Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

SEM SAÍDA

Êta Mundo Bom!: Sandra quebra a cara ao tentar vender fábrica roubada da tia

Reprodução/TV Globo

A atriz Flávia Alessandra com um vestido verde faz uma cara de surpresa durante gravação de cena de Êta Munod Bom!

Flávia Alessandra interpreta Sandra de Êta Mundo Bom!; vilã descobrirá que é acusada de fraude

MÁRCIA PEREIRA

marcia@noticiadastv.com

Publicado em 18/8/2020 - 4h53

Sandra (Flávia Alessandra) vai quebrar a cara ao tentar vender a sua parte na fábrica de sabonetes em Êta Mundo Bom!. Impedida de fazer retiradas de dinheiro, ela arrumará um empresário disposto a comprar suas ações. No entanto, o homem colocará um advogado para cuidar da transação e descobrirá que a loira é acusada por Anastácia (Eliane Giardini) de tê-la roubado. Ele não vai querer fazer o negócio.

Após Araújo (Flávio Tolezani) revelar a ex-patroa que suas assinaturas foram falsificadas, a ricaça entrará com processo contra a platinada. A vilã ficará uma fera ao descobrir que não pode vender ações da fábrica porque está sendo processada na novela que a Globo exibe no Vale a Pena Ver de Novo.

Ela procurará Anastácia e oferecerá uma fazenda em troca da retirada da ação judicial, mas não adiantará nada. A mãe de Candinho (Sergio Guizé) vai afirmar que só ficará em paz quando colocar a sobrinha na cadeia. 

O maior erro da víbora será levar o comprador à empresa para examinar livros de vendas. "Lembro-me que certa vez numa festa esse senhor disse que queria expandir seus negócios e que se interessava pelos negócios de titia porque mulheres terão sempre vaidade", comentará Sandra com Celso (Rainer Cadete).

Ela ainda baterá boca com o irmão ao tentá-lo convencer a vender sua parte. A essa altura, Celso já terá revelado à megera que passou as ações em seu nome para a tia e virou seu representante. "Pode vir comigo, basta vendermos a parte de tittia, basta você assinar, já que é o representante", falará a loira, que levará um fora do almofadinha arrependido. 

Fraude por falsificação de assinatura

A personagem de Flávia Alessandra irá embora certa de que conseguirá um bom dinheiro com a venda e se mudará com Ernesto (Eriberto Leão) para o exterior. Um tempo depois, o comprador a procurará pessoalmente na mansão para avisá-la de que não fará o negócio porque naquele mesmo dia a fábrica foi envolvida em um processo de contestação judicial bem complicado. 

Acompanhada do "bigodinho", a platinada ficará em choque ao ouvir que ninguém comprará as ações que ela tem da fábrica. "O senhor deseja falar de valores? Eu e Sandra temos pressa", soltará Ernesto, que se apresentará como noivo da loira. 

"Meu advogado foi verificar a situação judicial da fábrica, mas o advogado de sua tia entrou com um processo hoje cedo a alegar que a fábrica não lhe pertence. Segundo ele soube, sua tia lhe acusa de falsificar a assinatura dela. Não posso comprar sua fábrica com um processo a pesar sobre ela. É o que eu tinha a dizer", avisará o comprador (Luca de Castro) no folhetim escrito por Walcyr Carrasco.


Além de acompanhar as notícias de Êta Mundo Bom! aqui no site, inscreva-se no canal do Notícias da TV no YouTube e assista a vídeos com revelações do que vai acontecer em outras novelas.


Últimas de Êta Mundo Bom!


Outras Novelas

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Você vai acompanhar a reprise de Império?