando ser inocente e estava quase convencendo o público, em uma vilã sanguinária, a novela conseguiu ultrapassar a casa dos 40 pontos de ibope e se tornar um sucesso da emissora.

"Sei que as pessoas iam me xingar, mas prefiro correr o risco", disse o roteirista sobre o reviravolta, em entrevista ao jornal Extra, à época. 

'Quem matou' antecipado

Geralmente explorada por autores como Gilberto Braga e Silvio de Abreu nas retas finais das novelas, a tática do "quem matou?", ainda que antecipada, salvou A Favorita, funcionando como uma poderosa arma para a história.

RAFAEL FRANÇA/TV GLOBO

Donatela (Cláudia Raia) e Flora (Patrícia Pillar) em A Favorita

A Favorita foi ao ar pela 1ª vez em 2008

A estratégia reorganizou os personagens e prendeu em cheio o telespectador. Para ter ideia, no capítulo da segunda-feira, 4 de agosto de 2008, quando o segredo veio à tona, a novela atingiu 45 pontos de média, o que abriu caminho para os 46 pontos do capítulo seguinte --quando, em ação como vilã, Flora matou a tiros Dante Salvatore (Walmor Chagas), como queima de arquivo para impedir a absolvição de Donatela.

Os animados números subiram a média semanal da novela para 41 pontos, número que até então não havia sido registrado pela trama. 

Sem engatar de novo

No ar há pouco mais de um mês, no Vale a Pena Ver de Novo, A Favorita tem conseguido os mesmos índices semanais de audiência de O Clone (2001) no mesmo período reapresentação no Vale a Pena Ver de Novo, mas diferentemente de sua antecessora na faixa, tem visto a audiência cair ao longo das semanas.

O cenário mostra que a rejeição do público ao início da história também está de volta com a reprise. A trama, que acumula 15,4 pontos de média nos primeiros 26 capítulos exibidos até a tarde da última segunda-feira (20), marcou a pior audiência de estreia da atração de reprises da Globo dos últimos três anos

Exibida originalmente entre 2008 e 2009, a trama está sendo reprisada pela primeira vez na Globo após 14 anos e já se encontra disponível, na íntegra, no Globoplay.


Saiba tudo sobre os próximos capítulos das novelas com o podcast Noveleiros

Ouça "#106 - Tenório faz Tadeu de otário em Pantanal!" no Spreaker.


Inscreva-se no canal do Notícias da TV no YouTube e assista a vídeos com revelações do que vai acontecer em A Favorita e em outras novelas.


Últimas de A Favorita

Leia também

Enquete

Pantanal perde audiência: novela está chata?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.