DEU RUIM!

A Dona do Pedaço: Josiane quebra a cara e sai do tribunal direto para presídio

Reprodução/TV Globo

Os atores Agatha Moreira e Vandré Silveira atuam em cena de julgamento da novela A Dona do Pedaço, da TV Globo

Josiane (Agatha Moreira) em cena com Tibério (Vandré Silveira) na novela das nove da Globo

MÁRCIA PEREIRA - Publicado em 11/11/2019, às 22h05

Josiane (Agatha Moreira) seguirá até o fim de seu julgamento crente de que conseguirá virar o jogo e sair livre em A Dona do Pedaço. No entanto, ela vai quebrar a cara e terminará o capítulo desta terça (12) sendo fichada em seu novo "lar". No presídio, a megera aprenderá rapidinho que sua arrogância não é bem-vinda. Ela levará uma surra e perderá um dente por ser "metidinha" com a mandachuva da sua cela.

O depoimento de Téo (Rainer Cadete) chegará ao fim com o fotógrafo afirmando que ainda ama a mulher que tentou tirar sua vida de maneira bárbara. Yohana (Monique Alfradique), então, dará um fora nele.

Em seguida, o público verá a camareira do motel, um amigo de Lucas (Kainan Ferraz) e a irmã do garoto de programa darem seus depoimentos. O momento mais melodramático da terça ocorrerá quando Maria da Paz (Juliana Paes) se sentar no banco das testemunhas. Ela explicará como a filha tomou tudo o que tinha.

"Minha mãe tá fazendo jogo. Quer me derrubar", esbravejará a ré. "Não quero te derrubar. Quero te amar! Mas cê não deixa. Você não deixa te amar", rebaterá a boleira. O promotor e o advogado dispensarão a mãe da assassina, com dó. "Mas ainda assim, filha. Eu tenho esperança em você", afirmará Maria da Paz. 

Josiane vai se declarar inocente mais uma vez. Depois da enrolação no julgamento de Sophia (Marieta Severo) em O Outro Lado do Paraíso (2017), o autor Walcyr Carrasco preferiu um testemunho mais rápido na atual novela. A bandida, por exemplo, terá somente 12 falas antes de ser condenada a 30 anos de prisão.

Show de mentiras

O promotor vai querer saber como fizeram a foto da ré empurrando o mordomo para a morte. "O Jardel [Duio Botta] me chantageou. Eu fui pagar. Ele disse que queria mais dinheiro, sempre ia querer mais. E veio na minha direção, eu empurrei o Jardel, mas sem intenção de morte", alegará a bandida. 

Ela ainda afirmará que foi um impulso. Depois, a assassina admitirá que conhecia Lucas. "Conheci. Ele me chantageou. Eu paguei. Nós nos encontramos num café, no shopping", vai declarar a criminosa, que dirá que não tem a menor ideia de como ele morreu com a bolsa de dinheiro ao cair do alto de um prédio.

"Ele foi assassinado por outra pessoa, que vocês deviam tar buscando, enquanto perdem tempo comigo neste julgamento", mentirá a megera.

Sobre o fotógrafo vivido por Rainer Cadete, ela terá ainda mais cara de pau. Dirá que não o atacou. "Eu nem encontrei o Téo naquela noite. Ele tava com outra. Não tem o nome dela aí? O nome que foi registrado no motel?", indagará Josiane. Depois disso, o público verá Tibério (Vandré Silveira) fazer o discurso final de defesa.

reprodução/tv globo

Maria da Paz (Juliana Paes) e Amadeu (Marcos Palmeira) sofrem com a condenação da filha

Um crime assumido

"Senhores jurados, estão prestes a condenar uma moça inocente. Ela traiu a mãe, teve um caso com o marido dela, mas não merece a prisão por isso. A mãe sim, o marido retirou a acusação, mas a mãe atirou nele... Só que eu soube que o inquérito foi arquivado... Isso sim, seria um crime", comentará o advogado.

"Mas essa morte... A ré empurrou o mordomo quando ele tentou aumentar o valor da chantagem... Num impulso... Como qualquer um de vocês faria se fosse atacado até fisicamente... Não há relação com o segundo crime, a morte de Lucas Minervino, o garoto de programa. O verdadeiro ou verdadeira assassino está solto, rindo às gargalhadas porque querem fazer essa moça inocente pagar pelo crime", continuará.

"E o ataque ao fotógrafo está provado, ele mentiu, quis se vingar. Uma vingança motivada pelo ciúme, pelo amor. Mas alguém pode ser preso, receber uma pena porque não quis amar outra pessoa? Pensem bem, senhores jurados... Josiane é inocente", concluirá Tibério.

Mas o promotor fará o seu papel melhor do que o advogado de defesa. Haverá um intervalo e todos voltarão ao tribunal para ouvir a sentença.

"A ré está condenada à pena máxima. Cumprirá trinta anos, de acordo com a lei em solo nacional. Peço que seja conduzida ainda hoje a um presídio onde cumprirá a pena em cela comum. Este tribunal está encerrado", sentenciará o juiz.

"Idiota, disse que eu ia ser inocentada", reclamará Josiane, descontrolada. Ela terminará o capítulo já com o uniforme de presidiária. 


Inscreva-se no canal do Notícias da TV no YouTube e assista a vídeos com revelações exclusivas de A Dona do Pedaço e de outras novelas!

Últimas de A Dona do Pedaço

Resumos semanais

Resumo da novela A Dona do Pedaço: Capítulos de 20 a 22/11

Quarta, 20/11 (Capítulo 159)
Amadeu consegue a redução de pena para Jô. Fabiana garante a Evelina e Antero que se tornará freira. Chega o dia do casamento de Evelina e Antero. Cornélia presenteia Marlene com um vestido branco e ... Continue lendo

Outras novelas

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Você está gostando de Amor de Mãe?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook