ORIGINAIS EM BAIXA

Top 10 da Netflix escancara que plataforma não é a nova casa do cinema

Laura Magruder/Netflix

A atriz Anne Hathaway segura câmera fotográfica no filme A Última Coisa que Ele Queria

A atriz Anne Hathaway em cena do filme A Última Coisa que Ele Queria, original Netflix

LUCIANO GUARALDO - Publicado em 03/03/2020, às 05h02

Após despejar bilhões de dólares na produção de conteúdo próprio, a Netflix precisa lidar com o fato de que seu público segue em busca em filmes de outras produtoras quando acessa o streaming. A ferramenta Top 10, lançada na semana passada, fez cair por terra o rótulo de "nova casa do cinema" que a própria plataforma se deu no fim de 2018.

O ranking de segunda-feira (2) com os dez longas mais procurados pelos brasileiros, por exemplo, tinha apenas três produções originais da Netflix: Por Lugares Incríveis (lançada no último sábado), Pokémon: Mewtwo Contra-Ataca - Evolução (exibida nos cinemas japoneses, mas cujos direitos de distribuição mundial foram adquiridos pela plataforma) e A Última Coisa que Ele Queria (com Anne Hathaway e Ben Affleck, atores vencedores do Oscar, disponibilizada no dia 21).

Esses longas disputam espaço na preferência dos assinantes com produções que não são originais do serviço nem tão recentes, como Terremoto: A Falha de San Andreas (2015), Meu Malvado Favorito 3 (2017) e Exterminador: Genisys (2015), que sequer é o filme mais recente da franquia estrelada por Arnold Schwarzenegger.

Também foi parar no Top 10 o terror A Casa de Cera, que passa bem longe de ser um lançamento --a socialite Paris Hilton e Jared Padalecki (de Supernatural) chegaram aos cinemas em 2005 com esse remake do clássico de 1953.

Nos Estados Unidos, principal mercado consumidor e meca do cinema, a situação é similar (apesar de os filmes serem outros). Lista divulgada pela plataforma referente ao Top 10 norte-americano do último dia 28 conta com três longas originais (ou cujos direitos de distribuição foram adquiridos) da Netflix: A Última Coisa que Ele Queria, Para Todos os Garotos 2: P.S. Ainda Amo Você e Shaun, o Carneiro, O Filme: A Fazenda Contra-Ataca.

Conhecida por esconder seus números de audiência, a Netflix surpreendeu com a decisão de revelar seus dez filmes e suas dez séries mais procurados pelo público em cada país. Mas certamente os executivos esperavam ter dados mais positivos para a plataforma. Afinal, com Disney, Universal, Warner e afins lançando serviços próprios, esses longas tão procurados pelo público podem deixar a gigante do streaming a qualquer momento para reforçarem os catálogos de seus produtores.

O cenário é bem mais favorável no quesito séries: das dez atrações televisivas que os brasileiros mais buscam, oito são originais Netflix. Apenas a novela Betty em Nova York (atualmente exibida pelo SBT) e o drama Vikings (do Fox Premium) conseguiram quebrar a barreira e entrar na restrita lista da plataforma.

Um dos destaques do Top 10 de séries é Casamento às Cegas, único reality a cravar uma vaga em meio às produções roteirizadas. Com episódios lançados semanalmente, em vez da temporada inteira de uma vez, a atração tem se mantido na lista de mais buscados da Netflix desde o lançamento da ferramenta.

Confira os dez filmes e as dez séries do Top 10 da Netflix de segunda (2):

Top 10 Filmes
1) Por Lugares Incríveis (2020) - original Netflix
2) Terremoto: A Falha de San Andreas (2015)
3) Pokémon: Mewtwo Contra-Ataca - Evolução (2019) - original Netflix
4) Crimes na Madrugada (2017)
5) Exterminador: Genisys (2015)
6) A Casa de Cera (2005)
7) O Destino de Júpiter (2015)
8) Meu Malvado Favorito 3 (2017)
9) A Última Coisa que Ele Queria (2020) - original Netflix
10) O Durão (2015)

Top 10 Séries
1) I Am Not Okay With This - original Netflix
2) Toy Boy - original Netflix
3) Casamento às Cegas - original Netflix
4) Altered Carbos - original Netflix
5) Aucademia - original Netflix
6) Sempre Bruxa - original Netflix
7) Betty em Nova York
8) Vikings
9) Locke & Key - original Netflix
10) Não Fale com Estranhos - original Netflix

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Qual reprise da Globo você mais quer ver?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook