Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

FALTA DOS ESTADUAIS?

Sem Paulistão e Carioca, Globo vê fuga em massa de assinantes do Premiere

REPRODUÇÃO/INSTAGRAM

Gabigol, do Flamengo, em um treino do clube com a camisa vermelha e olhando de forma séria

Gabigol, atacante do Flamengo: sem Estaduais de peso, Globo vê queda de assinantes no Premiere

GABRIEL VAQUER, colunista

vaquer@noticiasdatv.com

Publicado em 21/12/2021 - 6h40

Sem a transmissão dos principais campeonatos Estaduais do país entre janeiro e abril de 2022, a Globo aumentou a fuga de assinantes do Premiere, seu pay-per-view de futebol, no período pós-Campeonato Brasileiro. Na primeira semana depois do fim da liga nacional, o serviço perdeu mais de 50 mil clientes.

Segundo apurou o Notícias da TV, a emissora já esperava uma debandada grande por causa da falta de jogos ao vivo. É normal que parte do público cancele o Premiere durante o período dos Estaduais, já que o seu principal produto são as duas maiores divisões do Brasileirão e a Copa do Brasil.

Mas o número de cancelamentos impressionou. Entre os últimos dias 10 e 17, foram cerca de 54 mil contas que deixaram de pagar o valor mensal para a Globo. Só com isso, a empresa deixará de arrecadar cerca de R$ 3,234 milhões por mês. E, para piorar, esse público demorará a voltar --já que o Brasileirão 2022 só começa em abril.

A Globo bem que tentou manter a relevância do Premiere intacta, mas não conseguiu negociar a volta do Campeonato Carioca para o seu modelo pague para ver, além de perder o Paulista, que era o principal torneio nos quatro primeiros meses do ano.

Para evitar maiores perdas, a Globo deve começar a conversar já em 2022 com clubes pelos contratos do Brasileirão válidos a partir de 2025 --o atual vínculo termina em 2024. No ano que vem, também termina o acordo atual da Copa do Brasil.A emissora quer renovar, mas com pagamento menor.

Procurada para comentar a debandada de assinantes do Premiere, a Globo negou que o número seja de 54 mil clientes e atribuiu a queda a uma situação normal: "A informação não procede. O número de cancelamentos até agora é menor do que o sugerido e segue uma sazonalidade padrão do serviço após o fim das principais competições nacionais". A coluna mantém a apuração. 


Leia também

Enquete

Qual a melhor novela no ar atualmente?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.