Penúltima semana

O Outro Lado do Paraíso: Sophia tem AVC e fica dependente da filha 'monstrengo'

Fotos: Reprodução/TV Globo

Sophia (Marieta Severo) vai ser cuidada pela filha que rejeita e chama de 'monstrengo' - Fotos: Reprodução/TV Globo

Sophia (Marieta Severo) vai ser cuidada pela filha que rejeita e chama de 'monstrengo'

MÁRCIA PEREIRA - Publicado em 04/04/2018, às 05h00

Sophia (Marieta Severo) terá um AVC (Acidente Vascular Cerebral) durante o julgamento no qual será acusada de assassinar cinco pessoas com tesouradas e de tentar matar Caetana (Laura Cardoso). Acamada em O Outro Lado do Paraíso, ela ficará dependente de Estela (Juliana Caldas), a filha anã que rejeita e chama de "monstrengo". 

"Tudo que você faz um dia volta pra você". O refrão da abertura da novela cairá como uma luva no caso da megera. Após ser socorrida e ter o julgamento conduzido por Raquel (Erika Januza) suspenso, a madame correrá o risco de ficar torta.

As cenas vão ao ar em 2 de maio. Ela irá para a audiência certa de que vai se safar. Sophia já terá escapado do flagrante ao ser pega com a tesoura nas mãos pronta para golpear Caetana em uma emboscada armada por Clara (Bianca Bin), Gael (Sergio Guizé), Bruno (Caio Paduan) e Patrick (Thiago Fragoso).

A cafetina passará mal, e a madame conseguirá fugir. Ela se esconderá até passar o prazo do flagrante. Contratará um bom advogado criminalista, que defenderá a tese da falta de provas contra sua cliente. Nem ele nem ela saberão que Xodó (Anderson Tomazini) vai testemunhar contra a "mãos de tesoura".

Ao ver o garimpeiro no banco das testemunhas, Sophia vai se transformar e passará mal. Um repeteco do que a própria trama já mostrou durante o julgamento de Beth (Gloria Pires). Ela desmaiará no tribunal diante de todos, e Estela será a primeira a correr para acudi-la. "Chamem uma ambulância", pedirá Amaro (Pedro Carvalho).

Estela (Juliana Caldas) vai dar sopa na boca da mãe e pentear seus cabelos na reta final 

A essa altura, o português terá se casado com a personagem com nanismo. No hospital, um cardiologista avisará que o derrame foi leve e que Sophia terá alta em alguns dias, podendo ir para sua casa. 

Os filhos da dona do garimpo estarão todos lá. Mas eles discutirão sobre quem ficará responsável por ela? "Gael, você como filho, pode cuidar de sua mãe", dirá Samuel (Eriberto Leão). "Se eu ficar com ela, a gente vai discutir de novo, e ela vai ter outro AVC", avisará o playboy.

"Não olha pra mim. Eu não quero cuidar dela. Tenho meus motivos", avisará Lívia (Grazi Massafera). "Eu cuido da minha mãe", gritará a professora. "Ela nunca se importou com você", falará a patricinha. "Continua sendo minha mãe. Eu quero levá-la para a minha casa", avisará Estela.

A vilã sairá do hospital em uma cadeira de rodas. Em alguns momentos, as cenas lembrarão trechos de Amor à Vida (2013), trama também de autoria de Walcyr Carrasco. Na novela, Félix (Mateus Solano), filho rejeitado a trama toda por César (Antonio Fagundes), foi quem cuidou do pai cadeirante

Estela mandará arrumar a sua cama, a mais confortável da casa, para a mãe. Ela chegará a dar sopinha na boca de Sophia, que mesmo na cama continuará a dar patadas na filha e no genro, que apelidará de "caolho".

A professora também fará questão de pentear os cabelos da mãe e até maquiá-la durante sua recuperação em O Outro Lado do Paraíso.


Confira cinco reportagens especiais sobre O Outro Lado do Paraíso:

De mimada a 'bicha pão com ovo': os sete mais odiados de O Outro Lado
Clara rejeitada e prisão de pedófilo levaram fãs da novela à loucura
De mocinha sem sexo a pacto com a morte: o fantástico mundo de Walcyr Carrasco
'A primeira tesourada é inesquecível', diz atriz que interpretou vilã da trama
Chega de achincalhar: cinco vezes em que O Outro Lado arrasou

Leia também

 

 

Últimas de O Outro Lado do Paraíso

Enquete

O que você achou do vaivém de Datena na Band?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook