Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

Novela das nove

A Força do Querer: Bibi confessa a Caio que botou fogo em restaurante

Reprodução/TV Globo

Juliana Paes (Bibi) em cena de A Força do Querer; personagem será intimada pela polícia - Reprodução/TV Globo

Juliana Paes (Bibi) em cena de A Força do Querer; personagem será intimada pela polícia

REDAÇÃO

Publicado em 18/7/2017 - 7h16

Bibi (Juliana Paes) vai revelar a Caio (Rodrigo Lombardi) que botou fogo no restaurante de Dantas (Edson Celulari) para eliminar provas contra Rubinho (Emilio Dantas) em A Força do Querer. Abalado com a revelação, o advogado dirá à ex-namorada que pode prendê-la pelo crime e não aceitará as justificativas dela de que queria defender a família.

Após saber que Bibi será convocada para depor no caso do incêndio, Caio a chamará para uma conversa em seu apartamento para explicar que o cerco está se fechando contra ela. "A polícia localizou um posto de gasolina que vendeu um galão na noite do incêndio do restaurante do Dantas", contará ele.

"Então, essa notificação que eu recebi...", deduzirá a ex-estudante de direito. "Sim, é isso. O rapaz que vendeu o galão vai fazer o reconhecimento. O que é que você tem a me dizer?", completará Caio.

Pressionada, a filha de Aurora (Elizângela) confessará seu crime. "Fui eu. Fui eu", admitirá ela, no capítulo que vai ao ar dia 17. "Deus do céu! Você está se escutando dizer que provocou um incêndio criminoso?", reagirá o advogado.

"Eu não tinha saída! Estava desesperada! Tentei salvar minha família. Pode ser pouco, pode ser nada pra você, pra todo mundo, mas foi a família que eu consegui fazer! Ela é a família que eu tinha! A única que eu tenho!", justificará a mulher de Rubinho.

"E o que foi que você salvou? Esse marido foragido? Braço direito de um chefão de morro? Envolvido até o pescoço com a criminalidade?", argumentará o ex-namorado. Bibi explicará, então, que não sabia do envolvimento do marido com os traficantes.

"Achei que se aquele computador sumisse não ia aparecer mais nada contra o Rubinho. Só por isso que eu fiz. Só por isso", dirá. "E, queimado o computador, não aconteceu nada. Pronto, apaga tudo, estamos de volta à nossa vidinha cor de rosa de antes. É isso mesmo?", continuará Caio incrédulo.

A mulher do bandido insistirá em dizer que acreditou mesmo que tudo voltaria a ser como antes após o incêndio criminoso, e Caio, abalado, encerrará a conversa. "Meu dever seria prender você agora. Prefiro deixar que a polícia o faça", disparará ele, antes de virar as costas para a ex-namorada. Bibi entenderá o recado e deixará a sala do advogado, arrasada.


Confira cinco reportagens especiais sobre A Força do Querer:

Os 'filhos' da novela: pesquisador de Glória Perez lança livros baseados na trama

De sapato voador a nudez pública: relembre sete barracos marcantes

"Queria que Bibi pagasse pelo que fez", diz Juliana Paes sobre sua personagem

Globo fatura com fim de disfarce de travesti; saiba como

Sucesso como amiga de Bibi, atriz desistiu da carreira no Brasil para viver no México

Últimas de A Força do Querer


Resumos Semanais

Resumo da novela A Força do Querer: Capítulos de 12 a 13 de março

Sexta, 12/3 (Capítulo 149)
Silvana começa a tratar sua compulsão. Zeca é levado por correnteza de rio, e Ruy tenta salvá-lo. Zeca e Ruy reencontram o índio misterioso do passado. Zeca e Ruy vão juntos atrás de Ritinha. Bibi é solta ... Continue lendo


Outras Novelas

Leia também

Enquete

Você gostou da escolha de Tadeu Schmidt para o BBB22?

Web Stories

+
Elenco de Verdades Secretas 2: Conheça os novos personagens da novelaOutubro Rosa: Conheça cinco famosas que venceram o câncer de mamaAlém de José de Abreu: Sete atores brasileiros que se aventuraram na políticaApós derrota em eleição, Victor Pecoraro perde mais uma votação e deixa A Fazenda 13Deixaram saudade: Conheça cinco atores de O Clone que já morreram

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas