RESUMÃO DA SEMANA

Éramos Seis: Lola ri na cara do perigo e se enfia em front de guerra; saiba por quê

REPRODUÇÃO/TV GLOBO

A atriz Gloria Pires, olhando para o lado esquerdo, boquiaberta, caracterizada como a Lola em cena de Éramos Seis

A atriz Gloria Pires interpreta a matriarca da família Lemos no remake de Angela Chaves

DANIEL FARAD - Publicado em 15/02/2020, às 19h11

Preocupada com Alfredo (Nicolas Prattes) no front da guerra, Lola (Gloria Pires) vai despencar até Itapetininga atrás de notícias do encrenqueiro em Éramos Seis. Sem se importar com os aviões que jogam bombas sobre o campo de batalha, a dona de casa invadirá o batalhão das tropas paulistas para ter certeza de que o filho está vivo.

A novela das seis promete um banho de sangue com o início do conflito armado nas cenas que serão exibidas nesta segunda (17). Com a morte encomendada por Emília (Susana Vieira), o irmão de Carlos (Danilo Mesquita) precisará arriscar o próprio pescoço ao ser designado para as missões mais perigosas ao lado de seus colegas.

O rapaz, entretanto, vai ter o seu corpo fechado contra os disparos dos inimigos ao encontrar a avó Maria (Denise Weinberg) no desembarque do Exército de São Paulo na cidade do interior. A mãe de Clotilde (Simone Spoladore) fará o sinal da cruz na testa do neto para protegê-lo de todos os males no capítulo de terça (18).

Abençoado, o personagem de Nicolas Prattes se tornará um herói ao voltar de todos os embates sem um arranhão sequer. "Eu não tenho medo de morrer e, no entanto, nunca me aconteceu nada. Não peguei nem frieira. Acho que não adianta, com gente ruim não acontece nada mesmo. São os bons que têm que morrer", confessará o rapaz a Inês (Carol Macedo).

Já na capital, Lola não conseguirá sequer pregar os olhos com as informações sobre os combatentes que chegam pelo rádio. Preocupada com o herdeiro, ela não pensará duas vezes antes de embarcar para o epicentro da revolução em companhia de Genu (Kelzy Ecard) nas sequências que irão ao ar na próxima sexta-feira (20).

A mãe de Lúcio (Jhona Burjack), inclusive, não aguentará o tranco e vai desmaiar assim que chegar ao seu destino. Ela terá uma síncope ao descobrir que Tião (Izak Dahora) terá morrido. Em um último sacrifício, o mecânico se jogará na frente de Alfredo para retribuí-lo por todas as vezes em que o amigo o tirou de enrascadas.

Apesar dos riscos, a viúva de Júlio (Antonio Calloni) insistirá para que Zeca (Eduardo Sterblitch) dê um jeito para que ela se infiltre no acampamento dos soldados. O caipira prometerá fazer tudo o que estiver ao seu alcance no sábado (22).

REPRODUÇÃO/TV GLOBO

Lola (Gloria Pires) se preocupa com Alfredo (Nicolas Prattes) na novela das seis da Globo


Resumo da semana

Segunda, 17/2 (Capítulo 120)
Lola tenta se manter forte diante de Alfredo. Genu pede que Lúcio se cuide. Julinho decide ficar no Rio de Janeiro. Soraia pede que Julinho termine seu noivado. Zulmira se recusa a conceder o desquite a Felício. Alfredo se despede, e Inês pede para conversar com o rapaz. Selma comenta com Adelaide que gostaria de tentar um novo método de tratamento com Justina.

Natália se prepara para viajar para o Rio de Janeiro. Clotilde convida Padre Venâncio para ser o padrinho de Francisco. Adelaide anuncia a Emília que trabalhará como jornalista durante a revolução. Alfredo e Lúcio partem para a guerra.

Terça, 18/2 (Capítulo 121)
Os soldados são treinados para a guerra. Lúcio é promovido a segundo tenente. Inês se alista para trabalhar como enfermeira na revolução e Shirley não gosta. Genu comenta com Lola que Afonso sente sua falta no armazém. Emília reprova a iniciativa de Adelaide.

Felício revela a Isabel que Zulmira não aceitou a separação. Shirley afirma a Durvalina que reconquistará Afonso e sua família. Julinho decide escrever uma carta para Lili sobre o noivado dos dois. Gusmões alerta Almeida sobre o perigo que ronda Itapetininga. Maria sofre ao ver Clotilde com Francisco. A guerra é iniciada.

Quarta, 19/2 (Capítulo 122)
Afonso conforta Lola. Lúcio, Alfredo, Nero e Tião se preparam para guerrear. Shirley não gosta quando Afonso convida Lola para sair. Clotilde cuida de Francisco. As tropas chegam a Itapetininga. Maria, Olga e Zeca encontram Alfredo e o parabenizam pela luta.

Soraia garante a Julinho que, em breve, os dois serão noivos. Lili agradece o apoio de Marcelo. Shirley finge estar doente, e Inês pede que Afonso cuide da mãe enquanto estiver fora. Adelaide se despede e garante a Emília que quando voltar resolverá a situação de Justina. Shirley arma para que Durvalina pense que dormiu com Afonso.

Quinta, 20/2 (Capítulo 123)
Durvalina fica abalada ao ver Shirley no quarto de Afonso. Isabel e Felício sofrem com o impedimento de sua união. Inês e Adelaide chegam ao hospital de campanha. Shirley insinua que reatou com Afonso, e Durvalina comenta com Genu que a flagrou no quarto do patrão. Lola se anima para sair com Afonso.

Afonso deixa claro a Shirley que não quer nada com ela. Osório se junta ao batalhão de Lúcio, e Alfredo desconfia. Almeida encontra Zeca. Lola afirma a Afonso que deseja se afastar dele. O batalhão de Lúcio e Alfredo enfrenta sua primeira disputa. Almeida surpreende Clotilde durante o batizado de Francisco. Tião hesita em atirar contra o inimigo.

Sexta, 21/2 (Capítulo 124)
Alfredo salva Tião e atira contra o inimigo. Alfredo desconfia do comportamento de Osório. Almeida admira Francisco. Olga, Zeca e Maria querem despistar Almeida. Adelaide encontra Alfredo. Afonso desabafa com Virgulino sobre a dispensa de Lola. Zulmira surpreende Felício e Isabel. Lili confessa a Lola que teme perder Julinho.

Soraia promete contar a Assad sobre seu romance com Julinho, assim que o rapaz terminar o noivado com Lili. Alfredo confronta Osório. Lola tem a ideia de se instalar em Itapetininga para ficar perto de Alfredo, e Genu gosta. Tião ajuda Alfredo em uma ação, e acaba atingido.

Sábado, 22/2 (Capítulo 125)
Alfredo e Lúcio socorrem Tião. Alfredo consegue levar Tião até o acampamento e afirma que encaminhará o amigo até o hospital. Shirley provoca Lola por causa de Afonso. Inês promete a Alfredo que os médicos ajudarão Tião. Afonso sofre ao pensar em Lola.

Almeida confessa a Gusmões que ficou mexido após o encontro com Clotilde. Natália desabafa com Karine sobre seu casamento com Almeida. Julinho confirma a Soraia que enviou a carta terminando com Lili. Lola e Genu partem para Itapetininga. Tião não resiste e morre nos braços de Alfredo, que é amparado por Inês.


Os capítulos de Éramos Seis são fornecidos pela Globo e estão sujeitos a alteração sem aviso prévio


Além de acompanhar o resumo de Éramos Seis aqui no site, inscreva-se no canal do Notícias da TV no YouTube e assista a vídeos com revelações do que vai acontecer em outras novelas.

Últimas de Éramos Seis

Resumos semanais

Resumo da novela Éramos Seis: Capítulos de 24 a 27 de março

Terça, 24/3 (Capítulo 151)
Isabel comemora a presença de Lola. Inês teme a proximidade de Lola e Leon. Olga e Zeca se preparam para sua viagem de navio. Lola se sente desconfortável na casa de Isabel e Felício, e ... Continue lendo

Outras novelas

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Qual reprise da Globo você mais quer ver?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook