Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

IRMÃS EM DESGRAÇA

Marcada por tragédia, Leopoldina de Novo Mundo tinha pavor de 'mula sem cabeça'

REPRODUÇÃO/TV GLOBO

Com expressão de medo, a atriz Leticia Colin está caracterizada como a Leopoldina em cena de Novo Mundo

Leopoldina (Leticia Colin) em Novo Mundo; nobre descendia de linhagem de rainhas decapitadas

DANIEL FARAD

vilela@noticiasdatv.com

Publicado em 15/8/2020 - 7h10

Ao contrário de Novo Mundo, os livros de história registram um final nada feliz para a imperatriz que serviu de inspiração para Leopoldina (Leticia Colin) na novela das seis. Infeliz em seu casamento com Pedro 1º (1798-1834), a arquiduquesa se dedicou à política e foi uma das líderes por trás da independência do Brasil --tudo para não virar uma "mula sem cabeça" como a sua tia-avó Maria Antonieta (1755-1793), a rainha da França.

O parentesco entre as duas veio à tona graças ao cientista político e historiador argentino Marsilio Cassotti, que investigou a correspondência da aristocrata em seu livro A Biografia Íntima de Leopoldina (Planeta). Ele demonstra que o sangue da jovem, apesar de nobre, é marcado pela "égide do infortúnio", já que vem de uma linhagem de monarcas europeus que acabaram na guilhotina.

A "estrangeira", apelido maldoso que a fidalga recebeu na corte portuguesa, é uma das descendentes de Maria Stuart (1543-1587). A rainha da Escócia terminou os seus dias com o pescoço atravessado por uma lâmina, acusada de tramar o assassinato de sua prima Elizabeth 1ª, da Inglaterra (1533-1603).

Cassotti afirma que os pesadelos de Leopoldina com as parentes decapitadas são fruto das histórias que sua avó Maria Carolina da Áustria (1752-1814) lhe contava. Ela chegou a se aliar aos bretões contra os franceses depois de descobrir que a sua irmã havia sido guilhotinada durante a Revolução Francesa (1789-1799).

As lições foram fundamentais para que Leopoldina traçasse passo a passo a independência do Brasil para evitar uma revolução ou mesmo uma guerra com Portugal, a fim de manter a sua cabeça bem firme em cima do corpo.

REPRODUÇÃO/TV GLOBO

Leopoldina (Leticia Colin) assina a declaração de Independência em cena do folhetim das seis


Coisas de novela

Entre história e ficção, o folhetim de Alessandro Marson e Thereza Falcão acertará ao mostrar a protagonista de Leticia Colin como a responsável por assinar a separação entre o seu reino e os lusitanos. Dom Pedro (Caio Castro) apenas referendará a decisão da mulher ao gritar "independência ou morte" à beira do riacho do Ipiranga, em São Paulo.

Ela ainda receberá a coroa de imperatriz e, livre de Domitila (Agatha Moreira), retomará o casamento "dos sonhos" ao lado do mulherengo interpretado por Caio Castro. Na vida real, no entanto, Leopoldina definhou de tristeza até a morte, já que o fidalgo nunca interrompeu o seu romance com a marquesa de Santos --com direito até mesmo a cartas pornográficas com desenho de pênis eretos.

Com a estreia de Nos Tempos do Imperador adiada para 2021, Novo Mundo dará lugar à reapresentação de Flor do Caribe no fim deste mês. Além dos spoilers, o Notícias da TV publica diariamente os resumos dos capítulos.


Saiba tudo que vai acontecer nos próximos capítulos das novelas com o podcast Noveleiros:

Ouça "#25: Arthur pede Eliza em casamento em Totalmente Demais!" no Spreaker.


Além de acompanhar as notícias de Novo Mundo aqui no site, inscreva-se no canal do Notícias da TV no YouTube e assista a vídeos com revelações do que vai acontecer em outras novelas.


Últimas de Novo Mundo


Resumos Semanais

Resumo da novela Novo Mundo: Capítulos de 28 e 29 de agosto

Sexta, 28/8 (Capítulo 131)
Anna consegue se soltar e ataca Thomas. Piatã tem um pressentimento sobre Anna. Domitila assiste à coroação de dom Pedro. Matias se casa com Luana. A casa de Sebastião é incendiada e Libério o socorre. Piatã ... Continue lendo


Outras Novelas

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você achou do Disney+?