Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

Novela das nove

O Outro Lado do Paraíso: Racistas, Nádia e Gustavo são descendentes de negros

Fotos: Reprodução/TV Globo

Gustavo (Luis Melo) com Nádia (Eliane Giardini); ex-casal revelará que tem avós negros - Fotos: Reprodução/TV Globo

Gustavo (Luis Melo) com Nádia (Eliane Giardini); ex-casal revelará que tem avós negros

MÁRCIA PEREIRA

Publicado em 27/2/2018 - 5h01
Atualizado em 27/2/2018 - 5h35

Racista, Nádia (Eliane Giardini) vai ter de engolir um neto negro. Em O Outro Lado do Paraíso, tanto a dona do salão quanto o juiz Gustavo (Luis Melo) são afrodescendentes. O casal já estará separado quando o filho de Diego (Arthur Aguiar) e Karina (Malu Rodrigues) nascer. Um exame de DNA provará que a criança negra é neta dos dois.   

A novela das nove terá uma virada na história do geólogo, que vai se separar de Melissa (Gabriela Mustafá) e se casará com a prostituta. A loira espera um filho dele, e o parto acontecerá no capítulo de 24 de março.

Ao ver o bebê negro, Nádia ficará em choque. Ela vai dizer que não é seu neto e criará uma baita confusão no hospital, mas Karina afirmará que só deixou de usar preservativo com Diego. A loira exigirá que façam um teste de DNA no filho. 

"Não pode ser", gritará Nádia, ao abrir o envelope com o resultado do exame. "Mas... Não entendo", dirá Gustavo. "Que tá escrito aí que cês não falam nada?", perguntará Diego. "O teste deu positivo", avisará Elder (Carlos Bonow), obstetra que fará o parto. "Sem sombra de dúvida. O filho é teu, Diego", comentará Bruno (Caio Paduan).

O geólogo questionará como teve um filho negro, se a mãe da criança é loira. "Esse teste de DNA está errado. Quero outro", berrará a avó racista. "Tá errado coisa nenhuma. Eu sempre disse que o filho é do Diego. Goste ou não goste, vai ter que registrar esse menino no teu nome", esbravejará Karina. 

Filho de Diego (Arthur Aguiar) e Karina (Malu Rodrigues) será negro (Raquel Cunha/TV Globo)

Até Samuel (Eriberto Leão) estará no meio deles, já que Nádia vai exigir que o diretor do hospital agilize o exame. "Se fizer outro teste, terá o mesmo resultado, Nádia. O bebê que nasceu é seu neto. Em muitas famílias, por exemplo, todos têm olhos castanhos. De repente, nasce alguém de olhos azuis. Só estou tentando explicar que talvez tenham antepassados negros. Você ou seu marido", avisará o médico.

Netos de negros
Tímido, Gustavo falará que tinha uma bisavó índia e uma avó negra. "Nós, brasileiros, temos todos os tipos humanos no sangue", comentará o juiz. "Negra, Gustavo? Por que não me disse antes?", indagará a dona do salão. A essa altura da trama, ela estará dividindo o mesmo teto e a cama com Odair (Felipe Titto).

"Bebê, sempre foi tão racista", responderá Gustavo. Ele, por sua vez, estará aposentado após ser denunciado por Clara (Bianca Bin) por explorar a prostituição como sócio do bordel de Pedra Santa. "Eu nunca fui racista", terá coragem de dizer Nádia. 

O obstetra explicará que o bebê tem muitas características afrodescendentes. "Não sei se só uma avó seria suficiente pra explicar", falará Elder. "Meu avô", revelará a racista-mor de O Outro Lado do Paraíso. "Meu bisavô era negro?", questionará Diego.

"Negro, negro... Eu não conheci tão bem seu bisavô, ele morreu cedo, mas pelas fotos... Eu tive uma prima que era bem café com leite. Mas eu mal vejo essa prima, nem lembrava que existia. Até agora", relatará Nádia.

"Está explicado pela genética. O bebê reuniu características do seu avô, Nádia, com a avó do Gustavo. E quem sabe de parte dela também", observará Samuel, olhando para Karina.

"Talvez. Eu nem sei dizer. Mesmo sendo tão branca, nada impede que eu tenha alguém negro na família, meu primo tem cabelo crespo", falará a ex-garota de programa. "Se é meu filho, eu assumo", falará Diego. 

A sequência, prevista para dia 26 de março, terminará com a mamãe dando o peito para o filho mamar. O menino vai se chamar Marco Aurélio, nome do avô de Karina. Nádia, desanimada, dirá que eles podem colocar o nome que quiserem na criança.

Na boca do povo
A notícia rapidamente virará o principal assunto em Palmas. Nádia será atenciosa com neto, mas o apelidará de "intruso". Raquel (Erika Januza), a grande vítima do preconceito da mãe de Bruno, logo ficará sabendo da novidade. 

"Sua mãe teve um neto negro?", perguntará a juíza ao delegado. "De onde menos esperava. Do Diego. Parece que ela e meu pai têm negros na família", explicará Bruno. "Boa parte dos brasileiros tem. Por isso é que não entendo o racismo. Como ela reagiu ao bebê?", questionará Raquel.

O personagem de Caio Paduan responderá que foi de forma péssima. "Era de se esperar. Mas gostei. Dona Nádia não quis nem pensar em nos ver casados, em termos filhos...", lembrará a juíza. 


Confira cinco reportagens especiais sobre O Outro Lado do Paraíso:

De mimada a 'bicha pão com ovo': os sete mais odiados de O Outro Lado
Clara rejeitada e prisão de pedófilo levaram fãs da novela à loucura
De mocinha sem sexo a pacto com a morte: o fantástico mundo de Walcyr Carrasco
'A primeira tesourada é inesquecível', diz atriz que interpretou vilã da trama
Chega de achincalhar: cinco vezes em que O Outro Lado arrasou

Últimas de O Outro Lado do Paraíso


Outras Novelas

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Você já tem seu favorito em A Fazenda 12?